atividades econômicas

Comércio de Cuiabá tem boas expectativas de vendas para o Dia dos Pais

Publicado

O Dia dos Pais, comemorado no próximo domingo (09.08), é uma das datas mais importantes do calendário para o comércio varejista. Em Cuiabá, os lojistas estão com boas expectativas para as vendas, preparando decorações de vitrines e promoções para atrair os consumidores, seguindo as recomendações de biossegurança para evitar a proliferação do novo coronavírus (Covid-19).

Conforme pesquisa realizada pela Boa Vista, 60% dos consumidores apoiam a retomada gradual do comércio e serviços. Desses, 29% disseram já ter retomado a rotina de compras fora de casa, priorizando idas a supermercado (64%), restaurantes e padarias (29%). Roupas e calçados representam 21%. A pesquisa aconteceu entre 06 a 21 de julho, com cerca de mil consumidores, em todo o Brasil.

Para o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Cuiabá (ACC), Jonas Alves, a expectativa de vendas para o Dia dos Pais é positiva e ajuda a economia local, principalmente os presentes de última hora. “Apesar do momento econômico difícil, os filhos gostam de presentear os pais e temos esperança de que muitos irão comprar presencialmente, tomando os cuidados necessários, e valorizando as empresas municípios”.

O comércio de Cuiabá retomou o atendimento presencial e segue protocolos de biossegurança determinados pelos órgãos oficiais. “Os lojistas estão seguindo as medidas determinadas pelo poder público, oferecendo segurança aos consumidores, que também devem fazer a sua parte, tomando todos os cuidados”, alertou o presidente da ACC.

Ele destaca que existem opções de compras acessíveis para todos os bolsos. “As empresas querem se manter ativas e de portas abertas. Enquanto estiveram fechadas, muitas se reinventaram com alternativas eletrônicas e delivery para continuar sobrevivendo. Torcemos muito para que todas consigam recuperar os seus negócios daqui pra frente”, concluiu Alves.

Vendas

A pesquisa da Boa Vista apontou que os entrevistados apontaram como escolhidos para presentear o pai (46%), marido (29%) e sogro (7%). Quanto aos presentes, vestuários e calçados representaram 45% da intenção de compra, seguido de acessórios (17%) e perfumes/cosméticos (16%), já considerados tradicionais para presentear nesta data.

Grande parte dos entrevistados apontou predileção pelo pagamento à vista (61%), com a utilização do cartão de débito por 41% dos consultados. Dentre os que preferem parcelar (39% dos entrevistados), 91% utilizarão cartão de crédito, e os demais encontram alternativas no cartão de débito programado (2%), carnê/boleto (7%) e cheque (1%).

Funcionamento do comércio em Cuiabá

De acordo com o decreto nº 8.020/2020, as atividades do comércio em geral, varejista e atacadista, podem funcionar de segunda a sábado, das 9h às 17h, vedado o funcionamento aos domingos e feriados.

Já as atividades econômicas de comércio varejista nos shoppings centers, poderão retomar as suas atividades observado o horário de atendimento ao público de segunda à sábado, das 11h às 22h, vedado o funcionamento aos domingos e feriados (decreto nº 8.034/2020).

Comentários Facebook
publicidade

AGRO & NEGÓCIO

Webinar discute produção sustentável de citros no Brasil

Publicado


.

O papel das coberturas vegetais para a produção sustentável dos citros no Brasil vai ser discutido na manhã dos próximos dias 29 e 30 de setembro, no YouTube da Embrapa. Organizado pela Embrapa Mandioca e Fruticultura (Cruz das Almas, BA), o evento é uma das atividades do projeto “Manejo de coberturas vegetais e seus efeitos nos atributos do solo e fitossanidade das plantas cítricas”, batizado de Cobecitros, que tem como objetivo gerar/desenvolver, adaptar e transferir tecnologias com o manejo de coberturas vegetais nos principais polos citrícolas que permitam a melhoria e conservação da fertilidade do solo e maior equilíbrio fitossanitário do pomar.
Plantadas nas entrelinhas dos pomares de citros, coberturas vegetais como gramíneas ou leguminosas ajudam a controlar as plantas daninhas, reduzindo os custos e o uso de herbicidas entre 30% e 40% ao longo do ano, e aumentam a produtividade dos pomares de laranja, limão e tangerina. Além disso, preservam o solo, pois aumentam a eficiência do uso da água, diminuem a erosão e a salinização, promovem a ciclagem de nutrientes, adicionam nitrogênio e aumentam o estoque de carbono no solo.
Cada região do país tem as coberturas que se adaptam melhor ao seu clima. As leguminosas feijão-de-porco, crotalárias e calopogônio e as gramíneas como o milheto e braquiárias são encontradas em quase todo o território brasileiro. Já no Sul do Brasil existem espécies vegetais específicas para o período frio, chamadas de coberturas de inverno, como o nabo-forrageiro e a aveia-preta.

Palestras
O pesquisador José Eduardo Borges de Carvalho, líder do projeto, comenta a dinâmica do evento: “No primeiro dia vão ser levantados os gargalos para o cultivo sustentável da citricultura nos principais polos produtivos, abordando-se a dimensão da citricultura local; peculiaridades de clima e solo; problemas relacionados a solo; manejo e práticas culturais rotineiras; práticas de conservação do solo e da água. No segundo dia, haverá exposição de especialistas sobre os principais resultados de pesquisa”, explica.
Além dele, os outros palestrantes são os pesquisadores Alisson XavierAna Lúcia Borges e Marilene Fancelli, também da Embrapa, Pedro Auler, do Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR), e Fernando Azevedo, do Centro de Citricultura Sylvio Moreira/Instituto Agronômico (IAC). O evento vai ser moderado pelo engenheiro-agrônomo Augusto Moura, analista do Setor de Gestão de Transferência de Tecnologia da Embrapa Mandioca e Fruticultura. 
A organização do evento vai exibir vídeos com depoimentos de produtores que utilizam a tecnologia nos Tabuleiros Costeiros, no Amazonas 
e no Sul do Brasil.

Podcast
Para saber mais detalhes sobre a tecnologia, pode acessar o episódio mais recente do podcast Raiz & Fruto, disponível no YouTube, no Spotify e em outras plataformas de áudio como Google Podcast e Apple Podcast.

 

 

Fonte: Embrapa

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana