mato grosso

Convênio garante R$ 1,5 milhão para infraestrutura do Mais Habitação em Ipiranga do Norte

Publicados

em


O governador Mauro Mendes garantiu mais de R$ 1,5 milhão para obras de infraestrutura que vão atender ao programa Mais Habitação em Ipiranga do Norte (437 km de Cuiabá).  A assinatura do convênio foi realizada na quinta-feira (17) durante uma série de entregas de obras de pavimentação na região Médio-Norte de Mato Grosso. 

No município está prevista a construção de 100 casas. O montante empenhado será destinado à pavimentação asfáltica e drenagem pluvial das vias urbanas do loteamento Residencial Renascer, região onde o empreendimento habitacional será construído.  

O presidente do MT PAR, Wener Santos, participou da assinatura do convênio e destacou a importância do programa para o desenvolvimento da região. “Esse valor garante toda a infraestrutura necessária para darmos início ao projeto habitacional em Ipiranga do Norte, cujo investimento chega a R$ 12 milhões e deve gerar 280 empregos diretos e indiretos”, disse. 

O prefeito de Ipiranga do Norte, Pedro Ferronatto, comemorou a conquista e disse que o programa reduzirá significativamente o déficit habitacional. “A casa própria é a realização do sonho de muitas famílias. Nós da prefeitura entramos com o terreno e o Governo deu sua  contrapartida”, disse.

Para o governador Mauro Mendes essa parceria reduz os custos para o morador. “Tendo o terreno e a infraestrutura, o valor da prestação que é financiada pela Caixa Econômica cai consideravelmente para o cidadão. É um programa que realmente dá acesso à moradia”, disse. 

Mendes lembrou que o presidente do MT PAR, Wener Santos, está trabalhando junto à área social, ao lado da primeira-dama Virgínia Mendes e da secretária de Assistência Social, Rosa Maria Carvalho, para que o Governo possa fazer a entrega de milhares de casas nos próximos dois anos. “Os prefeitos que querem trabalhar, correr atrás, podem nos procurar. Nossa intenção é construir casas populares em todo Mato Grosso”, disse.

Na ocasião também foram entregues 22,14 quilômetros de asfalto da MT-010. A obra marca um momento de desenvolvimento para o município e foi comemorada pelos produtores da região, colocando fim a uma espera de 20 anos pelo asfalto. 

Também participaram do ato o secretário Alberto Machado (Cultura, Esporte e Lazer), o Marcelo de Oliveira (Infraestrutura), os deputados estaduais Dilmar Dal Bosco e Xuxu Dal Molin; e os prefeito eleitos de Ipiranga do Norte e Lucas do Rio Verde, Orlei José Grasseli e Miguel Vaz, respectivamente.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Propaganda

mato grosso

Técnicos da Empaer participam de treinamento para auxiliar produtores de piscicultura

Publicados

em


Técnicos da Empresa Mato-grossense de Pesquisa Assistência e Extensão Rural (Empaer) encerraram, nesta quarta-feira (20.10), o treinamento sobre manejo em piscicultura para acompanhar e orientar produtores do Consórcio Nascentes do Pantanal. Desde segunda-feira (18.10), a programação foi dividida com aulas teóricas na Câmara de Vereadores de Conquista D´ Oeste e práticas em três propriedades na zona rural da cidade.

A qualificação é resultado da parceria entre a Empaer e a Prefeitura de Conquista D´Oeste devido o crescimento da piscicultura que vem ganhando cada vez mais espaço na economia local e, em toda região.

O veterinário da Secretaria Municipal de Agricultura, Flávio Carlos do Nascimento foi um dos instrutores e destacou a importância da iniciativa. “Foram três dias de muita troca de experiência. Passei noções de estudo de mercado, necessidade de projeto, recurso financeiro público e privado, manejo, sanidade, tipos de tanque, além das visitas guiadas que os participantes puderam conhecer o perfil de cada produtor”.

Segundo Flávio, com o conhecimento os técnicos estão aptos a orientar e auxiliar o produtor. “Foi uma experiência rica porque a interação foi a principal característica. Sugiram muitas dúvidas que no transcorrer do treinamento foram sendo sanadas. Tive a oportunidade de ensinar, mas aprendi também”, pontua o veterinário.

A analista ambiental da unidade descentralizada da Sema, Eliane Aparecida de Freitas, explica que um dos assuntos apresentados foi sobre a descentralização que facilitou o acesso e a aproximação de toda pessoa interessada nos serviços da Sema na região.

“Queremos orientar e auxiliar, por isso, atendemos o convite. O produtor é um empreendedor. Ele investe e precisa conhecer a legislação que rege o meio ambiente. Para os que já estavam antes é importante se regularizar e muitos têm nos procurado”.

Eliane explica que além de todo procedimento para regulamentar a prática precisa estar associada à liberação para poder comercializar o peixe, caso haja qualquer empecilho prejudica toda uma cadeia de investimento. “Os técnicos da Empaer são porta-vozes e nos auxiliam a propagar a importância de seguir toda legislação. Na qualificação deixei bem claro a importância da iniciativa”.

O técnico da Empaer de Curvelândia, Valmir Garcia explica a cadeia produtiva da piscicultura no município conta com aproximadamente 180 hectare de tanque escavado. Ele destacou a importância do perfil da propriedade e do produtor na atividade, conforme o clima, a genética, nutrição, o manejo, a sanidade e o mercado.

“É importante escolher a espécie de peixe conforme o mercado consumidor a ser alcançado, além da aptidão da região. Observamos que no município de Conquista D’Oeste tem sido utilizado o matrinxã, jatuarana e tabatinga”.

Segundo Valmir, durante o treinamento ficou evidenciado por exemplo, que a construção de tanques de 1,3 hectares tem trazido melhores resultados, devido ao desenvolvimento dos peixes e a facilidade de fechar uma carga de transporte por tanque. O que facilita o manejo, diminuindo o estresse dos animais. “É mais um desafio que vamos levar para o produtor”, destaca o técnico.

Já Cleiciany Miranda, técnica da Empaer de Cáceres, destacou que ficou surpresa que na piscicultura, a alimentação é um dos pontos de maior preocupação, pois representa cerca de 70% dos investimentos nesta área. Por isso, o cuidado diário precisa ser considerado pelo produtor.

“Vamos qualificando para poder auxiliar os produtores da agricultura familiar e fomentar cada vez mais o nosso trabalho que é levar comida de qualidade na mesa do cidadão”.

Participaram também do treinamento técnicos da Empaer de Pontes e Lacerda, Comodoro, Conquista D´Oeste, Vale de São Domingos, Porto Esperidião, Salto do Céu, Jauru, Nova Lacerda, Reserva do Cabaçau e São José dos Quatro Marcos.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana