POLÍCIA

Funcionário de construtora é preso com ferramentas furtadas da empresa

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Diversos equipamentos furtados de uma construtora em Rondonópolis foram recuperados e uma pessoa foi presa pela equipe de investigação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos do município, na sexta-feira (15).

Os investigadores chegaram ao suspeito após checar a informação de que uma lixadeira, que foi furtada da empresa, ser anunciada em um grupo de venda de produtos em uma rede social.

A equipe policial conseguiu identificar o anunciante e o bairro onde mora. O suspeito, de 23 anos, foi abordado pelos investigadores o Jardim Santa Clara 2 e com ele estava a lixadeira, que informou ser de sua propriedade e estava tentando vendê-la.

Depois, ele acabou informando aos policiais que trabalha na construtora há dois meses e  durante este período começou a furtar algumas ferramentas e indicou o local em que havia deixado os outros materiais levados da empresa.

Foram recuperados uma esmerilhadora, caixa de ferramentas, máscara e cabo de solda, uma máquina de solda, martelete e uma serra circular.

O rapaz foi conduzido à DERF e autuado em flagrante.

 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍCIA

Força-tarefa conclui 150 inquéritos policiais de Juruena e Cotriguaçu em cem dias

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma força-tarefa composta por policiais civis das Delegacias de Cotriguaçu e Juruena concluíram e encaminharam ao Ministério Público Estadual 150 inquéritos policiais finalizados em 100 dias de trabalho.

Coordenada pelo delegado Philipe de Paula da Silva Pinho, o trabalho envolveu dedicação e diária da equipe, com a participação de nove investigadores, um escrivão e o delegado. “Foram dias de entrega da equipe, diligenciando para cumprir as cotas do Ministério Público e esquadrinhar cada procedimento, verificando as soluções cabíveis para cada caso. Nós cumprimos nosso dever e entregamos à sociedade o resultado”, pontuou o delegado. 

Com a redução dos inquéritos nas duas delegacias será possível entregar um melhor atendimento à sociedade dos dois municípios, dando maior atenção aos casos graves. “Nós antes tínhamos que lidar com mais de 180 inquéritos por delegacia, estávamos sufocados por problemas simples de se resolver. Inquéritos com mais de 10 anos sem solução que, finalmente, colocamos um ponto final e oferecemos uma resposta ao povo de Cotriguaçu e Juruena”.

Os trabalhos da força tarefa foram encerrados nesta semana e agora as equipes das delegacias vão se dedicar à investigação dos crimes complexos cujos inquéritos estão em andamento.

“Eu quero deixar aqui meus parabéns para cada um desses servidores, investigadores, investigadoras e escrivão, que se doaram de forma absoluta . Se não fosse pelo empenho deles, com toda certeza nos não teríamos alcançado um número tão expressivo de inquéritos em um prazo tão curto. Isso demonstra o compromisso que esses policiais têm com a sociedade em que vivem”, finalizou o delegado. 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana