turismo

Cruzeiros: saiba por que você não deve usar o elevador do navio

Publicado


source

Funcionários de cruzeiros têm as melhores dicas do que fazer (ou não) dentro de um navio. Depois de indicar sobre como as doenças se espalham durante uma viagem náutica , alguns funcionários ensinam o porquê você não deve pegar elevador no cruzeiro.

elevador
Getty Images

a

A dica vem dos especialistas da Cruise Critic . Segundo eles, utilizar o elevador dentro do cruzeiro é perda de tempo. “Se você é um cruzador saudável, alguém que pode andar alguns lances de escada, você é um tolo se está desperdiçando seu cruzeiro esperando o elevador”, dizem.

“Você sempre precisa esperar o elevador viajar do 15º andar para o seu. Eles costumam estar lotados e, inevitavelmente, param em todos os andares, levando uma eternidade. Você não só vai chegar mais rápido em muitos casos, como subir escadas de navios de cruzeiro é a maneira perfeita de queimar a pina colada e o sorvete de chocolate de ontem sem precisar se exercitar na academia”.

Leia também: Cruzeiros – qual a maior preocupação do turista após a pandemia?

Leia mais:  Hotel Águas Quentes contribui para conservação do meio ambiente

Ou seja, evitar o elevador nos cruzeiros te ajuda a aproveitar melhor o tempo e ainda emagrecer. Quer dica melhor do que essa? Para a sua próxima viagem já dá para anotar no caderninho.

Fonte: IG Turismo

Comentários Facebook
publicidade

turismo

Cruzeiros ganham “portal de limpeza” e tecnologia para evitar contaminação

Publicado


source

As empresas de cruzeiro ao redor do mundo estão se preparando para volta das atividades e investindo em tecnologia para preservar a saúde de todos a bordo. Cada linha de cruzeiro está anunciando o próprio plano de segurança.

Leia também: Cruzeiros: qual a maior preocupação do turista no pós-pandemia?

portal de limpeza
REPRODUÇÃO/USA TODAY

Companhias de cruzeiro estão instalando portais de limpeza com raios ultra-violeta


Um exemplo é a linha de cruzeiros Carnival, que irá implementar câmeras térmicas para rastrear a temperatura de tripulantes. Outra tecnologia usada é o uso de raios ultra-violeta em locais muito movimentados para higienizar o ar, superfícies e até pessoas, como uma espécie de “portal de limpeza”.

Ao  USA Today , o diretor Centro de Pesquisa Radiológica da Universidade de Columbia, David Bremer, afirma que os raios UV tem sido usados para matar bactérias e vírus por muito tempo. A ideia é utilizar os raios ultra-violeta para limpar malas, pessoas e ambientes.

destruir o vírus não é a única forma que navios estão estudando para evitar a propagação de doenças em navios. Ainda segundoo jornal, a inteligência de dados internos pode fornecer aos cruzeiros informações sobre reuniões de pessoas, onde há aglomerações precisam ser dispersadas e quem entrou em contato com quem em caso de um surto viral a bordo.

Leia mais:  Projeto oferece estadia a profissionais da saúde durante a pandemia

Basicamente, os navios de cruzeiro  poderão monitorar os passageiros pelos sinais de telefone. E operadores portuários podem analisar navios pelos sinais verde, amarelo ou vermelho com base nos níveis de aglomeração da embarcação.

E o sistema de monitoramento pode identificar os locais que deverão ter uma maior limpeza , principalmente se um dos passageiros começar a desenvolver sintomas de coronavírus. Assim, eles rastreiam o viajante e podem focar a limpeza e higienização dos locais por onde ele passou.

Fonte: IG Turismo

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana