MULHER

Crie 3 opções de looks diferentes com o coturno feminino!

Publicado


source

Peça icônica do movimento punk, gótico e rocker, o coturno une personalidade e conforto em seu design. Apesar de ter um estilo agressivo, a bota conquistou seu lugar ao sol no closet das brasileiras, podendo ser usada de diversas maneiras, conferindo mais atitude ao outfit. 

Um truque para usar o coturno feminino à prova de erros é unir com peças mais básicas e fluídas, como por exemplo o vestido midi floral. O peso do calçado faz um contraponto interessante com o clima romântico do vestido, conferindo mais personalidade. 

O hi-lo é outro exemplo, o encontro entre o básico com peças mais elaboradas imprime um visual arrebatador e cheio de estilo. Confira agora 3 looks usando o coturno feminino !

Leia também:  conforto e estilo com o conjunto moletom!

Romântico

Para criar um visual romântico excêntrico, se inspire na Victória Rocha, e aposte na saia de babados floral com uma t-shirt e o coturno feminino nos pés. Para finalizar o look, a bolsa redonda e acessórios delicados fazem um mix inteligente entre  toque feminino e o ar robusto do calçado. 

Leia também:  alerta tendência – as cores indispensáveis do inverno!

Moderno

Na proposta do estilo moderno o monocromático está em alta, especificamente tons de bege e nude ganharam os holofotes nesta temporada. Aposte na calça clochard ampla junto ao sobretudo – ambos nos tons de bege – e para fazer o contraponto o coturno feminino de verniz na versão mais alta. Finalize com os óculos de sol pequenos e brincos de argola. 

Leia também:  atualize o look do dia com os acessórios mais amados da temporada!

Casual 

Jeans e camiseta é o visual mais básico e casual que podemos conhecer, porém os elementos de estilos que compõe o look pode mudar completamente este conceito. Desta vez, a bota coturno aparece na versão tradicional, com o solado robusto, aliado aos acessórios: cinto preto e bolsa baguete no mesmo tom.  

Existem uma infinidade de modelos do coturno feminin o: diversas cores, com o solado tratorado, cano mais alto, mais baixo, no couro, envernizado, enfim, tenho certeza que irá encontrar a peça que mais combina com o seu estilo, para trazer ainda mais atitude aos seus outfits! Gostou da matéria? Deixe nos comentários qual dos looks é o seu preferido.

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
publicidade

MULHER

Pastora se assume bissexual e começa a vender fotos nuas: “Me senti mais santa”

Publicado


source

A americana Nikole Mitchell cresceu em um ambiente conservador no qual não conseguia explorar sua sexualidade. Ela casou, teve três filhos e acabou virando pastora, mas percebeu que aquilo não a preenchia e decidiu mudar de vida e, nesse processo, ela se descobriu bissexual. Aos 36 anos, ela está solteira e realizada vendendo fotos e vídeos de nu explícito em uma rede social.

Nikole Mitchell como pastora e como stripper
Reprodução

Nikole Mitchell deixou a vida de pastora para vender fotos e vídeos eróticos

“Desde muito jovem, eu fantasiava ser uma stripper, mas fui doutrinada a acreditar que meus desejos e meu corpo eram pecaminosos e maus por natureza”, contou Nikole em entrevista ao New York Post. Por influência da família, ela apostou tudo na religião e se tornou pastora, mas mesmo assim era vista como a ovelha negra da família.

“Aprendi que as mulheres não podem liderar e que devem estar na cozinha e com as crianças. Embora isso fosse contra tudo o que me disseram, decidi me tornar pastora por causa do meu desejo de apresentar as mulheres”, afirmou Nikole que buscou a igualdade de gênero dentro da sua fé.

Casada e com três filhos, que atualmente estão com 10, 7 e 4 anos, a então pastora acreditava ser heterossexual. Tudo mudou quando ela assistiu a uma peça de teatro com temática LGBTQI+.  “Eu fiquei tipo ‘oh meu Deus, eu não acho que sou hétero’ e isso abalou meu mundo”, disse Nikole que sabia que ao se assumir bissexual “perderia tudo porque a igreja não acolhe pessoas queer”.

De repente, ela sentiu como se estivesse vivendo uma vida dupla, lutando para manter sua sexualidade em segredo. Foi então que ela abandou a igreja e meses depois fez um vídeo no YouTube fazendo um desabafo. Diante da reconstrução de sua vida, ela se perguntou o que viria a seguir.

Uma nova vida 

A ex-pastora decidiu que era hora de explorar seus desejos sexuais e se inscreveu em uma aula para chamada “Sexpress You” para aprender a como se soltar e, logo, fez sua primeira sessão de fotos nuas. “Chorei porque nunca me senti mais santa e sagrada em minha vida. Nunca me senti tão sexy e livre”, lembrou.

Sentido que tinha vocação para ser uma modelo erótica, Nikole passou a usar uma rede social adulta para vender fotos e vídeos em que aparece nua. “Eu comecei muito tímida, apenas com fotos de topless, mas agora estou no ponto em que atendo pedidos pessoais e faço vídeos sob medida para realizar os desejos específicos das pessoas”, contou a americana que antes da pandemia chegou a “receber milhares de dólares para fazer sexo” com outras pessoas.

Com uma nova vida, ela se mudou para Los Angeles, se divorciou do marido e diz que está mais feliz do que nunca. “Cada pessoa tem o direito de se expressar da maneira que for melhor para ela e essa é a melhor maneira para mim”, concluiu a americana que sente que ficar nua é tão sagrado quando ser pastora.

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana