AGRO & NEGÓCIO

Cultivares de uvas da Embrapa presentes na Anufood Brazil 2022

Publicados

em


De 12 a 14 de abril, a Embrapa marca presença na  Anufood Brazil 2022, maior feira para o setor de alimentos e bebidas do Brasil, que ocorrerá no São Paulo Expo (SP).  Cultivares de mesa e para elaboração de vinhos desenvolvidos pelo Programa de Melhoramento Genético Uvas do Brasil, da Embrapa, serão o foco da participação da Embrapa Uva e Vinho na feira, que será representada por parceiros.

Nas uvas de mesa, destaque para a apresentação daBRS Vitória, cultivar de uva de mesa preta sem sementes, que já conquistou consumidores no Brasil e no exterior pelo seu sabor aframboesado, extremamente agradável. A ‘BRS Vitória’ é produzida nos diferentes polos vitícolas do país, com destaque para a região do Semiárido, onde em função do clima, a colheita pode ser realizada todos os dias ao longo do ano.

A ‘BRS Isis’ é outra cultivar que poderá ser degustada na feira. Ela também é uma uva sem sementes, de cor vermelha, mas com sabor neutro e agradável. Ela permite aumentar a oferta e a qualidade de uvas para consumo in natura em várias regiões brasileiras, desde o Nordeste do país, às áreas de agricultura familiar do Rio Grande do Sul, onde apresenta ciclo de produção mais tardio, condição  muito interessante para aumentar o período de colheita. O parceiro que estará apresentando as cultivares é a Cooperativa Agrícola de Petrolina, que reúne 22 produtores responsáveis pela produção e venda de uvas de mesa para o Brasil e exterior.

Na categoria de uvas para processamento, o foco será a cultivar ‘BRS Lorena’, uva branca, com sabor moscatel, indicada para a elaboração de sucos e vinhos brancos aromáticos e frisantes. A sua elevada produtividade e a qualidade sensorial são vantagens da cultivar quando comparada a outras uvas brancas de processamento e que vem garantindo o seu cultivo com sucesso nas regiões sul, sudeste e nordeste do Brasil. Na feira, a Vinícola Góes (São Roque -SP) apresentará os produtos elaborados com a cultivar desenvolvida pela Embrapa desde o vinho seco, comercializado tanto em garrafas como em lata, até o  Vinho Licoroso – Edição Especial Gumercindo de Góes 2011.

Além do estande institucional, reunindo 11 unidades descentralizadas e a presença de diversos parceiros, a Embrapa  promoverá palestras e painéis em diversos espaços da feira. Para conhecer a programação completa e o conjunto de tecnologias que serão apresentados no evento acesse o site da Embrapa na Anufood Brazil 2022.

Anufood Brazil é organizada pela Koelnmesse Brasil, mesma promotora da Anuga, o maior evento do setor de alimentos e bebidas do mundo. Nesta 3ª edição, em que a Embrapa participa como parceira estratégica, a feira deve receber mais de 15 mil visitantes nacionais e internacionais que atuam direta ou indiretamente na indústria de alimentos e bebidas, interessados em novos produtos nacionais e internacionais, tendências e boas práticas que serão apresentadas pelos mais de 300 expositores do evento. 

 

Serviço

Anufood Brazil

Data: 12 a 14 de abril de 2022

Feira: 10h às 19h

Local: São Paulo Expo

Endereço: Rodovia dos Imigrantes Km 1,5 – Vila Água Funda, São Paulo – SP

Localização Estande Embrapa: Rua D-600

Página da Embrapa na AnufoodBrazil 2022

Fonte: Embrapa

Comentários Facebook
Propaganda

AGRO & NEGÓCIO

Operação fiscaliza produção de fertilizantes no estado de São Paulo

Publicados

em

De 08 e 12 de agosto, uma equipe do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) realizou uma operação de fiscalização da produção de fertilizantes no estado de São Paulo. O estado é o maior em número de estabelecimentos produtores de fertilizantes do país.

Na operação foram apreendidos 100 mil litros de produtos fluidos e 412 toneladas de fertilizantes sólidos. Além disso, 34 empresas da região de Ribeirão Preto, São José do Rio Preto e Barretos foram fiscalizadas e 26 coletas de produtos para análises fiscais, as amostras de inoculantes representam o equivalente a 260 mil doses de produto. A ação tinha como objetivo auditar os processos de produção e os procedimentos de controle de qualidade de fertilizantes.

No total, foram emitidos 22 autos de infração e oito empresas foram embargadas cautelarmente para a realização de adequações. A principal irregularidade constatada foi a ausência ou insuficiência de análises de controle de qualidade das matérias-primas e produtos acabados. 

Ainda foram constatados que diversas empresas produtoras de fertilizantes fluidos estão produzindo adjuvantes. 

Participaram da ação 16 auditores fiscais federais agropecuários, com apoio logístico das Unidades Técnicas Regionais e da Superintendência Federal de Agricultura no Estado de São Paulo (SFA-SP).

Fonte: AgroPlus

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

TECNOLOGIA

MATO GROSSO

Política Nacional

Mais Lidas da Semana