mato grosso

Desenvolve MT comprova eficiência e Governo de Mato Grosso vai manter estrutura

Publicado


.

O governador Mauro Mendes decidiu manter de forma definitiva a estrutura da Agência de Fomento do Estado de Mato Grosso (Desenvolve MT), após a comprovação de que ela possui viabilidade econômica e financeira para operar.

A decisão foi oficializada nesta quinta-feira (10.09) e publicada em decreto no Diário Oficial. Também assinaram o decreto os secretários Mauro Carvalho (Casa Civil) e Cesar Miranda (Desenvolvimento Econômico).

“A Desenvolve MT fez o dever de casa e comprovou sua viabilidade financeira. Agora, com todas as ações realizadas pela atual gestão, conseguiu se tornar autossustentável, sem onerar os cofres públicos. Por isso, é uma estrutura que continuará a fazer parte da gestão estadual. A agência demonstrou que colabora para o desenvolvimento do Estado e auxilia diversas cadeias produtivas a empreender, ajudando o Governo de Mato Grosso a gerar emprego, renda e competitividade”, afirmou o governador.

No início do ano passado, o Governo de Mato Grosso recebeu a autorização da Assembleia Legislativa para extinguir a Desenvolve MT, assim como outras sociedades de economia mista, empresas públicas e autarquias.

A Desenvolve MT então recebeu prazo para apresentar um Plano de Viabilidade Econômica, que demonstrasse possuir condições de operar e trazer bons resultados à população. O plano foi apresentado e aprovado pelo Conselho de Administração Extraordinária da agência. 

Viabilidade comprovada

Uma das ações do Plano de Viabilidade que levou o Governo de Mato Grosso a decidir pela manutenção da Desenvolve MT foi a readequação da estrutura funcional, com a redução da quantidade de cargos, em uma realidade “alinhada com as diretrizes do Governo Estadual de controle, reavaliação e contenção de despesas”.

Em 2018, a Desenvolve MT possuía 84 empregados e em 2020 esse número foi reduzido para 71. Uma economia de R$ 900 mil ao ano.

Além disso, a agência intensificou as ações de cobrança, conseguindo arrecadar R$ 5,1 milhões em 2019, valor R$ 1,2 milhão superior a 2018.

“Também foram reduzidas as despesas administrativas com estagiários, serviços de terceiros, vigilância e segurança, com uma redução de R$ 323 mil”, consta no relatório.

O Plano de Viabilidade também mostrou a modernização e o planejamento da empresa para conceber linhas de financiamento vantajosas, que fomentam especialmente as pequenas empresas e segmentos que geram grande quantidade de empregos.

Também integram o plano os programas para garantir acesso ao crédito e fomento de negócios aos setores do Turismo, Tecnologia, Indústria, entre outros.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

mato grosso

Recadastramento de servidores ativos começa dia 1º de novembro

Publicado


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Planejamento e Gestão, começa no próximo dia 1º de novembro a atualização cadastral periódica dos servidores ativos e empregados públicos do Estado. Este ano o recadastramento obrigatório será realizado através do Portal do Servidor e estará interligado à ferramenta Banco de Talentos disponibilizada em março deste ano a todos os órgãos do Executivo. A Instrução Normativa que regulamenta a decisão foi publicada nesta quarta-feira (28) no Diário Oficial.

O recadastramento segue até 15 de dezembro e quem não atualizar os dados terá o salário suspenso até a efetiva regularização cadastral. Outra novidade este ano é que algumas informações utilizadas pelos sistemas Aplic do Tribunal de Contas do Estado e Social do Governo Federal também serão solicitadas. Cerca de 50 mil servidores e empregados públicos ativos deverão se recadastrar.

Também serão solicitadas confirmação e atualização de dados pessoais e dos dependentes, documento de identificação e comprovante de endereço legíveis, confirmação de dados acadêmicos, de capacitação e informações funcionais, bem como a indicação por meio da matrícula da chefia imediata ou do responsável pela unidade de Gestão de Pessoas para validação do vínculo funcional.

Vale lembrar que para acessar o Portal do Servidor, o servidor deverá estar com e-mail atualizado no Sistema Estadual de Gestão de Pessoas (Seap). Caso contrário, a atualização deverá ser solicitada na setorial de Gestão de Pessoas do órgão de origem.

A inserção de dados falsos na atualização cadastral será apurada mediante procedimento disciplinar, mantida a possibilidade de aplicação das demais penalidades previstas em lei. O descumprimento da obrigação da atualização cadastral periódica, acarretará a suspensão do pagamento da remuneração do servidor público inadimplente até a efetiva regularização cadastral.

Banco de Talentos

O Banco de Talentos constitui-se numa ferramenta de gestão estratégica de pessoas que possibilita conhecer as competências dos servidores e realizar cruzamentos desses perfis com a necessidade dos diversos órgãos e entidades através de um sistema de banco de dados com informações pessoais e profissionais dos servidores públicos estaduais.

De acordo com o titular da Seplag, Basílio Bezerra, a utilização dessa ferramenta auxilia no melhor aproveitamento do potencial do profissional. “Ao alinharmos o perfil dos servidores, seus conhecimentos, qualificação profissional, suas habilidades, e suas atitudes com o perfil necessário em cada setor, facilitaremos os processos de realocação de servidores e compatibilização do perfil profissional com as atividades a serem desenvolvidas. Por isso é importante que o servidor preencha os campos com suas informações profissionais”.   

Essas informações poderão ser usadas no processo de movimentação de pessoal entre órgãos, ficando disponível para consulta das secretarias, empresas e autarquias interessadas em determinado tipo de perfil funcional. E também serão usadas no redimensionamento da força de trabalho.

O Banco de Talentos está entre as ações voltadas para o desenvolvimento profissional do Estado. Ele faz o mapeamento do perfil de trabalho de todos os servidores públicos estaduais levando em conta seus conhecimentos e habilidades para atividades estratégicas e específicas.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana