economia

Caixa libera saques do auxílio neste sábado; veja quem tem direito

Publicado

 

source

Brasil Econômico

caixa fila auxílio
Caixa libera saques do auxílio emergencial a 7,4 milhões de pessoas neste sábado (21)

A Caixa Econômica Federal libera, neste sábado (21), o pagamento em dinheiro de novas parcelas do  auxílio emergencial — nos valores de R$ 600 e R$ 300 — para nascidos em abril e maio. Cerca de 7,4 milhões de pessoas serão contempladas em todo o país. O banco abrirá 771 agências pelo Brasil para que os trabalhadores façam seus saques, das 8h às 12h.

Têm direito a sacar neste sábado os trabalhadores nascidos em abril e maio que integram os ciclos 3 e 4 do auxílio emergencial . Quem faz parte do Ciclo 3 teve o dinheiro creditado em sua conta nos dias 9 e 11 de outubro, enquanto os beneficiários do Ciclo 4 receberam mais recentemente, nos dias 6 e 8 de novembro.

Ao todo, foram creditado para esses 7,4 milhões de brasileiros R$ 6,1 bilhões em auxílio. Desse total, R$ 2,7 bilhões são referentes às parcelas de R$ 600 do auxílio emergencial e o restante, R$ 3,4 bilhões, às parcelas do auxílio emergencial extensão, de R$ 300 .

As pessoas que começaram a receber o auxílio em julho ou tiveram o pagamento suspenso e depois liberado irão receber R$ 600. Já quem começou a ter o benefício logo no início da pandemia, em abril, maio e junho, por exemplo, irá ter direito a apenas R$ 300, referente à extensão.

No fim de semana, não haverá pagamentos do auxílio a integrantes do Bolsa Família . O calendário será retomado na segunda-feira (23) e vai até o dia 30, quando recebem os trabalhadores com Número de Identificação Social (NIS) de final 0. Confira o calendário aqui .

Continuam disponíveis aos beneficiários as opções de utilização dos recursos creditados na Poupança Social Digital para a realização de compras por meio do cartão de débito virtual e QR Code, pagamento de boletos, contas de água, luz, telefone, entre outros serviços. Também é possível usar no aplicativo Caixa Tem a funcionalidade para pagamentos sem cartão nas cerca de 13 mil unidades lotéricas do banco.

Confira os calendários em vigor neste sábado

Ciclo 3:

Depósitos – já encerrados

  • 30 de setembro – nascidos em janeiro;
  • 5 de outubro – nascidos em fevereiro;
  • 7 de outubro – nascidos em março;
  • 9 de outubro – nascidos em abril;
  • 11 de outubro – nascidos em maio;
  • 14 de outubro – nascidos em junho;
  • 16 de outubro – nascidos em julho;
  • 21 de outubro – nascidos em agosto;
  • 25 de outubro – nascidos em setembro;
  • 28 de outubro – nascidos em outubro;
  • 29 de outubro – nascidos em novembro; e
  • 1º de novembro – nascidos em dezembro.

Saques e transferências:

  • 7 de novembro – nascidos em janeiro;
  • 7 de novembro – nascidos em fevereiro;
  • 14 de novembro – nascidos em março;
  • 21 de novembro – nascidos em abril;
  • 21 de novembro – nascidos maio;
  • 24 de novembro – nascidos junho;
  • 26 de novembro – nascidos em julho;
  • 28 de novembro – nascidos em agosto;
  • 28 de novembro – nascidos em setembro;
  • 1º de dezembro – nascidos em outubro;
  • 5 de dezembro – nascidos em novembro; e
  • 5 de dezembro – nascidos em dezembro.

Ciclo 4:

Depósitos – encerrados nesta sexta-feira (20)

  • 30 de outubro – nascidos em janeiro;
  • 4 de novembro – nascidos em fevereiro;
  • 5 de novembro – nascidos em março;
  • 6 de novembro – nascidos em abril;
  • 8 de novembro – nascidos em maio;
  • 11 de novembro – nascidos em junho;
  • 12 de novembro – nascidos em julho;
  • 13 de novembro – nascidos em agosto;
  • 15 de novembro – nascidos em setembro;
  • 16 de novembro – nascidos em outubro;
  • 18 de novembro – nascidos em novembro; e
  • 20 de novembro – nascidos em dezembro.

Saques e transferências

  • 7 de novembro – nascidos em janeiro;
  • 7 de novembro – nascidos em fevereiro;
  • 14 de novembro – nascidos em março;
  • 21 de novembro – nascidos em abril;
  • 21 de novembro – nascidos maio;
  • 24 de novembro – nascidos junho;
  • 26 de novembro – nascidos julho;
  • 28 de novembro – nascidos agosto;
  • 28 de novembro – nascidos em setembro;
  • 1º de dezembro – nascidos em outubro;
  • 5 de dezembro – nascidos em novembro; e
  • 5 de dezembro – nascidos em dezembro.

Comentários Facebook
publicidade

economia

Brasil retoma da produção de urânio na Bahia

Publicado


O governo federal retomou nesta terça-feira (1º) a produção de urânio na Unidade da Indústrias Nucleares do Brasil (INB), em Caetité, na Bahia. Na solenidade que marcou a retomada, uma detonação simbolizou o início da lavra a céu aberto em uma nova área, a Mina do Engenho.

Na Unidade de Concentração de Urânio (URA) são realizadas as duas primeiras atividades do ciclo do combustível nuclear: a mineração e o beneficiamento do minério. O resultado será o Concentrado de Urânio, também conhecido como yellowcake (U3O8).

Na solenidade de retomada, o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, destacou a importância da energia nuclear para uma matriz energética baseada nos princípios do desenvolvimento sustentável. Segundo o ministro, análises do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas da Organização das Nações Unidas e da Agência Internacional de Energia indicam significativa participação da fonte nuclear pelos próximos 30 anos para atender às demandas de geração de energia de base e em larga escala para a transição energética para descarbonização da economia.

“Esta retomada é a primeira fase para consolidar nossa proposta de tornar o Brasil autossuficiente e um exportador de yellowcake”, afirmou o ministro.

Segundo a INB, em Caetité, foram produzidas 3.750 toneladas de concentrado de urânio entre 2000 e 2015, a partir da primeira área lavrada, a Mina Cachoeira. Desde a exaustão dos recursos passíveis de lavra a céu aberto no local, as atividades de mineração estavam paralisadas.

O urânio é a matéria-prima para fabricação do combustível que abastece as usinas nucleares de Angra dos Reis. A expectativa é que sejam produzidas 260 toneladas de concentrado de urânio por ano, quando a Mina do Engenho atingir a sua capacidade plena, o que deve ocorrer em 2022.

Segundo estimativa da INB, a retomada da produção tem impacto na geração de empregos na região, com 600 postos diretos e cerca de 1.800 indiretos. A expectativa da empresa é que haja uma injeção de R$ 76 milhões na economia, com cerca de R$ 30 milhões/ano em recolhimento de impostos estaduais e municipais.

Edição: Nádia Franco

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana