POLÍCIA

Homem é preso em flagrante após atirar contra policiais e apoiar fuga de fugitivo de penitenciária

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Um homem de 30 anos, com diversos registros criminais, foi autuado em flagrante pela Polícia Civil de Vila Rica (1.259 km a nordeste de Cuiabá) por tentativa de homicídio qualificado cometida contra um policial militar e porte ilegal de arma de fogo.

O suspeito estava em regime semiaberto, monitorado tornozeleira eletrônica, e tem antecedentes por tráfico de drogas, roubo, homicídio e organização criminosa. 

Na manhã de terça-feira (09.02), policiais militares estavam em diligência para checar informações de que um homem teria dado apoio a fugitivos da Penitenciária de Água Boa e seguiam para Vila Rica. Na entrada da cidade, os policiais realizaram uma barreira e deram sinal de parada a um veículo com as características apuradas, porém, o condutor ignorou a ordem e fez um disparo de arma de fogo contra a equipe e acelerou para cima dos militares, quando um deles necessitou se jogar para fora da rodovia a fim de não ser atingido pelo carro.

O suspeito, que tinha um passageiro no carro, saiu em alta velocidade sentido à Vila Rica e entrou em um dos bairros da cidade, sendo perseguido pela Polícia Militar. Após perdê-los de vista por alguns momentos, os policiais conseguiram novamente localizar o suspeito que dirigia o carro saindo de uma casa, porém, ele já estava em uma motocicleta.

Os agentes da PM o acompanharam e ele tentou fugir em alta velocidade, mas foi interceptado próximo ao cemitério da cidade.

Após ser encaminhado à delegacia da Polícia Civil, foi checada a identidade do suspeito e constatado que se trata de um criminoso de alta periculosidade.

De acordo com o delegado José Ramon Leite, além das autuações por tentativa de homicídio, agravada por ser cometida contra um profissional da segurança pública, e porte de arma de fogo, o suspeito também responderá por ter facilitado a fuga de pessoa presa. Após os procedimentos na delegacia, ele foi encaminhado à cadeia de Vila Rica.

Na quarta-feira (10), a delegacia foi comunicada de que uma pessoa deu entrada no pronto-socorro municipal com um ferimento provocado por arma de fogo. Ao checar a informação, os policiais verificaram que se tratava da outra pessoa que estava no veículo junto com o homem preso na terça-feira. Ele era um dos foragidos da Penitenciária Major Zuzi Alves da Silva e responde por diversos crimes, entre eles homicídio, roubo qualificado e associação criminosa. Após receber atendimento médico, o criminoso foi encaminhado à cadeia de Vila Rica e posteriormente recambiado para Água Boa.

Na madrugada de 03 de fevereiro, três presos fugiram da penitenciária de Água Boa. Dois deles foram capturados em Santana do Araguaia, no Pará.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍCIA

PM lamenta morte do cabo Wédiney por complicações da Covid em Cuiabá

Publicados

em


A Polícia Militar informa com profundo pesar a morte do cabo Wédiney dos Santos Miranda, 32 anos, ocorrida nesta quarta-feira(05.05), vítima da complicações decorrentes da Covid-19.

O cabo Wédiney era lotado no setor administrativo da Academia de Polícia Militar Costa Verde, a unidade de ensino superior da PMMT responsável pela formação, pós-graduação e capacitação de oficiais.

Na carreira militar há quase 13 anos, Wédiney Miranda ingressou na PM em 2008, por meio de concurso público para a função de soldado. Ele serviu a sociedade mato-grossense por meio de diversas unidades do 2º Comando Regional de Várzea Grande, incluído a Companhia de Força Tática.

O cabo Wédiney estava internado há 11 dias, desde 25 de abril. Primeiro deu entrada no Pronto Socorro Municipal de Várzea Grande, depois foi transferido para o hospital municipal de referência da Covid-19 em Cuiabá, o antigo Pronto Socorro Municipal.

No dia 29, já na unidade médica hospitalar de Cuiabá, precisou ser intubado. Não resistiu às complicações da doença e morreu nesta quarta-feira.

Wédiney Miranda era casado com Dinalva de Souza Miranda. Ele deixa a esposa e duas filhas, Ana Victoria de Souza Miranda, de quatro anos, e Helôiza Victoria de Souza Miranda, de 8 meses.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana