BRASIL E MUNDO

Governo investirá R$ 17,6 milhões na recuperação da Barragem Engenheiro Ávidos

Publicados

em


O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) e o Departamento Nacional de Obras contra as Secas (Dnocs) assinaram, nessa terça-feira (11), ordem de serviço para início imediato das obras de recuperação e modernização da Barragem Engenheiro Ávidos, na Paraíba, a ser executada com repasse de R$ 17,6 milhões da União. A estrutura recebe as águas do Eixo Norte do Projeto São Francisco e a recuperação trará eficiência na chegada do recurso hídrico à Paraíba e ao Rio Grande do Norte.

A barragem abastece o município de Cajazeiras, que fica a 470 km da capital João Pessoa, e o distrito de Engenheiro Ávidos, beneficiando 61,4 mil pessoas. Além disso, a intervenção oferece suporte hídrico ao açude São Gonçalo, permitindo o uso da água para irrigação e o controle das cheias do Rio Piranhas.

“Esta é uma obra extremamente relevante para o Nordeste setentrional. É a continuidade do Eixo Norte do Projeto São Francisco. O último estado do Nordeste setentrional que vai receber as águas do São Francisco é o Rio Grande do Norte e esperamos que isso ocorra no fim deste ano”, destacou o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho. “Nós sabemos a alegria do nordestino na hora que ele passa a saber que tem segurança hídrica, tem água de qualidade e tratada em suas torneiras. Isso, para nós, é um espetáculo.”

A barragem modernizada terá capacidade de acumular até 255 milhões m³ de água. A partir daí, as águas do Eixo Norte poderão chegar em grandes volumes à Paraíba e seguirão pelo leito do Rio Piranhas-Açu até o Rio Grande do Norte, chegando então no Reservatório Armando Ribeiro Gonçalves, já no estado potiguar.

Projeto São Francisco

No total, o Projeto de Integração do Rio São Francisco soma 477 quilômetros de extensão e é o maior empreendimento hídrico do Brasil. Quando todas as estruturas e sistemas complementares nos estados estiverem em operação, cerca de 12 milhões de pessoas serão beneficiadas em 390 municípios de Pernambuco, Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte. Os investimentos da União já alcançaram R$ 12 bilhões.

O Eixo Leste tem 217 quilômetros de extensão, está em funcionamento desde 2017 e abastece 1,4 milhão de pessoas em 46 cidades pernambucanas e paraibanas.

O Eixo Norte tem 260 quilômetros de extensão. Todas as estruturas responsáveis pela passagem de água até o Reservatório Caiçara, na Paraíba, estão concluídas, restando apenas oito quilômetros de canais até o reservatório Engenheiro Ávidos e serviços complementares que não comprometem a pré-operação. O total de execução física do trecho é 97,84%.


Com informações do Ministério do Desenvolvimento Regional 

 

Fonte: Brasil.gov

Comentários Facebook
Propaganda

BRASIL E MUNDO

Abertas as inscrições para o Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade 2021

Publicados

em


Estão abertas, até o dia 15 de agosto, as inscrições para a 34ª edição do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade, iniciativa que reconhece ações de excelência na preservação e salvaguarda do Patrimônio Cultural. Promovida pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), é a maior iniciativa nacional na área.

O Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade 2021 homenageia o Patrimônio Cultural do Nordeste, mas podem ser inscritas propostas de todo o território nacional. Desde a criação em 1987, a premiação vem se aperfeiçoando e estabelecendo temas que refletem a evolução das políticas de valorização e proteção dos bens culturais.

Poderão concorrer à premiação de R$ 20 mil ações desenvolvidas no âmbito do Poder Público, cooperativas e associações formalizadas, redes e coletivos não formalizados, pessoas físicas, microempreendedor individual e microempresa. Fundações e empresas privadas poderão ser indicadas à menção honrosa, segmento no qual não há remuneração em espécie.

Para participar, os proponentes deverão preencher o formulário de inscrição, disponível no site do Iphan. As ações serão avaliadas, inicialmente, nas comissões estaduais, compostas por representantes das diferentes áreas culturais de cada estado e presididas pelos superintendentes. Iniciativas vencedoras na etapa estadual serão analisadas pela Comissão Nacional de Avaliação, formada pela presidência do Iphan e por 20 jurados que atuam nas áreas de preservação ou salvaguarda do Patrimônio Cultural.

O resultado da etapa regional está previsto para final de outubro. Já as dez ações vencedoras em nível nacional e as duas menções honrosas serão divulgadas em dezembro.

Acesse o edital

Faça sua inscrição

Saiba mais sobre o Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade 2021

Com informações do Ministério do Turismo

Fonte: Brasil.gov

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana