POLÍCIA

Homem que atirou na ex-mulher com espingarda é preso por tentativa de feminicídio

Publicado

Por Raquel Teixeira

A Polícia Civil de Porto dos Gaúchos (663 km ao norte de Cuiabá) cumpriu nesta sexta-feira (20) mandado de prisão preventiva contra o homem investigado por tentativa de feminicídio contra a ex-esposa. O crime ocorreu no dia anterior à eleição, em uma propriedade rural de Novo Horizonte do Norte, cidade próxima a Porto dos Gaúchos. Ele foi indiciado por tentativa de feminicídio e o inquérito concluído.

O indiciado, de 60 anos, não aceitava a separação e na manhã do dia 14 de novembro foi até a propriedade onde mora a vítima. Após discutir com a mulher, ele foi até o carro e pegou uma espingarda calibre 28, disparando contra a vítima. Depois do crime, ele fugiu da cidade.

O delegado de Porto dos Gaúchos, João Antônio Ribeiro Torres, explica que a vítima recebeu os disparos pelas costas, que atingiram a nuca, lateral do rosto e ombros. “Felizmente a vítima se encontra fora de perigo. Após os primeiros socorros, ela foi transferida para um hospital em Cuiabá”.

Após diligências da Delegacia de Porto dos Gaúchos para apurar o crime e coletar informações para subsidiar o inquérito instaurado, o delegado representou pela prisão do suspeito. Ele foi preso em Juara, onde está residindo.

O inquérito policial concluído nesta quinta-feira. “As investigações foram intensas, contudo exitosas no sentido de ter angariados elementos de informação sobre a autoria e materialidade delitiva” destacou o João Antônio, que agradeceu o apoio da delegacia da equipe e da Delegacia de Juara para o bom andamento da missão.

Após o cumprimento do mandado de prisão, o indiciado foi encaminhado para a unidade prisional de Porto dos Gaúchos, onde ficará à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

POLÍCIA

Suspeito de locar residências em áreas nobres da Capital para esconder veículos roubados tem prisão cumprida

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um integrante de uma associação criminosa especializada em roubos de veículos teve o mandado de prisão cumprido, nesta terça-feira (01.12), em trabalho da Delegacia Especializada de Repressão a Roubo e Furtos de Veículos (DERRFVA).

No inquérito policial instaurado na especializada em maio de 2020, ficou demonstrado que o suspeito era responsável por locar residências em áreas nobres da Capital para ocultar e adulterar sinais identificadores de veículos roubados pelo grupo criminoso.

Com base nas investigações, o delegado Gustavo Garcia Francisco representou pelo mandado de prisão preventiva do suspeito, o qual foi deferido pela Justiça e cumprido nesta terça-feira (01) pela equipe da DERRFVA.

De acordo com o delegado, a DERRFVA tem buscando intensificar as investigações para identificar membros de associações criminosas envolvidas em roubos e furtos de veículos. “Não só os executores dos assaltos, mas também aqueles que atuam no planejamento e logísticas das atividades criminosas”, explicou o delegado.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana