mato grosso

General Carneiro completa 57 anos com parcerias do Governo do Estado

Publicados

em


General Carneiro (distante 455 quilômetros de Cuiabá no sentido Leste), primeiro município do ranking mato-grossense em produtividade na cultura de algodão, comemora 57 anos de emancipação nesta quinta-feira (03.12). A cidade recebeu repasses financeiros em dia do Governo do Estado, além de parceria no combate à pandemia do coronavírus.

Com 5.592 habitantes, recebeu da Secretaria de Estado de Saúde (SES) 475 testes rápidos para detecção do coronavírus e medicamentos para combatê-lo, num total de 20.276 comprimidos, entre azitromicina (2.493), ivermectina (1.994) e dipirona (15.789), também distribuído em gotas, com 388 frascos.  

Entre janeiro e setembro deste ano, o Governo do Estado repassou R$ 7,9 milhões aos cofres municipais em ICMS, IPVA e Fethab, além de R$ 1,9 milhão em assistência social, transporte escolar e convênios na área de saúde, entre 2019 e julho de 2020.

Economia – Embora a produção municipal de algodão, de 38,8 mil toneladas registradas pelo IBGE em 2019, seja a 27ª do ranking estadual, General Carneiro é o primeiro em produtividade, ao lado de Sapezal e Torixoréu, com 4.500 quilos por hectare plantado.

General Carneiro é o primeiro em produtividade em algodão, ao lado de Sapezal e Torixoréu, com 4.500 quilos colhidos por hectare plantado. Foto: Secom-MT 

O município tem ainda uma significativa produção de milho (142,7 mil toneladas) e soja (179,86 mil toneladas), além de, em menor escala, cana-de-açúcar, feijão e mandioca. Possui ainda um rebanho bovino com 86,1 mil cabeças, das quais 1.266 vacas ordenhadas e 1,14 milhão de litros de leite; rebanho galináceo com 15,7 mil cabeças, e suíno, com 3 mil cabeças.

Segundo os últimos números disponíveis do IBGE, de 2017, o setor agropecuário, com R$ 114,47 milhões, é o principal componente do PIB (Produto Interno Bruto) municipal de R$ 197,3 milhões, respondendo por 58% deste total. É seguido por administração pública (R$ 32,3 milhões), serviços (R$ 29,9 milhões), impostos (R$ 13,5 milhões) e indústria (R$ 7,15 milhões). O PIB per capita é de R$ 36.997,80.  

O município tem uma significativa produção de  soja – Foto Secom 

História – No início era Barreiro Grande, por causas do grande lamaçal (barreirão) formado pelas poças d’águas próximas de onde surgiu o primeiro núcleo urbano. Em 1892, uma expedição chegou ao povoado para levantar a linha telegráfica entre Mato Grosso e Goiás. Era comandada pelo futuro General (Gomes) Carneiro e tinha como subcomandante o então tenente Cândido Mariano da Silva Rondon. 

Barreiro Grande tornou-se posto avançado e sede temporária das tropas, além da Estação Telegráfica General Carneiro.  O distrito, quando criado em 1958, incorporou e simplificou o nome para General Carneiro. Pertencia ao município de Tesouro. Foi elevado a município em 3 de dezembro de 1963, desmembrado de Tesouro e Barra do Garças.

O território foi habitado por parte do povo Bororo, que ainda vive no município, na Área Indígena Merure. A Área Indígena Sangradouro, onde vive o povo xavante, também ocupa área do município.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Propaganda

mato grosso

Mato Grosso registra 545.069 casos e 13.909 óbitos por Covid-19

Publicados

em

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) notificou, até a tarde desta sábado (23.10), 545.069 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 13.909 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 126 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 545.069 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 1.748 estão em isolamento domiciliar e 528.834 estão recuperados.

Devido à manutenção na base de dados do sistema oficial do Ministério da Saúde, não foi possível publicar o Ranking da Vacinação em Mato Grosso nesta semana. A perspectiva é de que o Ranking seja atualizado até a próxima terça-feira (26.10).

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 76 internações em UTIs públicas e 37 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 27,64% para UTIs adulto e em 6% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (113.081), Várzea Grande (40.174), Rondonópolis (38.252), Sinop (26.279), Sorriso (18.392), Tangará da Serra (17.796), Lucas do Rio Verde (15.700), Primavera do Leste (14.784), Cáceres (11.932) e Alta Floresta (10.806).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 404.835 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 85 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na sexta-feira (22.10), o Governo Federal confirmou o total de 21.711.843 casos da Covid-19 no Brasil e 605.139 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país tinha 21.697.341 casos da Covid-19 no Brasil e 604.679 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados desta sábado (23.10).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana