mato grosso

Confira resultado final do processo seletivo para Case de Lucas do Rio Verde

Publicado


.

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) publicou o resultado final do processo seletivo que visa à contratação de profissionais de nível superior para atuarem temporariamente no Centro de Atendimento Socioeducativo (CASE) de Lucas do Rio Verde. O resultado foi publicado na edição desta sexta-feira (22.05) do Diário Oficial do Estado de Mato Grosso (www.iomat.mt.gov.br), e também pode ser conferido aqui

No documento constam o resultado final, o resultado dos recursos interpostos e a convocação para a assinatura dos contratos dos selecionados.

Os candidatos aprovados deverão comparecer ao CASE de Lucas do Rio Verde, localizado na Avenida da Fé, Quadra 37, Bairro Tessele Júnior, entre os dias 26 e 29 de maio, das 8h às 12h e das 14h às 18h, para assinatura do contrato.

Os candidatos que forem até a unidade para assinar o contrato deverão levar os documentos (fotocópia e original) e apresentar originais dos documentos e comprovantes enviados por e-mail na ocasião da formalização da inscrição.

São exigidos os seguintes documentos: Registro Geral (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF), Título Eleitoral, Certidão de Quitação Eleitoral (com emissão não superior a 30 dias), carteira de reservista (para candidatos homens), Certificado de Escolaridade, fotocópia do PIS ou PASEP (com data e ano de emissão), comprovante de endereço atual (no máximo dos últimos três meses), comprovante de conta corrente (Agência do Banco do Brasil), e declaração padrão de não acúmulo de cargo.

Leia mais:  Governo mostra para Prefeitura de Cuiabá leitos construídos em hospitais estaduais

São exigidos também os exames de saúde que constam no item 10.5.1 do Edital de abertura nº 001/2020/SESP, publicado no Diário Oficial do Estado em 29 de abril de 2020. O atestado médico de sanidade física e mental poderá ser entregue em até 90 dias da assinatura do contrato. O candidato convocado que não comparecer para assinatura dos contratos será eliminado.

O processo seletivo contrata quatro profissionais para reforçar o atendimento aos jovens que cumprem medidas socioeducativas no município de Lucas do Rio Verde. As vagas são para os cargos de Analista do Sistema Socioeducativo – perfil Assistente Social (1 vaga), perfil Educador Físico (1 vaga), perfil Enfermeiro (1 vaga) e perfil Psicólogo (1 vaga). A jornada de trabalho é de 30 horas semanais e o salário é de R$ 4.675,92.

A jornada dos profissionais contratados será das 8h (oito horas) às 14h (quatorze horas) para a execução do atendimento técnico no Centro de Atendimento Socioeducativo de Lucas do Rio Verde.

Leia mais:  Atualização do quadro do presidente da Fapemat

Todas as informações e documentos referentes ao processo seletivo, inclusive o Edital n° 001/2020/SESP, estão disponíveis no site da Sesp-MT, em: http://www.sesp.mt.gov.br/processo-seletivo.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

mato grosso

Sefaz faz alerta a comerciantes e empresários sobre falsos fiscais

Publicado


.

A Secretaria de Fazenda de Mato Grosso (Sefaz-MT) alerta aos comerciantes e empresários para uma ação de falsos fiscais na região Norte do Estado. Os estelionatários têm abordado contribuintes para vender assinaturas e espaços publicitários em uma suposta revista com o antigo nome do sindicato da categoria – Revista Sintafe.

Durante a abordagem, os falsos fiscais coíbem as vítimas com ameaças de possíveis fiscalizações e retenções de mercadorias em barreiras e postos fiscais. O valor cobrado pelo espaço para anúncio na revista seria de R$ 2.000.

É importante ressaltar que o sindicato que representa os fiscais de tributos estaduais é o Sindifisco-MT. O nome Sintafe deixou de ser utilizado pela entidade em 2014, o que reafirma o golpe aplicado.

O secretário de Fazenda, Rogério Gallo, afirma que o caso será repassado para os órgãos competentes para que seja investigado e os golpistas identificados. “Precisamos alertar os empresários: nem o sindicato, nem a Sefaz, pedem patrocínio. Esse caso já está com a Polícia. São estelionatários usando o nome do sindicato e da Sefaz. Serão punidos.”, assinalou.

Leia mais:  Governo mostra para Prefeitura de Cuiabá leitos construídos em hospitais estaduais

De acordo com o presidente do Sindifisco-MT, João José de Barros, a entidade não realiza nenhuma cobrança aos contribuintes, o seu vínculo é exclusivamente com os fiscais de tributos da Sefaz. “Queremos deixar claro que o Sindicato nunca cobrou, não cobra e nem vai cobrar nada de contribuintes. Se alguém fizer isso é golpe”.

A Sefaz ressalta que não tem qualquer ligação com as ações praticadas e reitera a orientação para que o contribuinte chame a Polícia Militar quando receber este tipo de abordagem ou, se não houver a presença da pessoa, que encaminhe uma denúncia para Ouvidoria da secretaria.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana