POLÍTICA MT

Deputado discute cirurgias eletivas com diretoria do Hospital Regional de Rondonópolis

Publicados

em


Thiago Silva visita hospital regional

Foto: HENRIQUE COSTA PIMENTA BRAGA

O deputado estadual Thiago Silva (MDB) esteve na segunda-feira (15) no Hospital Regional de Rondonópolis, onde se reuniu com a diretoria para debater cirurgias eletivas, prazos, fornecimento de insumos para realização de cirurgias e também para buscar meios de ajudar a instituição que desenvolve importante serviço para a saúde pública nas regiões sudeste do estado.

Com a diretora Kenia de Lima, o parlamentar levantou informações sobre as cirurgias de traumas. Em razão da pandemia, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) optou por não realizar cirurgias eletivas para não correr o risco de contaminação dos pacientes. O parlamentar tem acompanhando os serviços do Hospital Regional e já apontou que nestes últimos dois anos houve muito avanço.

“Quando iniciamos o mandato, vários médicos estavam há quase um ano sem receber e hoje a realidade está bem melhor. Estamos visitando sempre o hospital e cobrando do secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, melhorias para o Hospital Regional”, disse o parlamentar.

“Vamos continuar fiscalizando para que o atendimento das cirurgias de urgência sejam realizadas com mais agilidade e assim diminuirmos o prazo de atendimento. De acordo com a direção do Hospital, houve um atraso, no ano passado, de material para cirurgias ortopédicas, mas a reposição está sendo normalizada para realização das cirurgias. Quero parabenizar a direção do Hospital e todos os servidores pelo trabalho desenvolvido neste período de pandemia”, disse o deputado Thiago Silva.

O parlamentar tem buscado junto a Secretaria Estadual de Saúde para que possa ampliar os investimentos para custeio e manutenção do Hospital Regional que atende hoje na região 19 municípios.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍTICA MT

Secretário presta conta sobre convênios com prefeituras

Publicados

em


Foto: Marcos Lopes

O secretário de estado de Educação, Alan Porto, atendeu convocação da Comissão de Infraestrutura da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) para prestar esclarecimentos sobre convênios com municípios para obras estruturais. Ele aproveitou a ocasião, na tarde desta terça-feira (22), para reafirmar o reinício presencial das aulas na rede estadual para agosto, em sistema híbrido. 

O secretário explanou sobre as parcerias com mais de 50 prefeituras – recursos que totalizam quase R$ 80 milhões para construção de dez escolas, 26 quadras poliesportivas, além de diversas obras de reforma e ampliação em prédios que atendem os estudantes mato-grossenses. Destacou investimentos em tecnologia e conforto, como  a instalação de internet de alta velocidade em salas de aulas e a climatização progressiva dos ambientes de ensino. 

CRITICA  

A explanação palaciana foi quebrada após as palavras do secretário pelo deputado Ondanir Bortolini “Nininho” (PSD).  Nininho criticou diretamente a categoria dos profissionais da educação com argumentação lógica e objetiva: ao tempo em que o governo mato-grossense pagava o segundo melhor salário aos professores em comparação às demais unidades da federação, os estudantes mato-grossenses conseguiram apenas a 22º colocação na avaliação nacional – entre os piores desempenhos entre os estados brasileiros. 

Também estiveram presentes, sob a presidência do deputado Valmir Moreto, os pares Delegado Claudiney e Gilberto Cattani, além do vice-governador Otaviano Pivetta.  

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana