economia

Evento apresenta super bike que causa transformação social no mundo

Publicados

em

source
Evento apresenta super bike que causa transformação social no mundo
Divulgação

Evento apresenta super bike que causa transformação social no mundo

Você provavelmente já sabe os benefícios que uma bicicleta pode causar na vida de cada ser humano. Além de inúmeras vantagens para a saúde de quem a utiliza, ela também é um instrumento importante na diminuição da poluição do planeta. Mas, você sabia que ela pode causar uma transformação social? É isso que já vem acontecendo em regiões rurais do continente africano e mais recentemente na Colômbia, com a “Buffalo Bicycle”, uma super bike que será apresentada ao público brasileiro no evento gratuito “Exposição Buffalo Bicycle”, realizado na próxima quarta-feira (04), em São Paulo. 

A Buffalo Bicycle é capaz de carregar 100 kg e permite o transporte de pessoas e cargas pesadas com segurança e eficiência, ajudando no desenvolvimento econômico de diversas regiões, permitindo que agricultores e empresários transportem mais mercadorias e economizem tempo. Ela também causa impacto na educação, servindo de meio de transporte para que crianças carentes consigam chegar e permanecer na escola. No âmbito da saúde, possibilita que profissionais da área visitem casas de pacientes com mais frequência.

O exemplar que será exposto foi doado em 2012 para a Ciclocidade (www.ciclocidade.org.br) – Associação dos Ciclistas Urbanos de São Paulo – por meio de dois fotógrafos sul-africanos, Stan Engelbrecht (Cidade do Cabo) e Nic Grobler (Joanesburgo), que trouxeram a Buffalo para o Brasil com o intuito de fortalecer as relações de ciclistas e cicloativistas do Sul Global que acreditam no poder revolucionário das bicicletas em conectar, engajar e transformar vidas. 

“Acredito que a bike é uma ferramenta de transformação social e que a Eureka, por meio do apoio a projetos assim, colabora com esta mudança”, diz Daniel Moral, cofundador da Eureka

Como as bicicletas chegam nas comunidades?

O programa global World Bicycle Relief, WBR, (http://worldbicyclerelief.org/) arrecada fundos para construir e distribuir essas bicicletas a comunidades desfavorecidas a fim para que as pessoas ganhem mais mobilidade e acesso à educação, saúde, desenvolvimento econômico e igualdade de gênero. 

“Em muitas regiões rurais do mundo, milhões de pessoas caminham quilômetros todos os dias apenas para sobreviver. A pé, os indivíduos caminham contra o sol para realizar as tarefas do dia a dia. A distância é uma barreira para frequentar a escola, receber assistência médica e entregar mercadorias em estabelecimentos comerciais”, explica o site do projeto. De acordo com Andrew Wright, representante do programa na América Latina, a missão agora é atingir 1 milhão de bicicletas distribuídas até 2025. 

Leia Também

Do outro lado do Atlântico, a bicicleta busca ser uma ferramenta de assistência e construção de independência, liberdade e autonomia. Uma reflexão que também é necessária por aqui e que, com essa experiência inspiradora, nos ajuda a buscar forças e repensar nossa própria realidade por meio de um continente que tem uma relação histórica tão íntima conosco. A Buffalo e o WBR nos lembram que não estamos sozinhos; tem muita gente que, assim como nós, faz um trabalho sério, responsável, apaixonante e solidário para reduzir as desigualdades sociais e mudar as bases do mundo. 

Como participar da exposição?

Basta acessar o link:  https://bit.ly/lancamento-buffalo-bicycle e reservar o ingresso gratuitamente. A “Exposição Buffalo Bicycle” acontece no dia 04 de maio de 2022, das 18h às 22h, na Eureka Coworking Paulista, localizada na Avenida Paulista, 2439, em São Paulo. 

Sobre a Eureka Coworking

A Eureka Coworking acredita que a forma como se vive o cotidiano dentro do escritório ou do coworking faz toda a diferença na vida das pessoas. A empresa oferece uma nova perspectiva por meio da Employee Experience, um processo em que frequentemente pensa em como o colaborador da empresa pode se beneficiar e aumentar sua satisfação no trabalho. Priorizando a experiência do cliente em conexão ao espaço personalizado,  a empresa entende que coworking, mobilidade e impacto social são forças transformadoras do mundo. São os responsáveis por projetos de impacto como o Bike Tour SP e apoiam os projetos e as instituições: Gerando Falcões, Ciclocidade, Cidade a Pé e Cheguei de Bike. A Eureka Coworking atualmente oferece escritório e coworking em diversos endereços no mundo:  Chácara Klabin, Avenida Paulista, Campinas, Uberlândia e em Lisboa.

Sobre a Ciclocidade 

A Ciclocidade é uma associação sem fins lucrativos que atua em São Paulo desde 2009 contribuindo para a construção de uma cidade mais justa e sustentável, baseada na igualdade de acesso a direitos e promovendo a mobilidade e o uso da bicicleta como instrumentos de transformação social – com foco nas lutas que perpassam questões de gênero, raça e território. Queremos que todos que circulam nas ruas tenham o direito à vida. Defendemos atenção e benefícios crescentes para os ciclistas e para todos os cidadãos que utilizam alternativas inteligentes de locomoção. 

A Eureka Coworking abriga os trabalhos da Ciclocidade e é um dos parceiros institucionais.

Serviço

Evento: abertura da Exposição Buffalo Bicycle Data: quarta-feira, 4 de maio Local: Eureka Coworking – Av. Paulista, 2439, 15º andar Horário: a partir das 18h Inscrições:  https://bit.ly/lancamento-buffalo-bicycle (evento gratuito)

Comentários Facebook
Propaganda

economia

Aneel mantém bandeira tarifária verde para julho

Publicados

em

source
Hoje, há 212 localidades isoladas do SIN, com consumo energético abaixo de 1%
Agência Brasil

Hoje, há 212 localidades isoladas do SIN, com consumo energético abaixo de 1%

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu acionar a bandeira verde no mês de junho para todos os consumidores conectados ao Sistema Interligado Nacional (SIN). De acordo com a agência, dessa forma, não haverá cobrança extra na conta de luz no próximo mês.

É o segundo anúncio de bandeira verde realizado pela Aneel desde o fim da Bandeira Escassez Hídrica , que durou de setembro de 2021 até meados de abril deste ano. Em maio, a agência já havia acionado a bandeira verde . Segundo a Aneel, na ocasião, a bandeira verde foi escolhida devido às condições favoráveis de geração de energia.

Criadas em 2015 pela Aneel, as bandeiras tarifárias refletem os custos variáveis da geração de energia elétrica. Divididas em níveis, as bandeiras indicam quanto está custando para o SIN gerar a energia usada nas casas, em estabelecimentos comerciais e nas indústrias.

Quando a conta de luz é calculada pela bandeira verde, significa que a conta não sofre qualquer acréscimo. Quando são aplicadas as bandeiras vermelha ou amarela, a conta sofre um acréscimos, que variam de R$ 1,874 por 100 quilowatt-hora (kWh) consumido a 9,492 por 100 kWh.

O Sistema Interligado Nacional é dividido em quatro subsistemas: Sudeste/Centro-Oeste, Sul, Nordeste e Norte. Praticamente todo o país é coberto pelo SIN. A exceção são algumas partes de estados da Região Norte e de Mato Grosso, além de todo o estado de Roraima.

Atualmente, há 212 localidades isoladas do SIN, nas quais o consumo é baixo e representa menos de 1% da carga total do país. A demanda por energia nessas regiões é suprida, principalmente, por térmicas a óleo diesel.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

Mais Lidas da Semana