diamantino

Esperança chega através de donativos para vítimas de incêndio no Novo Diamantino

Publicados

em


No dia seguinte ao incêndio que destruiu duas casas na Rua Jacarandá no bairro Novo Diamantino os agentes do Centro de Referência e Assistência Social – CRAS realizaram o atendimento ao casal afetado pela destruição das chamas. A partir de agora a esperança é reconstruída com a ajuda da população e da prefeitura que recebe doações e as redistribuí através do “Programa Mãos que Doam, Mãos que Agradecem”.

No mesmo terreno além da existência do imóvel residencial, também funcionava um comércio de móveis e eletrodomésticos usados, sendo constatada a perda de todos os bens móveis, alimentícios e vestuário de ambas edificações.

Como atendimento emergencial, foram entregues as vítimas cestas de alimentos e higiene pessoal, e realizado o cadastro no “Programa Mãos que Doam, Mãos que Agradecem”, para que a obtenção de donativos aos moradores.

De acordo com a assistente social Ana Cristina, estão disponíveis para a entrega as vítimas uma ‘pack’ contendo camas, colchões, roupas de cama, vestuário, cômoda e fogão, que devem proporcionar uma retomada na vida do senhor e da senhora que habitavam a residência. Outra medida adotada pela Secretaria de Assistência Social é a verificação de apoio com o auxílio aluguel pelo período de 3 meses.

O que é o Programa Mãos que doam, Mãos que Agradecem?

O programa consiste no atendimento a famílias em situação de vulnerabilidade social acometidas por eventos indesejados como vítimas de enchentes, incêndios ou simplesmente pela falta de oportunidade, preferencialmente que não possuam nenhum tipo de renda ou se enquadram em até 3 salários mínimos. Essas pessoas poderão que podem fazer a diferença na reconstrução da dignidade, sendo o primeiro passo para o recomeço.

O que pode ser doado?

Podem ser doadas, as sobras de materiais de construção, móveis usados, colchões, eletrodomésticos, produtos de higiene, higiene pessoal, limpeza, dentre outros itens em boas condições que não tenham mais utilidade ou já realizaram a troca.

Como participar?

Para ser uma mão que doa ou a mão que agradece, o interessado deverá procurar a Secretaria de Assistência Social, localizada na Rua Quintino Bocaíuva S/N, no Centro de Diamantino, ou entrar em contato através do telefone (065) 3336-2843, ou na Avenida Edgar Smit S/N, no Novo Diamantino, que também atende pelo número telefone (065) 3337-1823.

Comentários Facebook
Propaganda

diamantino

Diamantino e MT Hemocentro realizam campanha de doação de sangue nos dias 28 e 29

Publicados

em


Após a diminuição dos casos de transmissão voluntária da covid-19, Diamantino paulatinamente retoma as atividades eletivas na saúde e em parceria com o MT Hemocentro destina o ônibus do banco de sangue para a doação e coleta. Para evitar filas a aglomerações os atendimentos serão mediante a agendamento através do telefone 065 9.9625-9513.

O ônibus do MT Hemocentro estará no estacionamento do Posto de Saúde Central, localizado na Rua São Benedito S/N, Centro, nos próximos dias 28 e 29 de julho e vai receber 160 doadores durante 4 períodos de atendimento entre às 07h30 e 16h30.

Conforme explica Gian Carla Zanella, diretora do hemocentro, todos as pessoas bem de saúde com idade entre 16 e 69 anos e tenham mais do que 51 quilos podem doar e faz recomendações sobre alimentação e cuidados aos voluntários.

“O doador deve estar bem alimentado e hidratado, porém deve evitar o consumo de comidas gordurosas, bebidas alcóolicas pelo período de 12 horas e de cigarros por ao menos 2 horas”, explica. “Após a doação é vedado que sejam operadas máquinas ou veículos de grande porte e que não exerça atividades de trabalho em andaimes ou em locais com risco de queda”, acrescenta.

Gian Carla também explica sobre os procedimentos que os recuperados e aos imunizados contra a covid-19 devem tomar antes da doação de sangue.

“Quem pegou covid-19 ou que tomou a vacina contra a covid-19, também podem doar, porém desde que tenham se recuperado da doença há mais de 30 dias e estejam bem de saúde e no caso dos vacinados, que observem os prazos mínimos entre imunização e doação, que são de 7 dias para quem tomou a vacina da Pfizer, Jansen e AstraZeneca e de 48 horas para quem tomou a vacina CoronaVac”, destaca.

Benefícios a saúde

Há muitos benefícios da doação de sangue para a saúde, que vão desde a redução de doenças do coração à satisfação em promover uma boa ação, já que não existe outra forma de salvar a vida de quem precisa de doação se não for doando.

Diferente do que dizem, a doação de sangue não afina nem engrossa o sangue. Muitas pessoas deixam de doar por acharem que a doação faz afinar ou engrossar o sangue, mas é um mito. Após a doação, existe a reposição do volume e componentes do sangue pelo próprio organismo até atingir um equilíbrio existente antes da doação. Por isso, não é necessário ter receio.

Doar sangue pode reduzir riscos de doenças cardíacas

Há muitos estudos que comprovam que a doação de sangue reduz a viscosidade do sangue, assim, quem doa se torna menos propensos a desenvolver doenças do coração. Isso ocorre porque, durante esse processo, há uma espécie de limpeza sanguínea, pois o nosso sangue é produzido na medula e é renovado a cada três ou quatro meses.

Neste período, o sangue é descartado, ou seja, a doação se torna bastante eficaz para quem precisa. Sendo assim, com a doação há uma renovação das células e, com isso, as células velhas são renovadas, colaborando com a redução de certos tipos de câncer pela redução de oxidativos.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana