BRASIL E MUNDO

Governo entrega residencial a famílias de baixa renda em Praia Grande (SP)

Publicados

em


O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) entregou 90 apartamentos a famílias de baixa renda que vivem em Praia Grande, no litoral do estado de São Paulo. O Residencial Jardim Imperador III beneficiará cerca de 350 pessoas e recebeu, no total, R$ 10,3 milhões em investimentos, incluindo contrapartida estadual.

O secretário nacional de Habitação do MDR, Alfredo dos Santos, esteve no condomínio para participar da solenidade de entrega das chaves às famílias. “O ministério vem se esforçando para reduzir o déficit habitacional no Brasil. Possibilitar que famílias de baixa renda tenham acesso à casa própria é fundamental”, destacou.

Uma das beneficiadas com a nova moradia é a profissional autônoma Alessandra dos Santos Silva. “Estou muito feliz, essa casa é exatamente o que eu queria. Agora poderemos morar muito melhor do que morávamos antes”, comemorou.

O Residencial Jardim Imperador III é composto por três blocos de apartamentos de cinco andares. Cada unidade tem 43,31 m², com dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. O condomínio já conta com redes de água, esgoto, drenagem, energia elétrica e iluminação pública, pavimentação e urbanização.

Produção habitacional em 2020

Em 2020, o MDR entregou 415,4 mil moradias, das quais 52,3 mil foram destinadas a famílias de baixa renda. Mais de 1,66 milhão de pessoas tiveram o sonho da casa própria realizado. Foram, ainda, retomadas 30 mil unidades que estavam paralisadas e poderão contemplar 120 mil pessoas.

 

Com informações do Ministério do Desenvolvimento Regional

Fonte: Brasil.gov

Comentários Facebook
Propaganda

BRASIL E MUNDO

Transmissão do novo coronavírus despenca após vacinação e lockdown em Portugal

Publicados

em


source
Primeiro-ministro de Portugal, António Costa, em visita a hospital
Reprodução/Twitter/@antoniocostapm

Primeiro-ministro de Portugal, António Costa, em visita a hospital

Portugal conseguiu fazer despencar o número de contaminações pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2) após reforçar seu programa de vacinação contra a Covid-19 e ampliar medidas de confinamento da população. O país, que chegou a ser considerado um dos melhores exemplos de combate à pandemia na Europa,  viu a Covid-19 sair de controle em janeiro.

Naquele mês, Portugal passou vários dias na liderança mundial em novos casos e mortes por milhão de habitantes e fez até um pedido de ajuda internacional para cuidar de seus doentes. Agora, as taxas de contágio são as mais baixas da Europa.

A redução nas infecções foi conquistada com a imposição de um confinamento bastante restritivo. O lockdown implantado no país está em vigor desde 22 de janeiro e ainda não tem data para acabar. Mesmo com a boa notícia, especialistas e próprio governo consideram que os resultados ainda requerem atenção.

Um dos principais termômetros do estado da pandemia, o número de doentes internados caiu 73% entre 1º de fevereiro e 3 de março, passando de 6.775 para 1.827.

Você viu?

O número de mortes também segue em queda. Em 31 de janeiro, o país registrou o recorde de 303 óbitos pela doença. Em 3 de março, foram 41.

Portugal também reforçou seu programa de vacinação. A campanha de imunização, que começou com lentidão e ofuscada por denúncias de pessoas vacinadas indevidamente, engrenou e tem batido sucessivos recordes de doses aplicadas.

Até agora, o país já aplicou mais de 885 mil doses de vacina. Ele tem 10 milhões de habitantes, o que faz o percentual ficar um pouco abaixo de 10%. Cerca de 618 mil pessoas (6,2% da população) já receberam a primeira dose, e 266.716 (2,6%) já têm a vacinação completa.

De acordo com um relatório do Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge publicado na última sexta-feira (26), Portugal estabilizou sua taxa de transmissão do vírus (Rt) em torno de 0,66 e 0,68. Isso quer dizer que, atualmente, um grupo de 100 pessoas contaminadas em Portugal transmite o novo coronavírus para 68 pessoas, fazendo com que os números caiam com o passar do tempo.

Fonte: IG Mundo

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana