Saúde

Governo de SP volta a colocar quilombolas como prioridade na vacinação

Publicados

em


source
.
André Biernath – Da BBC News Brasil em São Paulo

CoronaVac:

Os quilombolas voltam a ser prioridades na  vacinação contra a Covid-19 no Estado de São Paulo. Na tarde desta terça-feira (19), o governador João Doria (PSDB) acusou o governo federal de excluir as mais de 50 comunidades reconhecidas como quilombos da lista e afirmou que elas farão parte da primeira fase do programa de imunização.

“O Ministério da Saúde excluiu os Quilombolas da fase inicial do Plano Nacional de Imunização. Acabo de determinar que em SP a população Quilombola fará parte do programa de vacinação desde já, conforme previsto no Plano Estadual de Imunização”, tuitou Doria.

A Secretaria de Saúde disse ao G1, na manhã de hoje, que os grupos foram excluído por meio da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que teria proibido o uso emergencial da Coronavac. A agência, porém, negou a informação e disse  não haver restrições emergenciais concedidas no último domingo (17).

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Propaganda

Saúde

SP estuda criar fase roxa, mais restritiva que a vermelha, para conter Covid-19

Publicados

em


source
SP pode apertar ainda mais a quarentena
Divulgação/Governo de São Paulo

SP pode apertar ainda mais a quarentena

O governo do estado de São Paulo estuda a possibilidade de criar uma fase roxa no Plano São Paulo, ainda mais restritiva que a vermelha. O objetivo é conter a propagação do novo coronavírus (Sars-Cov-2).

“Estamos discutindo a possibilidade e a necessidade de uma fase ainda mais restritiva que a vermelha”, disse neste sábado (27) o coordenador do centro de contingência do estado, Paulo Menezes, à CNN.

De acordo com ele, haveria uma reclassificação a respeito de quais atividades são essenciais , sobretudo de madrugada. “Isso implicaria talvez ter limitação de atividades, de algumas atividades que são classificadas como essenciais em determinados horários, especialmente nos horários noturnos e de madrugada. Estamos discutindo para ver a necessidade, quais indicadores levam a essa fase e quais seriam os resultados esperados. Estamos discutindo com o governo para ver se é o caso de adotar essa nova fase”.

Para Menezes, este é o pior momento da pandemia de Covid-19 no estado e no país. Segundo ele, a ocupação geral da rede hospitalar de São Paulo é de 70% , mas três regiões têm ocupação de cerca de 90%.

Nessa semana, o governador do estado, João Doria , reclassificou as regiões do Estado, bem como determinou o “toque de restrição” durante as madrugadas . “Nós esperamos, sim, que medidas anunciadas ontem comecem a fazer efeito e reduzir a propagação do vírus, reduzir a velocidade de aumento do número de casos e internações ao longo dos próximos dias. Ainda temos situação que permite pelo menos mais 2 semanas de aumento progressivo de internações, o que esperamos que não ocorra.”, declarou Menezes.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana