POLÍTICA MT

Empresa responsável por gasoduto garante laudo pericial em até 90 dias

Publicados

em


Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

Os representantes da empresa Âmbar Energia, responsável pelo gasoduto Brasil/Bolívia, garantiram que o laudo pericial do acidente que ocorreu no dia 30 de janeiro deste ano no município de Nossa Senhora de Livramento, ficará pronto no máximo em até 90 dias, e que o abastecimento de gás volte à normalidade na próxima segunda-feira.

O anuncio foi feito hoje (4), durante reunião remota da Comissão de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Recursos Minerais da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), que contou ainda com representantes Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), Corpo de Bombeiros do Estado de Mato Grosso, Secretaria da Indústria, Comércio, Minas e Energia, MT Gás, e da Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso (Fiemt).

“Técnicos da Perícia Oficial e Identificação Técnica do Estado (Politec) e da Agência Nacional de Petróleo (ANP) estão acompanhando a investigação. Por enquanto não temos qualquer informação sobre o que motivou o acidente, e toda comunidade científica de transporte gás está envolvida para fazer a investigação bem detalhada. As condições estruturais de manutenção do gasoduto são muito boas, não tendo nenhum ponto de corrosão e as soldas estão perfeitas. O laudo deve ficar pronto no máximo em até 90 dias”, falou o representante da Âmbar Energia, Fábio Teles.

Na oportunidade, representantes da Âmbar Energia, afirmaram que os reparos para refazerem a tubulação já começaram há alguns dias, e que o abastecimento de gás voltará na próxima segunda-feira (08).

Conforme o presidente da Comissão, deputado Carlos Avallone (PSDB), o acidente de grandes proporções deixou muitas dúvidas para a população mato-grossense. Para o parlamentar, a empresa Âmbar Energia precisa esclarecer aos mato-grossenses as garantias e segurança para que o problema não aconteça novamente. 

“Nós não nos preocupamos até agora com a questão de achar que podia ter um tipo de insegurança. Isso já estava há 20 anos sem nenhum índice de acidente. A partir desse acidente, houve uma insegurança por parte da população e nós precisamos avaliar os impactos pra que possamos ter garantia que isso não mais ocorra”, acredita ele.

“Com o acidente, criou-se uma expectativa negativa para as indústrias que pretendem utilizar o produto nos próximos anos. Então nós precisamos entender para que a gente mostre ou não que isso é fundamental para o Estado e que temos segurança no gasoduto”, disse o deputado.

A explosão aconteceu numa área da fazenda Bom Jardim, localizada no município de Nossa Senhora do Livramento, e o representante da Âmbar garantiu que foram tomados todos os procedimentos de cautela e segurança após o acidente.

“As válvulas de segurança de número 25 e 26 foram acionadas automaticamente após a explosão. Mas, como a cada 30 quilômetros a tubulação possui uma válvula de segurança, é claro que após o fechamento o gás que estava na tubulação ainda ficou saindo. O rompimento afetou dez metros de tubulação que ficou totalmente deteriorada”, apontou ele.

Explosão – O acidente abriu um buraco de 150 metros quadrados e 5 metros de profundidade. Em território brasileiro, o gasoduto passa pelos municípios de Cáceres, Poconé, Nossa Senhora do Livramento, Várzea Grande e Cuiabá. No total, o gasoduto Mato Grosso tem 645 quilômetros de extensão, sendo 362 quilômetros em território boliviano e 283 quilômetros em território brasileiro.

A implantação do gasoduto é tida como de extrema importância para o setor energético do Brasil, promovendo um incremento na disponibilidade de gás natural no mercado nacional. A via de circulação do gás é de responsabilidade, aqui no Brasil, da Transportadora Brasileira Gasoduto Brasil-Bolívia S/A (TBG).

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍTICA MT

Dr. Eugênio retoma trabalhos na AL com aprovação de projeto contra a evasão escolar

Publicados

em


Foto: Marcos Lopes

Na retomada dos trabalhos legislativos, o deputado estadual Dr. Eugênio de Paiva (PSB) trabalhou pela aprovação do PL nº 752/20, denominado Células Motivadoras, que tem por objetivo motivar e conscientizar os estudantes em relação ao papel e a função da escola na sociedade.

Aprovada em segunda votação, a proposta que segue para sanção do governo do estado busca ainda prevenir o abandono escolar de estudantes na rede pública de ensino do estado de Mato Grosso, com palestras, debates e mobilizações sobre o tema.

“Este projeto consiste em núcleos de apoio e monitoramento dos alunos em risco de abandono ou evasão escolar. Uma vez identificados os estudantes, o núcleo promove rodas de conversas sobre temas relacionados à realidade e busca formas de reintegrá-lo ao ambiente escolar”, resumiu Dr. Eugênio, agradecendo os demais deputados pela aprovação unânime.  

Também na sessão ordinária desta quarta-feira, o parlamentar apresentou um projeto de lei que institui a Política Estadual de Valorização da Vida a ser implementada na rede estadual de ensino de Mato Grosso. “Falar abertamente sobre questões de saúde mental nas escolas é um passo importante para facilitar o acesso aos cuidados necessários”, argumentou Dr. Eugênio.

Em atenção à saúde pública do município de Canarana, o representante do Araguaia apresentou diversas indicações, dentre elas, duas direcionadas à Secretaria de Estado de Saúde com a solicitação de duas nova ambulâncias, sendo uma para o Hospital Municipal Lorena Parode e outra com foco nos distritos de Serra Dourada e Matinha.

PRÓXIMO ÀS BASES

Durante o recesso parlamentar, Dr. Eugênio aproveitou para estar mais próximo às bases, acompanhando o governador de Mato Grosso numa agenda pelo Araguaia, com a inauguração, acompanhamento de obras e atenção a novas demandas da região.

Dentre as obras visitadas está a ponte de 483 metros de extensão sobre o Rio das Mortes, na MT-326, que vai interligar os municípios de Cocalinho e Nova Nazaré, na região do médio-araguaia. A previsão é que ela seja entregue já no primeiro semestre de 2022.

“Esse compromisso firmamos no início do mandato parlamentar, ainda desacreditado por tudo que nossa região já tinha vivido no passado, e que hoje é realidade. Obras a todo vapor do governo do estado que começamos e vamos concluir. Sou 100% Araguaia”, finalizou Dr. Eugênio.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana