Saúde

Entenda por que noites mal dormidas podem prejudicar o funcionamento do corpo

Publicados

em

source
Entenda por que noites mal dormidas podem prejudicar o funcionamento do corpo
Redação EdiCase

Entenda por que noites mal dormidas podem prejudicar o funcionamento do corpo

Médico cardiologista alerta sobre os perigos da insônia e de poucas horas de descanso

Por Amanda Galdino

Uma das coisas que a maior parte das pessoas sonha, após um dia exaustivo de trabalho, atividades extras e a rotina agitada, é chegar em casa, relaxar e, na hora de dormir, deitar a cabeça no travesseiro e ter uma boa e tranquila noite de sono. Só que isso, para muitos é, literalmente, só um sonho, né?

Pessoas em todo o mundo sofrem com problemas de sono, noites mal dormidas, insônia e poucas horas de descanso. E essa é uma conta que pesa, e muito, nas atividades do dia seguinte e na saúde como um todo. Por isso, o médico cardiologista Dr. Carlos Portella explica por que é importante dormir bem e os efeitos que uma noite mal dormida pode causar no corpo. Confira!

> 7 tipos de alimentos ricos em proteínas

Tempo ideal de sonos e os benefícios

“Dormir vai além do ato de deitar-se na cama e fechar os olhos. O ideal de tempo de sono é entre 6 e 8 horas. Mas, além do tempo, para uma boa qualidade do sono precisamos considerar a hora de ir para cama. O ideal é não demorar mais do que meia hora para adormecer. Outro ponto que indica uma boa qualidade do sono é não ter muitos despertares durante a noite e, no geral, passar pelo menos 85% do tempo que você passa na cama, dormindo”, explica o Dr. Carlos Portella.

De acordo com o médico, uma noite bem dormida trará para a pessoa facilidade para despertar na manhã seguinte, disposição e energia para a realização das tarefas e ausência de olheiras. “É durante o sono que o cérebro consolida a memória de acontecimentos recentes e importantes. Quando dormimos bem, temos maior capacidade de raciocínio, agilidade, interpretação”, acrescenta.

P or que é importante recarregar as energias?

Sabe quando o aparelho celular está com a bateria quase no final e é preciso de um carregador para dar uma nova carga, e ele voltar a funcionar normalmente, com toda tecnologia e velocidade disponível? Pois bem, o sono funciona como um carregador para o ser humano.

“Costumo comparar o sono como a hora de recarregar a bateria da máquina chamada corpo humano. Se temos menos tempo de recarga, menor poder de ação e menor tempo de funcionamento com eficiência teremos no dia”, diz o Dr. Carlos Portella.

> Efeitos dos antidepressivos no cérebro dos portadores de TOC são estudados por HC-FMUSP e universidade sul-africana

Efeitos do sono desregulado nas funções do organismo 

E se o sono não vai bem, várias funções do organismo começam, também, a apresentar problemas. O Dr. Carlos Portella afirma que um sono desregulado é capaz de desequilibrar praticamente todos os sistemas do corpo.

“Acontecem alterações hormonais, metabólicas, cardiovasculares e de humor. Um período de sono inadequado, ou sem qualidade, aumenta a fome e a irritabilidade, eleva os níveis de pressão arterial, a frequência cardíaca e a taxa de glicemia, além de reduzir o poder de concentração e memória”, alerta o especialista.

Envelhecimento antecipado 

Portanto, os prejuízos de noites mal dormidas são infinitos. E pior, os distúrbios do sono também podem gerar o tão temido envelhecimento precoce , com danos terríveis ao longo do tempo. “Dificuldades de sono acabam provocando um envelhecimento precoce de neurônios, trazendo perdas irreparáveis ao cérebro. Além da função cerebral, o sono cronicamente desregulado provoca alterações de pele, queda de hormônios e redução em funções importantes no corpo, favorecendo assim o envelhecimento precoce de todo o organismo”, afirma o Dr. Carlos Portella.

É importante não deixar que a situação de dormir mal, ou poucas horas, se estenda por muito tempo. A insônia pode, sim, tornar-se algo crônico e quanto mais o tempo passa, mais complicado é reverter os danos causados no organismo. “Se passar dias com muita dificuldade de pegar no sono, e mantê-lo, de forma natural e ordenada, preocupe-se! É hora de levar esse problema a sério e procurar ajuda de um especialista”, aconselha o médico.

Confira mais notícias sobre saúde na revista ‘Cuidando da saúde’

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Propaganda

Saúde

São Paulo inicia vacinação contra a Covid em crianças de 3 e 4 anos

Publicados

em

Capital inicia vacinação contra a Covid-19 em crianças de 3 e 4 anos no Dia D de multivacinação*
Tânia Rêgo/Agência Brasil – 26/01/2022

Capital inicia vacinação contra a Covid-19 em crianças de 3 e 4 anos no Dia D de multivacinação*

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) dá mais um importante passo no combate à Covid-19 e inicia neste sábado (20) a vacinação de crianças de 3 e 4 anos de idade contra a doença.

No mesmo dia será realizado na capital do Dia D de multivacinação, voltado à atualização da situação vacinal da população de 0 a 15 anos.

“É muito gratificante ver a cidade de São Paulo, que é a capital mundial da vacina, avançando cada vez mais na imunização contra a Covid-19. Pedimos aos pais e responsáveis que levem seus filhos para serem vacinados”, celebra o secretário municipal da Saúde, Luiz Carlos Zamarco.

Desde 20 de julho, estão sendo imunizadas crianças de 3 e 4 anos com comorbidades e deficiência permanente (física, sensorial ou intelectual), além de indígenas. Até esta quinta-feira (18), 9.008 crianças dessa faixa etária foram vacinadas contra a Covid-19, incluindo aquelas que receberam doses remanescentes, na chamada xepa. Esse público está sendo imunizado com Coronavac.

Toda a rede estará aberta neste sábado para o início da vacinação das crianças de 3 e 4 anos e para o Dia D de multivacinação. As Unidades Básicas de Saúde (UBSs) funcionarão das 8h às 17h e as Assistências Médicas Ambulatoriais (AMAs)/UBSs Integradas das 7h às 19h.

No domingo (21), o serviço estará disponível nos parques Buenos Aires, Severo Gomes, do Carmo e da Juventude, das 8h às 17h. Na avenida Paulista, a vacinação ocorrerá em uma tenda, localizada no número 52, e em uma farmácia parceira no número 995, das 8h às 16h.

A população pode consultar a disponibilidade de vacinas por fabricante, bem como a situação das filas de vacinação nos postos em tempo real por meio da plataforma De Olho na Fila, disponível no link: https://deolhonafila.prefeitura.sp.gov.br/ .

Dia D de multivacinação

O Dia D de multivacinação tem o objetivo de incentivar a atualização da caderneta de crianças e adolescentes, de 0 a 15 anos de idade, a fim de aumentar as coberturas vacinais contra doenças imunopreveníveis, como poliomielite, difteria, coqueluche, sarampo, caxumba, meningite meningocócica, entre outras.

As vacinas contempladas na campanha de multivacinação são: tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola), tetraviral (sarampo, caxumba, rubéola e varicela), BCG, pentavalente, vacina inativada poliomielite (VIP), vacina oral poliomielite (VOP), pneumo 10, rotavírus, meningo C, meningo ACWY, varicela, hepatites A e B, febre amarela, DTP (difteria, tétano e coqueluche), dupla adulto, HPV e pneumo 23 e todas as demais vacinas do calendário nacional de vacinas.

Pais ou responsáveis por crianças e adolescentes na faixa etária de até 15 anos podem procurar uma das 470 UBSs, das 7h às 19h, para que eles recebam ou atualizem os imunizantes.

As equipes de saúde das unidades também realizarão busca ativa dos munícipes que estão com os imunizantes do calendário vacinal em atraso.

A busca ativa será feita por meio de visita domiciliar ou por telefone, de acordo com as estratégias adotadas pelas unidades. Mais informações e a lista dos postos de vacinação podem ser encontradas no site Vacina Sampa.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

TECNOLOGIA

MATO GROSSO

Política Nacional

Mais Lidas da Semana