Saúde

Covid-19: visitas em presídios federais são suspensas por mais 30 dias

Publicado


.

O Departamento Penitenciário Nacional (Depen) prorrogou por mais 30 dias as suspensão de visitas, atendimentos de advogados, atividades educacionais e de trabalho, assistências religiosas e escoltas realizadas nas penitenciárias federais, como forma de prevenção à disseminação do novo coronavírus (covid-19). A medida vem sendo prorrogada desde março.

Como exceção, ficam permitidos somente o atendimento de advogados, em decorrência de necessidades urgentes ou que envolvam prazos processuais não suspensos, e as escoltas de requisições judiciais.

Assim como nas versões anteriores, a portaria com a medida, publicada no Diário Oficial da União de hoje (29), prevê também a adoção, pelas penitenciárias federais, das “providências necessárias de modo a promover o máximo isolamento dos presos maiores de 60 anos ou com doenças crônicas, durante as movimentações internas nos estabelecimentos”.

Edição: Graça Adjuto

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
publicidade

Saúde

Com média móvel de 25,5 mil, casos de Covid-19 no País mantém tendência de alta

Publicado


source
Testes rápidos para a Covid-19
Foto: Bruno Concha/Fotos Públicas

Testes rápidos para a Covid-19

A média móvel de casos confirmados da Covid-19 , doença causada pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2), voltou a ultrapassar a marca de 25 mil, o que mostra que as contaminações mantiveram tendência de alta no Brasil. O número foi superado pela última vez no dia 12 de outubro. As informações são do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

Nas últimas 24 horas, o levantamento mostra que os casos confirmados foram 28.629, fazendo o total chegar a 5.468.270. No mesmo período os óbitos foram 510, totalizando 158.456 mortes desde o início da pandemia. A taxa de letalidade está em 2,9%.

A contagem de casos realizada pelas Secretarias Estaduais de Saúde inclui pessoas sintomáticas ou assintomáticas; ou seja, neste último caso são pessoas que foram ou estão infectadas, mas não apresentaram sintomas da doença.

O ranking de número de mortes segue liderado pelo estado de São Paulo, que tem 39.007 óbitos causados pela Covid-19. O Rio de Janeiro continua em segundo lugar, com 20.376 mortes, seguido por Ceará (9.325), Minas Gerais (8.827) e Pernambuco (8.587).

Os estados que registram maior número de casos são: São Paulo (1.103.582), Minas Gerais (353.311), Bahia (349.711), Rio de Janeiro (306.672) e o Ceará (272.104).

Desde o início de junho, o Conass divulga os números da pandemia da Covid-19 por conta de uma confusão com os dados do Ministério da Saúde. As informações dos secretários de saúde servem como base para a tabela oficial do governo, mas são publicadas cerca de uma hora antes.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana