SUA SAÚDE AQUI

Dieta detox pode te ajudar a cumprir a promessa de fim de ano de emagrecer; veja receita

Publicados

em

Por Edmundo Pacheco | Portal Mato Grosso

O primeiro mês do ano já foi… e aí, você está cumprindo aquela promessa de fim de ano, de fazer regime e perder alguns quilinhos??
Não?…
O SUA SAÚDE AQUI traz hoje uma sugestão que vai te ajudar…

Para quem quer realmente emagrecer, a sugestão é uma dieta detox. Essa pode ser uma Detox uma ferramenta que auxilia no processo de perder peso, claro, sendo sempre acompanhada por um profissional que personalize o seu programa. Afinal, cada um é cada um e seu organismo é único.


A dieta líquida detox ajuda na perda de peso e a desinchar o corpo, mas não deve se estender muito porque manter uma dieta líquida por muito tempo pode causar desnutrição e implicar em outros riscos para a saúde. Por isso, a dieta só pode ser feita com orientação de um profissional.

Por exemplo, existem receitas de detox que recomendam simplesmente cortar todos os carboidratos da sua vida. Isso é errado, já que eles são fontes de energia imediata para o organismo humano. Para aqueles que querem emagrecer, uma boa sugestão para a sua Detox é substituir os carboidratos simples por seus equivalentes integrais, sempre com um consumo controlado.

A dieta detox também não resolve se você exagerou na alimentar do dia anterior. Utilizar uma dieta Detox de internet para compensar o exagero do dia anterior, principalmente em épocas de festas é errado, já que o efeito de um programa alimentar difere de organismo para organismo. Não acredite que o shake Detox que um site ou programa de tv oferece porque você vai jogar dinheiro fora e se decepcionar com os resultados. A Detox de verdade apenas auxilia na recuperação e reparação de danos.

Pular refeições ou simplesmente não comer à noite, também não vai te ajudar a emagrecer. Às vezes nos envolvemos tanto com o processo de perder peso, que tentamos acelerar os resultados eliminando algumas refeições chaves do nosso dia a dia. Deixar de realizar refeições à noite não é o caminho certo para uma dieta Detox, já que afeta diretamente a qualidade do sono noturno. O jejum antes de dormir interfere no metabolismo, fazendo com que a queima de calorias não seja ótima. Além disso, a baixa de glicose no sangue acaba produzindo hormônios que aumentam a ansiedade e o apetite, estimulando o consumo exagerado de alimentos no outro dia.

Os sucos detox funciona funciona de verdade, mas é preciso observar alguns cuidados. Geralmente esses sucos são feitos à base de frutas (se você tem diabetes tipo 2, por exemplo, cuidado com essas frutas!) e vegetais que possuem propriedades antioxidantes e diuréticas, ajudando a melhorar o funcionamento do intestino e a diminuir a retenção de líquidos, favorecendo o emagrecimento, quando incluídos em uma dieta balanceada.

Além disso, os sucos detox contém boas quantidades de fibras, que ajudam a controlar a fome, e baixo teor calórico, sendo ótimas opções para incluir em dietas para perda de peso. Conheça outros alimentos com poucas calorias que ajudam a emagrecer.

Outro detalhe: os sucos detox são ricos em água, vitaminas e minerais, sendo recomendado beber entre 250 e 500 ml por dia, junto com uma alimentação saudável e podem ser incluídos em outros tipos de dietas, como na dieta para desintoxicar o fígado ou na dieta low carb, por exemplo.

SUGESTÃO

Suco de couve, beterraba e gengibre
O pepino e a couve ajudam a eliminar o excesso de líquido corporal e o gengibre acelera o metabolismo, ajudando na queima de gordura e no emagrecimento. Cada copo de 250 ml desse suco contém aproximadamente 100 calorias.

Ingredientes:

2 folhas de couve;
1 colher de folhas frescas de hortelã;
1 beterraba pequena;
1/2 pepino com casca;
1 colher de café de gengibre fresco ralado;
1 copo de água.
Modo de preparo:

Lavar bem as folhas de couve, as folhas de hortelã, a beterraba e o pepino. Descascar a beterraba. Cortar a beterraba e o pepino em cubos e levar ao liquidificador. colocar os demais ingredientes no liquidificador e bater por 3 minutos. Coar e beber a seguir. É recomendado tomar esse suco sem adicionar açúcar ou adoçante. Este suco pode ser armazenado em um recipiente bem vedado e mantido sob refrigeração por até 6 horas.

Mas não se esqueça: esse suco é uma sugestão e não uma fórmula mágica. Dietas devem sempre ser acompanhadas por um profissional.

Comentários Facebook
Propaganda

SUA SAÚDE AQUI

Entenda a relação entre diabetes e saúde bucal

Publicados

em

 

Entenda a relação entre diabetes e saúde bucal
Entenda a relação entre diabetes e saúde bucal

O diabetes é uma doença causada pela produção insuficiente ou má absorção de insulina, hormônio que regula a glicose (açúcar) no sangue. Quando o nível de glicose está muito alto, pacientes diabéticos ficam mais suscetíveis às infecções. Isso porque os mecanismos de defesa do corpo não conseguem funcionar de maneira tão eficiente. Entre as infecções mais comuns em quem tem diabetes estão aquelas que atingem a boca, devido ao descontrole da glicemia e interferência na produção da saliva.

Prejuízos da boca seca para a saúde

A boca seca, por exemplo, pode ocorrer em diversas situações, como na síndrome de Sjögren, uma doença autoimune, que afeta as glândulas produtoras de lágrimas e saliva. “Em relação ao diabetes, relacionamos com a poliúria, a urina em excesso. Amenizamos a causa aconselhando o paciente a ingerir muita água”, explica Dr. Sérgio Kignel, especialista em saúde bucal e estomatologia.

Em casos de não tratamento da boca seca, ela pode trazer problemas como, aumento de cáries e gengivites. “Além disso, o crescente aparecimento de feridas traumáticas pode ocorrer por deficiência de lubrificação, possibilitando a probabilidade de infecções”, completa o médico. Vale lembrar que o uso do cigarro piora o quadro.

Cuidado com a escovação dos dentes

É importante que o paciente seja orientado a escovar os dentes com cuidado, para evitar machucados na gengiva, pois a cicatrização em paciente com diabetes é mais demorada, devido à alta taxa de açúcar no sangue. O que é bem comum entre os pacientes, como explica o Dr. Sérgio Kignel, é parar de escovar assim que a gengiva é machucada. Pelo contrário, você deve continuar escovando a região afetada, para que remova toda a placa bacteriana e diminua o quadro inflamatório.

Necessidade de acompanhamento e cuidados

Pacientes com diabetes devem avisar o dentista sobre a doença. “O paciente deve ter suas responsabilidades, como manter o controle glicêmico, cultivar hábitos de higiene e não se submeter a cirurgias quando estiver descompensado”, aconselha Dr. Sérgio Kignel. Além disso, para essas pessoas recomenda-se visitais regulares ao médico.

Fonte: IG SAÚDE

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

TECNOLOGIA

MATO GROSSO

Política Nacional

Mais Lidas da Semana