MULHER

Conheça os 8 procedimentos estéticos mais bombados do momento

Publicados

em

 

 

source

Alto Astral

Conheça os 8 procedimentos estéticos mais bombados do momento
Reprodução: Alto Astral

Conheça os 8 procedimentos estéticos mais bombados do momento

A procura por tratamentos estéticos está mais em alta do que nunca. Entre os mais procurados estão redução de medidas e mudanças no rosto . Segundo uma pesquisa da Kantar Brasil “What Women Want”, encomendada pela Avon em parceria com o Instituto Ibope Conecta, as brasileiras estão descontentes tanto com o corpo quanto com a face. O estudo revelou que 6 em cada 10 mulheres afirmam estar insatisfeitas com a pele do rosto.

Antes de fazer qualquer decisão que comprometa sua aparência, conheça os tratamentos estéticos mais populares e saiba como eles funcionam:

1 – Limpeza facial com peeling ultrassônico Esse procedimento é indolor e deixa a pele limpinha sem danificá-la. Com o uso de um aparelho, são aplicadas ondas e vibrações de alta frequência que removem as células mortas da fronte e rejuvenesce a camada mais externa. O ultrassom promove a renovação celular, fornece oxigênio para as células cutâneas, reduz manchas e estimula a produção de colágeno e elastina.

2 – Microagulhamento para melhorar o aspecto da pele

Como os resultados do tratamento são rápidos e duradouros, ele é bastante procurado. O microagulhamento utiliza pequenas agulhas para estimular a produção de colágeno na face. A técnica suaviza rugas, reduz manchas, diminui flacidez e poros .

Além disso, anestésicos locais são utilizados para deixar o procedimento menos doloroso.

3 – Tratamento de estrias com peeling de cristal

Nada invasivo, esse tratamento é conhecido como microdermoabrasão indolor. A técnica consiste em esfoliar a pele com microcristais, removendo as impurezas e estimulando a produção celular. É usado um aparelho que promove a sucção da pele, por meio de uma ponteira, enquanto são liberados cristais na mesma região. O peeling de cristal também pode ser usado no rosto para melhorar cicatrizes de acne e foliculites. O tratamento pode ser usado também como ação antienvelhecimento.

Você viu?

4 – Carboxiterapia para diminuir estrias e melhorar flacidez Esse tratamento é realizado com injeção de gás carbônico sob a pele. O resultado é uma melhora da oxigenação celular e da circulação sanguínea na região. O tratamento além de diminuir as estrias, estimula a produção das fibras de colágeno, desfaz nódulos de celulite, auxilia na queima de gordura local e melhora o aspecto de cicatrizes .

5 – Amenizar as celulites com drenagem linfática É utilizada a massagem corporal para estimular o trabalho do sistema linfático. O alvo desse tratamento é reduzir as toxinas e linfa (retenção de líquidos e fibroses) que se acumulam entre as células dando um aspecto de casca de laranja para a pele. Ademais, auxilia na perda de peso quando aliada a uma dieta equilibrada.

6 – Diminuir celulite e gordura localizada com radiofrequência Essa técnica usa correntes de alta intensidade para produzir calor no tecido abaixo da pele e é utilizada uma ponteira em movimento sobre a derma. A temperatura interna na região varia de 38 a 42 °C dependendo da disfunção. O aparelho de radiofrequência eleva a temperatura da pele e do músculo, promovendo a contração do colágeno e favorecendo a produção de mais fibras de elastina, dando mais sustentação e firmeza.

Além disso, esse calor diminui o volume das células de gordura e os resultados podem ser observados nos primeiros dias, logo após a primeira sessão. Quanto mais sessões, maiores e melhores serão os resultados.

7 – Criolipólise para acabar com a gordura localizada A criolipólise utiliza um equipamento capaz de congelar as células de gordura quando colocado junto à superfície da pele. Pode ser feita em diferentes partes do corpo e fique tranquila porque não é invasiva e não provoca danos aos nervos e músculos . Esse recurso não é indicado para tratar obesidade e sim para diminuir a gordura persistente de algumas regiões.

8 – Lipocavitação para remodelar o corpo Conhecida como lipo sem cirurgia, a técnica usa ultrassom para reduzir a gordura localizada e o tratamento também ajuda na definição do corpo. Dura, em média, 40 minutos e a quantidade de sessões é indicada de acordo com o resultado esperado.

Colaboração: GiOlaser

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Propaganda

MULHER

FRAPs: conheça os chamados Períodos Frenéticos de Atividades Aleatórias nos cães

Publicados

em


source

Alto Astral

FRAPs: conheça os chamados Períodos Frenéticos de Atividades Aleatórias nos cães
Reprodução: Alto Astral

FRAPs: conheça os chamados Períodos Frenéticos de Atividades Aleatórias nos cães

Sabe quando seu cachorro sai correndo pela casa como um foguete? Esses momentos de agitação têm um nome: Períodos Frenéticos de Atividades Aleatórias, ou, na sigla em inglês, FRAPs ( Frenetic Random Activity Periods ). Esses períodos nada mais são do que um acúmulo extremo de energia que ocorre nos cães, podendo ser comparados às descargas de adrenalina nos seres humanos.

Mas fique tranquilo. Segundo Frederico Fontanelli Vaz, docente e coordenador do curso de medicina veterinária da Faculdade Anhanguera ABC, o comportamento é totalmente normal. “É um comportamento natural dos animais”, ele ressalta. Além disso, essa descarga de energia não dura mais do que alguns minutos – em cães de grande porte, pode se prolongar por mais tempo do que em raças pequenas.

Vaz esclarece que o comportamento costuma ocorrer após episódios que desencadeiam algum tipo de estímulo no animal. O médico usa como exemplo o banho, uma refeição ou cochilo e até mesmo a volta de seu tutor ao lar depois de um intervalo longo de tempo. “Isso acontece porque são momentos em que eles estão prontos para gastar a energia reposta”, complementa o veterinário.

E para quem está se perguntando: sim, os bichanos também podem apresentar tal comportamento. Mas, de acordo com o médico veterinário, há algumas diferenças. Ele explica que os gatos são caçadores por natureza. “Por isso, instantes antes do animal apresentar um FRAPs, os tutores podem perceber que ele está em estado de alerta, parecendo que viu ou ouviu algo ameaçador ou curioso”. Mas, assim como nos cães, também é possível que o gato apresente o comportamento após as refeições ou após horas de sono.

Todavia, Vaz pontua que, apesar de natural, essa descarga de energia só é um bom sinal quando esporádica e diz que, se os períodos forem muito repetitivos, é preciso ficar atento. O profissional recomenda procurar por um médico veterinário “a qualquer sinal diferente do comportamento natural”.

Você viu?

No caso dos cães, ele ainda comenta que os Períodos Frenéticos de Atividades Aleatórias podem ser confundidos com o TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo). “Neste caso, os cães podem perseguir a cauda, seguir sua própria sombra ou ‘morder o ar’, como se estivessem tentados a pegar um inseto”, ele pontua.

O médico veterinário também faz questão de lembrar um ponto importante: os tutores devem evitar correr atrás do animal. Isso porque a ação pode levar o pet a pensar que está sendo perseguido, fazendo-o correr ainda mais. “Imagine se isso ocorrer em um local aberto, é perigoso”, ele comenta. Portanto, na rua, para evitar acidentes, controle sempre seu cão e mantenha-o na guia ou coleira. “Em casa, o tutor deve evitar deixar objetos pelo chão para que o cão ou gato não se machuque”, finaliza Vaz.

Consultoria: Prof. Frederico Fontanelli Vaz, graduado em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Lavras (2011) e doutor em Ciências pelo programa de Patologia Experimental e Comparada na Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia – USP. Atualmente, atua como docente e coordenador do curso de medicina veterinária na Faculdade Anhanguera ABC.

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana