Cuiabá

Garis ganham homenagem em projeto criado pela primeira-dama Márcia Pinheiro

Publicados

em


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

Cerca de 110 mulheres garis participaram, nesta sexta-feira (21), do projeto “Mulheres que mudam Cuiabá” e receberam além de um café da manhã, um certificado de reconhecimento aos serviços prestados com zelo, dedicação e eficiência em favor da sociedade cuiabana.

De acordo com a primeira-dama Márcia Pinheiro, uma das idealizadoras do projeto, a ação surgiu no início do ano, programada para o dia das mulheres. Porém, com o aumento de casos da Covid-19, foi decidido remarcar a data. Ela explica que o “Mulheres que mudam Cuiabá”, tem como principal objetivo a valorização feminina, principalmente nesta época de pandemia.

“O trabalho desenvolvido por essas mulheres é fundamental para nossa cidade. Além desta profissão ser tão difícil devido ao nosso calor, elas ainda possuem filhos e esposo, voltam para casa e tem o segundo e terceiro turno de trabalho”, pontua.

Márcia ainda destacou que mesmo estando em São Paulo acompanhando uma pauta com o prefeito Emanuel Pinheiro, estava presente de coração e por meio digital. Ela afirma que conseguiu sentir a emoção e o carinho de todas essas mulheres que foram homenageadas.

De acordo com a Secretária Municipal da Mulher, Luciana Zamproni, o lançamento do “Mulheres que mudam Cuiabá”, aconteceu no mês de abril e homenageou cerca de 90 mulheres da Cultura, o evento foi realizado por meio digital. Em seguida, foi levantado o número de mulheres que faziam parte da limpeza urbana da cidade e também sobre quantidade de mulheres motoristas de ônibus, porém devido ao aumento de casos da Covid-19 o evento foi remarcado.

“Hoje meu sentimento é de felicidade por poder retribuir não apenas o meu reconhecimento, mas a gratidão e o carinho da nossa gestão para essas mulheres. Nunca vi uma cidade tão limpa e tão cuidada como está hoje. Essa ação mostra pra sociedade que muitas vezes não reconhecem o trabalho das garis, que nós valorizamos. A nossa primeira-dama e o prefeito articularam para que essas guerreiras fossem vacinadas e hoje recebem não apenas uma manhã de homenagem, mas também a nossa gratidão. Temos orgulho dessas mulheres fortes que deixam nossa cidade ainda mais linda”, ressalta.

O Deputado Federal Emanuel Pinheiro Neto, o Emanuelzinho, parabenizou todos os envolvidos do projeto e destacou a importância que todas essas garis tem para Cuiabá. Segundo ele, olhar para a cidade enche de orgulho devido a limpeza e o cuidado que vem recebendo por parte da Empresa Cuiabana de Zeladoria e Serviços Urbanos (Limpurb). 

“Tenho orgulho em fazer parte deste evento e presenciar essas mulheres que não apenas mudam, mas transformam Cuiabá, orgulho de ver a primeira-dama valorizando essas trabalhadoras. Comprimento cada uma de vez por fazer parte dessa história”, conclui.

Representando o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, o vice-prefeito José Roberto Stopa, agradeceu a todas as mulheres que fazem parte da Limpurb e destacou que em menos de 10 dias ele pode observar o carinho, amor e dedicação que essas mulheres possuem pela capital.

“Estava refletindo que durante aproximadamente 15 dias o trabalho que essas mulheres realizam. Primeiro entregamos o viaduto Murilo Domingos e quem estava até às 22h, limpando o local? Eram elas. Depois entregamos o Beco do Candeeiro, o asfalto e em todos esses eventos percebemos a dedicação dessas trabalhadoras. Que muitas vezes deixam suas casas, sua família pra cuidar da nossa família. Eu em nome do prefeito e fazendo parte da gestão só tenho agradecer”, declarou.

Odilza Josefa Anunciação, que trabalha na Limpurb há oito anos, agradeceu à primeira-dama, o vice-prefeito, secretária da Mulher, pela homenagem. “Me sinto ainda mais motivada para continuar cuidando da minha cidade como eu cuido da minha casa”, finaliza.

Em uma parceria, o empresário Guilherme Bravo vai ofertar para essas mulheres um dia de beleza no Guilherme Bravo Beauty & SPA.

“Uma alegria fazer parte deste time e poder ofertar para essas mulheres que mesmo durante a quarentena não pararam de trabalhar, mesmo tendo filhos pequenos continuaram na linha de frente. Nada mais justo em poder ofertar um dia de rainha”, declara.

O evento foi dividido em dois turnos para evitar a aglomeração: de manhã e à tarde. E seguiram todas as medidas de biossegurança exigidas em decretos e pelo Ministério da Saúde.

 

Comentários Facebook
Propaganda

Cuiabá

“Há mais de 20 anos a população espera por esse ato de coragem”, diz Emanuel sobre revolução no transporte público

Publicados

em


Atério Marcos

Clique para ampliar

O prefeito Emanuel Pinheiro destacou que o transporte público de Cuiabá passa a viver uma nova realidade, a partir desta terça-feira (03). Como parte do compromisso firmado com a população, o chefe do Executivo entrega 144 novos ônibus com wi-fi, câmeras de segurança, plataforma elevatória para cadeirantes e ar-condicionado. A ação faz parte de um conjunto de melhorias que, desde 2017, o gestor vem promovendo nessa área.

“O que nossa gestão está fazendo é uma verdadeira revolução no transporte público. Há mais de 20 anos a população espera por esse ato de coragem. Coragem para pensar nos mais humildes, naqueles que dependem exclusivamente desse meio de locomoção. Coragem para quebrar um ciclo vicioso e iniciar um novo, mais moderno, inovador e que corresponda às necessidade do povo”, comenta o prefeito.

A renovação da frota é fruto do processo licitatório realizado pela gestão Emanuel Pinheiro, com o intuito de promover a modernização do sistema, gerando mais segurança e conforto aos mais de 260 mil usuários atendidos diariamente pelos 380 veículos em funcionamento na Capital. Está dentro desse planejamento, ampliar o número de ônibus com ar-condicionado, atingindo 70% da frota no 3º ano de concessão e 100% no fim do 5º ano.

A concorrência pública foi dividida em quatro lotes, vencidos pelas empresas: Integração Transporte LTDA; Caribus Transportes e Serviços LTDA; Rápido Cuiabá Transporte Urbano LTDA e Viação Paraense LTDA. Os ônibus devem ser compostos com wi-fi, quatro câmeras de segurança, plataforma elevatórias para cadeirantes e ar-condicionado. Uma das obrigações das concessionárias é a de reduzir idade média dos ônibus para, no máximo, 5 anos.

Além disso, a implantação da “Frota Limpa” no sistema também está entre as obrigações das vencedoras da licitação. A iniciativa estabelece que, em um prazo máximo de seis meses após o início de operação, as concessionárias vencedoras devem colocar em operação quatro ônibus (elétricos e híbridos), zero quilômetros, do tipo “Padron”, com baixa emissão de poluentes locais e de CO2.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana