claudia

Dia de campo apresenta tecnologia para cultivo da mandioca

Publicados

em


Divulgação

Cláudia MT

Cláudia MT

Mais de 80 pessoas, entre produtores rurais, técnicos agropecuários, estudantes e pesquisadores, participaram do 2º Dia de Campo do Projeto Raízes e de visitação à Unidade de Referência Tecnológica (URT) de mandioca, que apresentou resultados de 18 variedades para consumo in natura e industrialização. O evento foi realizado na Associação dos Produtores do Assentamento Zumbi dos Palmares, no município de Cláudia (620 km ao Norte de Cuiabá).  

 

O Dia de Campo foi dividido em duas etapas, no período da manhã, com palestras, e a tarde, com visitação à URT na propriedade do produtor rural Nilson Bispo. A extensionista da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), Lindelzi Costa Lima, abordou o uso da mandioca e boas práticas de fabricação. Já os pesquisadores da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Silvio Túlio Spera e Suzinei Silva Oliveira, esclareceram sobre o manejo do solo, adubação verde da mandioca, variedades e tratos culturais.

 

O engenheiro agrônomo da Empaer, Rogério Leschewitz, falou que o evento teve o objetivo de apresentar resultados de pesquisas e tecnologias voltadas para o agricultor familiar. Segundo ele, foi implantada uma URT pela Embrapa, em parceria com a Empaer, no Sítio dos Ipês, numa área de um hectare. Foram plantadas 18 variedades de mandioca de mesa e indústria. As variedades cultivadas foram disponibilizadas pelo produtor e parceiros do Projeto Raízes com a finalidade de comparar as cultivares, demonstração de técnicas e manejo da cultura.

 

De acordo com Rogério, o resultado da Unidade de Referência Tecnológica tem a finalidade de incentivar as melhorias das técnicas de produção, como manejo correto do solo, correção da acidez do solo, adubação da cultura, seleção das manivas, plantio e ervas daninhas, tratos culturais de manutenção, colheita e apresentação dos resultados obtidos para os produtores do município e região. “A mandioca é considerada a segunda cultura mais importante da cadeia produtiva no estado, ficando atrás apenas da pecuária de leite”, enfatizou.

 

Os participantes visitaram a URT e também participaram da oficina de industrialização da cultura da mandioca, que foi ministrada pela extensionista Lindelzi Lima. Ela demonstrou na prática a fabricação de farinha temperada, suco, mandioca chips, e outros. “A mandioca tem 100% de aproveitamento e o cultivo gera emprego e renda com o processo de produção, industrialização e comercialização”.

 

O produtor Nilson possui uma propriedade de 42 hectares, localizada no assentamento Zumbi dos Palmares, e cultiva 10 hectares de mandioca. Ele está na atividade há mais de seis anos e é a principal fonte de renda. Hoje, possui o plantio das variedades mandioca pão e rama branca, as duas são utilizadas para mesa. Na propriedade é realizada a venda de produtos in natura e descascados embalados em sacos plásticos.

 

O evento foi realizado no dia 07 de julho, pela Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Agricultura e Desenvolvimento Econômico, Embrapa, Empaer, entre outros parceiros.

 

 

Comentários Facebook
Propaganda

claudia

Prefeito de Claudia está proibido de pagar despesas não comprovadas

O relator determina que o gestor do município de Claudia não faça qualquer pagamento à Oscip Tupã a título de encargos administrativos/operacionais relativos ao Termo de Parceria nº 01/2017 e somente autorize repasses após a devida comprovação dos itens.

Publicados

em

Por


Secom | MT

Altamir Kurten prefeito de Claudia

Prefeito de Cláudia, Altamir Kurten

O Tribunal de Contas de Mato Grosso suspendeu qualquer repasse da Prefeitura Municipal de Claudia para à Oscip Tupã por existência de irregularidades no pagamento das despesas operacionais e administrativas, sem a necessária comprovação detalhada, bem como evidenciado o risco de dano aos cofres municipais.

 

Uma Representação de Natureza Interna, movida pelo Ministério Público de Contas com pedido de Medida Cautelar para que os pagamentos fossem suspendidos foi atendida pelo relator das contas do município, conselheiro interino Moisés Maciel e publicada no Diário Oficial de Contas desta quarta-feira, 07/08.

Thiago Bergamasco

Conselheiro interino do TCE-MT - Moises Maciel

Conselheiro interino do TCE-MT, Moises Maciel

Na medida cautelar, o relator determina que o gestor do município de Claudia não faça qualquer pagamento à Oscip Tupã a título de encargos administrativos/operacionais relativos ao Termo de Parceria nº 01/2017 e somente autorize repasses após a devida comprovação dos itens, inclusive com o detalhamento do pagamento de despesas administrativas essenciais e em valores razoáveis.

Foi determinado que o prefeito Altamir Kurten e Zilton Mariano de Almeida, presidente da Oscip Tupã, nos termos do art.70 da Constituição Federal c/c a Lei Federal nº 12.527/2011, que encaminhe memorial dos custos operacionais, os comprovantes despesas realizadas nas contas da Administração, comprovando os recursos públicos repassados.

 

Também deve ser disponibilizado no Portal Transparência da Prefeitura Municipal, o link referente ao Termo de Parceira nº 01/2017, com todas as informações necessárias ao cumprimento do artigo 8º da Lei de Acesso à Informação – Lei Federal nº 12.527/2011.

 

Moises Maciel lembrou em sua decisão singular que o TCE/MT, reiteradamente já se manifestou quanto à impossibilidade de cobrança de eventuais taxas de administração que não evidenciem o efetivo custeio de despesas da entidade para execução do termo de parceria específico.

 

Lembrou ainda que já havia cido que “no caso de uma parceria com Oscip, a lei veda, expressamente, a percepção de lucro e, justamente, para que faça cumprir essa vedação, é exigido o detalhamento específico de todas as despesas que serão remuneradas, não se admitindo, em nenhuma hipótese, a concessão de benefício aos sócios, dirigentes ou pessoas físicas ou jurídicas ligadas,que não estejam claramente previstos e quantificados no termo de parceria, com essa destinação específica”, comentou.

anuncio Orale Vida 600x300

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana