ENTRETENIMENTO

Filho de Naldo Benny é pego com drogas e levado para delegacia

Publicado


source
Naldo e Pablo
Reprodução

Naldo e Pablo


Filho do cantor Naldo Benny, Pablo Jorge foi detido na tarde desta quinta-feira (6). Policiais encontraram drogas com o funkeiro e o levaram para a 21ª Delegacia Policial, em Bonsucesso.

Pablo Jorge tem 23 anos e é o filho mais velho do cantor com a ex-empresária, Branka Silva. A coluna soube que o funkeiro estava gravando um clipe e a polícia chegou no local para uma abordagem. “Não sei o que aconteceu direito. Estava gravando para uma rádio. Pode ser que ele estava usando drogas ou alguém da equipe. Ainda não sei”, disse Naldo um pouco depois de ter recebido a notícia.

A coluna entrou em contato com a delegacia que confirmou que Pablo Jorge acabou sendo levado para a 21ª DP.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
publicidade

ENTRETENIMENTO

Liliane Ventura repudia grito de ‘Fora Bolsonaro!’ da jogadora Carol Solberg

Publicado


source
Liliane Ventura e Carol Solberg
Reprodução Instagram

Liliane Ventura e Carol Solberg: defensora do atual governo, a apresentadora de TV ainda escreveu em um post sobre a jogadora: ‘Tentou lacrar com manifesto e se deu mal’

Liliane Ventura  foi uma das que não digeriram bem as palavras da jogadora de vôlei de praia  Carol Solberg, parceira de Talita Antunes, após a conquista da medalha de bronze na etapa de abertura do Circuito Nacional, em Saquarema (Rio), no último domingo, ao vivo pelo SporTV: “Só para não esquecer, fora Bolsonaro!”. A jornalista recorreu às redes sociais para mandar o “papo reto” e repercutir a manifestação contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).


Ao gravar um vídeo, ela teceu críticas à filha da ex-atleta Isabel Salgado. “A desportista mostrou que precisa de exercício cerebral, porque criticar quem a patrocina é sinal, sim, de sedentarismo intelectual. Para isso tem remédio, hein? Pode começar buscando informação sobre política”, afirmou a  ex-comandante do extinto telejornal “Aqui Agora”, do SBT, antes de mostrar a  nota de repúdio divulgada pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) e a imagem de uma campanha que pede o cancelamento de apoio do Banco do Brasil (BB). “E a máxima continua valendo, ‘quem lacra, não lucra'”, argumentou.

Carol disse ter sofrido  ameaças virtuais por causa de suas declarações, porém revelou não se arrepender de sua atitude. Mesmo assim, após a polêmica, fez questão de publicar um texto no Instagram em que deixa claro que não recebe bolsa atleta, tampouco patrocínio do Banco do Brasil. “Proteja-se das fake news, não divulgue desinformação”, alertou. Por fim, vale destacar que ela usava um uniforme com a logomarca do BB porque a CBV, organizadora do evento, recebe aporte do banco estatal.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana