POLÍTICA MT

Defesa Civil recorre a Botelho para viabilizar recursos à aquisição de embarcação

Publicado


.

Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

 

Através de emenda parlamentar o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM), poderá ajudar a melhorar o trabalho realizado pela Defesa Civil de Cuiabá, com a aquisição de uma embarcação para atender as demandas, como resgate de pessoas nos rios e lagos; atuar no período de enchente nos locais de difícil acesso; reflorestamento das margens e limpeza dos rios.

A iniciativa foi solicitada a Botelho nesta quinta-feira (06) pelo vereador Marcrean Santos (PP), que esteve na Presidência da ALMT acompanhado pelo diretor da Defesa Civil de Cuiabá, engenheiro José Pedro Zanetti, o agente técnico e coordenador Leicimar Vieira e o proprietário da G7 Náutica Aerobarcos, Gledson Oliveira.

Na oportunidade, Marcrean protocolou o Ofício 042-2020 que destaca a importância da emenda parlamentar no valor de R$ 146,5 mil para a aquisição do aerobarco que, conforme o projeto, terá maca de resgate, suporte para cesto de coleta de resíduos para até 1,5 mil quilos e suporte para armazenar mudas e plantas para reflorestamento, dentre outras tecnologias necessárias.

“A Defesa Civil de Cuiabá necessita dessa embarcação para atender os trabalhos em locais de difícil acesso, como as áreas pantanosas, rios e lagos”, explicou o vereador.

Botelho se comprometeu a ajudar o trabalho da Defesa Civil, especialmente, para atuar em defesa do Rio Cuiabá. “Recebi o pedido e vou colocar na nossa programação e envidar esforços para conseguir, pois é um projeto de suma importância para a limpeza do rio e, em casos de enchentes, para o resgate de pessoas e ajudar a salvar aqueles que estiverem em condições de risco”, disse o presidente.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
publicidade

POLÍTICA MT

Secretaria de Planejamento Estratégico realiza capacitação interna para discutir Plano Tático

Publicado


Planejamento Estratégico retoma ações do Plano Estratégico 2017-2024

Foto: ANGELO VARELA / ALMT

A Superintendência de Planejamento Estratégico da Assembleia Legislativa retoma ações do Plano Estratégico 2017-2024, que prevê estudo para saber sobre a situação das metas e estratégias de cada unidade da Casa, para melhorar o desempenho dos objetivos traçados. A primeira etapa da retomada teve início na terça-feira (24) com a capacitação dos servidores da unidade para discutir as ações que serão desenvolvidas ao longo do próximo ano junto aos gestores das demais unidades da ALMT.

“É imprescindível, neste momento, reavaliarmos as condições dos projetos que já vinham sendo desenvolvidos e fazer as adaptações considerando o comprometimento das atividades ao longo deste ano e as estratégias para a retomada dentro de uma realidade de trabalho diferente”, avalia o superintendente de Planejamento, coronel Joselito Espírito Santo de Paula.

Ele explica que a fase atual do planejamento prevê o desenvolvimento do Plano Tático, que foca nas ações mais concretas e específicas para cada unidade, a serem trabalhadas em médio prazo e em conjunto com os gestores.

Após essa capacitação para estabelecer diretrizes, serão formados grupos de trabalho para desenvolver os projetos junto de cada secretaria. Eles devem ser criados de forma a garantir que os objetivos estratégicos sejam alcançados. “Vamos primeiro planejar, definir equipes, depois ir aos setores da Casa, colocar tudo em andamento e em seguida fazer o acompanhamento para avaliar os resultados”, anunciou Joselito na reunião. As atividades estão previstas para começar após o recesso de final de ano.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana