mato grosso

Famílias carentes da Associação Boas Novas são atendidas com doações

Publicado


.

Cerca de 300 famílias carentes atendidas pela Associação de Promoção Humana e Social “Grupo Boas Novas”, do Residencial Ilza Therezinha Picoli Pagot, receberam doações de cestas básicas e cobertores nesta sexta-feira (07.08). 

A iniciativa faz parte da campanha “Vem Ser Mais Solidário – MT unido contra o coronavírus” e do programa “Aconchego”, ações lideradas voluntariamente pela primeira-dama do Estado, Virginia Mendes, e executadas pela Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc).

Representando a titular da pasta, Rosamaria Carvalho, a secretária-adjunta de Cidadania da Setasc, Rosi Porcionato, foi responsável pelas distribuições dos mantimentos. Ela enfatizou a importância da ação social para as famílias em situação de vulnerabilidade, consideradas as mais atingidas pela pandemia.

“Estamos realizando doações para que não falte comida na mesa das famílias que passam adversidades. Buscamos ajuda e solidariedade de todos para garantir dignidade humana e segurança alimentar dessas pessoas”, pontuou.

De acordo com o presidente da Associação, Celso Marcos, a iniciativa contempla moradores dos bairros Jonas Pinheiro, Jamil Nadaf, Terra Prometida e Jardim Diamante. 

“O momento é extremamente delicado, principalmente, para os que trabalham de maneira informal, como é o caso dos que estão aqui. Agradeço ao governador, à primeira-dama e à Setasc, que são parceiros já de longa data e sempre estão prontos para nos ajudar”, afirmou.

A venezuelana Oscari Rodrigues, 22 anos, recebeu cesta básica e cobertor. Ela relatou que ficou desempregada com a chegada da pandemia e devido a isso tem passado dificuldades. “Agradeço pelo alimento. As coisas não estão fáceis. Essa cesta vai ajudar na alimentação da minha família”, disse.

A haitiana Alcine Vierginie, 35 anos, moradora do assentamento Terra Prometida, também comemorou no momento das entregas. “Há seis meses estou sem trabalhar. Agradeço muito por essa ajuda que vocês estão nos dando, é muito bem-vinda”.

Mais entregas

Os moradores do bairro São João Del Rei e do Novo Paraíso II, em Cuiabá, também foram beneficiados com 150 cestas básicas da campanha “Vem Ser Mais Solidário” e cobertores do programa “Aconchego”. As entregas foram realizadas pelo secretário-adjunto de Assuntos Comunitários da Setasc, Édio Martins, e o assessor especial da Setasc, Thiago Campelo.

O presidente do bairro São João Del Rei, Silvano Cruz, elogiou o compromisso do Estado com os moradores da região.  “O Governo sempre está atuando de uma forma especial com a nossa região, é a segunda vez que nos atende com doações. Agradeço muito por essa parceria”, manifestou.

Lucinda da Luz, 55 anos, uma das beneficiadas do bairro Novo Paraíso II, disse ser agraciada por receber a cesta e cobertor. “Essa ajuda que vocês trouxeram é muita boa. Nem sei como agradecer”, comentou.

A representante da “Casa de Oração para Todos os Povos” do bairro Novo Paraíso II, Geny Solange da Luz, e responsável pela articulação das entregas com o Governo, agradeceu as doações. “Aqui existe muita carência de alimento, principalmente neste momento. Agradeço a primeira-dama e a Setasc por essa vontade de ajudar quem realmente precisa”.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

mato grosso

Luisa Mell: “Tivemos uma conversa muito produtiva de três horas sobre as ações para o Pantanal”

Publicado


.

O governador Mauro Mendes recebeu a visita da ativista ambiental Luisa Mell, na tarde desta sexta-feira (25.09), e ouviu as contribuições dela para as ações de resgate aos animais vítimas dos incêndios no Pantanal. Foram definidas ações de curto, médio e longo prazo para reforçar este trabalho.

Luisa Mell afirmou ter saído “muito contente” da reunião, que também contou com a participação da deputada federal Rosa Neide; do deputado estadual Carlos Avalone e do suplente de deputado Sargento Vidal; dos secretários Alexandre Bustamante (Segurança Pública) e Mauren Lazzaretti (Meio Ambiente); e do comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Alessandro Borges. 

“Fiquei muito contente, foi uma reunião de 3 horas que trouxe contribuições muito importantes. Uma conversa muito produtiva. Tudo começa com diálogo e ação. Já houve o diálogo, agora vamos nos unir para a ação”, declarou.

Durante a reunião, o governador relatou para Luisa Mell que o Governo de Mato Grosso tem atuado forte no combate aos incêndios florestais desde março, com várias frentes de trabalho, quando foi lançado o Plano de Ação contra o Desmatamento Ilegal e Incêndios Florestais em Mato Grosso. Além disso, criou o Posto de Atendimento aos Animais Silvestres do Pantanal, que resgata os animais atingidos pelos incêndios ou que estão fugindo das áreas queimadas. 

Já foram mais de R$ 22 milhões investidos de recursos próprios, contando com 40 equipes espalhadas por todo o estado para o combate ao fogo, sete aeronaves, três helicópteros e mais de 2500 profissionais envolvidos, desde bombeiros militares, voluntários, integrantes da Defesa Civil e do Exército. O Governo de Mato Grosso, neste ano, já aplicou mais de R$ 190 milhões em multas por uso irregular do fogo e tem endurecido contra os criminosos, sendo que as multas estão sendo levadas para os órgãos de proteção ao crédito, como SPC e Serasa, além das implicações criminais.

Mendes agradeceu a ativista e sua equipe por terem se colocado à disposição para ajudar o Governo do Estado nesse trabalho. 

“A Luisa Mell trouxe sugestões, trouxe a proposta de ajuda que recebi com muita gratidão. Muitas pessoas criticam, mas poucas se apresentam para ajudar, trazer sugestões e ajuda, como a Luisa Mell fez. Estamos trabalhando muito, mas precisamos sim de ajuda para evitar que em qualquer canto de Mato Grosso aconteça esses acidentes que envolvem o nosso Meio Ambiente”, ressaltou.

Como saldo da reunião, foram reforçadas várias atividades, como o envio emergencial de mais dois carros-pipa, um caminhão de 30 mil litros de capacidade, duas camionetes de 5 mil litros e seis camionetes de 500 litros, além de outras camionetes para distribuição de alimentos.

Também está sendo viabilizada uma unidade móvel para atendimento dos animais silvestres e a construção de 10 pontes na Transpantaneira para facilitar o tráfego e logística de combate aos incêndios.

Ainda foram debatidas ações conjuntas a médio e longo prazo, como o aprimoramento da legislação; campanhas de conscientização nas escolas; programas de capacitação para fomento e crescimento do ecoturismo e articulação junto a operadoras de telefonia para investimentos em comunicação na região.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana