Cuiabá

Cobranças dão resultados e Águas Cuiabá apresenta dados de operação de reparo viário

Publicados

em


Davi Valle

Clique para ampliar

A Águas Cuiabá apresentou ao vice-prefeito e secretário municipal de Obras Públicas, José Roberto Stopa, o resultado da operação de 60 dias de atuação nas demandas pendentes do serviço de recomposição de pavimento. De acordo com a empresa, durante o período de fevereiro a abril, foram executados mais de 16 mil m² de reparo em malha viária atingida pelas intervenções da concessionária.

O resultado é fruto da intensa cobrança que vem sendo feita pelo vice-prefeito, a pedido do prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro. Desde que assumiu a titularidade da Secretaria de Obras Públicas, Stopa tem feito uma série de audiências com a empresa e também aplicando notificações, no intuito de reivindicar a realização do trabalho de restauração do asfalto.

“Estamos satisfeitos em constatar que o compromisso feito foi cumprido e isso será mais um ponto positivo na atuação na Capital, visto que os investimentos em saneamento básico já é um trabalho a ser destacado. Fizemos a cobrança e a Águas Cuiabá entendeu a importância de, realmente, modificar a metodologia que estava em andamento”, comenta o vice-prefeito.

Conforme a concessionária, o plano contou com o empenho de 116 trabalhadores, que atuaram em 29 frentes voltadas, exclusivamente, para o asfaltamento de vias impactadas por obras e ações de melhoria no saneamento básico. Por meio da força-tarefa, a atividade de recomposição asfáltica percorreu todos os bairros com ordens de serviços pendentes de execução.

Ainda segundo a empresa, além do serviço de reparo na malha viária, também foi efetuada a ativação do Portal de Obras (https://obras.iguasa.com.br/cuiaba), pelo qual a população pode acompanhar a evolução das obras em andamento e as já executadas. A meta, a partir de agora, é manter o padrão apresentado no relatório dos últimos 60 dias.

“Parte das instalações e substituições de redes apresentaram necessidade de novo acabamento. Por esse motivo, focados na qualidade de nossas entregas, estamos em campo para resolver situações indesejadas de recomposição asfáltica”, explica o diretor-geral da Águas Cuiabá, William Figueiredo.

Desde que assumiu o saneamento básico na capital mato-grossense, em 2017, a concessionária vem trabalhando na expansão e melhoria dos serviços de água e esgoto do município. A cidade ganhou uma nova estação de tratamento de Água (ETA Sul) e teve estruturas operacionais de grande porte, como as estações de tratamento de esgoto Dom Aquino e Tijucal, reconstruídas e modernizadas. Ao mesmo tempo, foram instalados 70 Km de novas tubulações de água e mais de 160 Km de esgoto. 

SERVIÇO

Ao identificar situações em que é necessária recomposição asfáltica ou outros tipos de serviço, como reparo de vazamentos, a comunidade pode entrar em contato com a Águas Cuiabá por meio dos canais de atendimento da empresa. O telefone é o 0800 646 6115. Pelo WhatsApp (17) 99641 3259 é possível enviar fotos e localização, para que as equipes da concessionária possam fazer verificação técnica nos trechos indicados pelo cliente.

**Com informações da assessoria Águas Cuiabá 

Comentários Facebook
Propaganda

Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá faz concessão de terreno para construção da nova sede da AACC

Publicados

em


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro assinou, na tarde desta segunda-feira (21), a concessão de um terreno para a construção da nova sede da Associação de Amigos da Criança com Câncer de Mato Grosso (AACC). As melhores condições no atendimento das crianças com câncer é uma causa defendida pela primeira-dama, Márcia Pinheiro. A área concedida é de 4.475 m² e fica no bairro Centro América. O prazo de validade da concessão é de 20 anos, prorrogáveis por igual período. Atualmente, a AACC atende cerca de 450 crianças por mês vindas de várias cidades do estado e de outros países.

“Este é o documento que assino com a maior convicção que estamos fazendo o bem e cuidando de quem não tem condições. É um ato marcante para a solidariedade com as pessoas que estão passando por um momento tão difícil com seus filhos”, enfatizou o prefeito. A primeira-dama,  Márcia Pinheiro, ressaltou a preocupação da gestão no cuidar das pessoas. “Trabalhamos pautados pela humanização. É uma administração que trabalha para salvar e proteger vidas, que tem como marcas o carinho e o respeito aos cidadãos”, definiu.

O presidente da AACC, Claudemir Ferreira da Silva, disse que com a nova sede, a capacidade de atendimento vai duplicar, além de construir espaços que hoje não é possível ter na unidade, por falta de espaço.

“Esse terreno é um novo marco para a instituição. É uma luta de 15 nos. Serão novos desafios, mas são desafios que trarão muitos benefícios para nossas crianças. Poderemos ampliar o atendimento e os serviços que são oferecidos à comunidade. É uma área ampla onde a gente vai poder contemplar outros departamentos que hoje não temos a oferecer dentro da instituição”, destacou o presidente.

Ainda segundo Claudemir, além dos pacientes vindos de vários municípios do estado, a unidade recebe também pessoas vindas de outros países, a exemplo da Bolívia e Paraguai.

“Hoje temos 10 apartamentos e comportamos 20 famílias, o paciente com seu acompanhante. O nosso objetivo é dobrar a capacidade, ou seja, serão 20 famílias, no total de 40 pessoas. Hoje não temos ala de isolamento, área verde, auditório, espaço lúdico, dentre outros, que são ambientes importantes para as famílias afim de tirar o foco da doença. Mas com esta nova sede, vamos contemplar estes espaços”, frisou.

A assinatura do termo de concessão foi realizada na sede do Palácio Alencastro e contou com a presença do deputado federal, Carlos Bezerra, o secretário-adjunto de Governo, Wilton Coelho e dos vereadores, Mário Nadaf e Marcrean dos Santos.

A lei que concedeu a área para a AACC é a de Nº 6.684, de 10 junho de 2021. Após a publicação, que deve ser feita nesta terça-feira (22), no Diário Oficial dos Municípios, a direção da instituição dará início ao projeto de edificação.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana