BRASIL E MUNDO

Brasil vai contar com laboratório para testes de baterias de carros elétricos

Publicados

em


O primeiro laboratório para ensaios de baterias para carros elétricos do Brasil vai ser instalado no Campus do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro. No local já existem 57 laboratórios de alta tecnologia.

O projeto é desenvolvido em parceria com o setor privado e vai contar com equipamentos rastreados e calibrados, que garantam mais segurança e melhor desempenho às baterias dos veículos elétricos.

O Memorando de Entendimento para início do projeto foi assinado nesta semana, em Brasília, por representantes do Inmetro, da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e de uma empresa de certificação de produtos.

O presidente do Inmetro, Marcos Heleno Guerson, ressaltou que a participação da iniciativa privada nas políticas de inovação é essencial para o crescimento do Brasil e que essa parceria é um marco para a instituição. “É um momento de transformação do próprio Instituto, de modernização do Inmetro, é a construção do Inmetro 4.0. Cada vez mais ele se fortalece como um provedor de ferramentas e soluções para apoiar o setor produtivo do que ele em si fazer desenvolvimento de soluções. Nós queremos entregar essas ferramentas para fazer com que o setor possa realmente decolar no país e que a economia possa ser cada vez mais pujante”, afirmou Guerson.

Capacitação

Além de ceder o espaço no Campus de Laboratórios, o Inmetro vai treinar especialistas para manter a rastreabilidade, desenvolver requisitos e programa de acreditação e apoiar a normalização nacional ou regional, em alinhamento com a ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) e IAAC (Cooperação Interamericana de Acreditação).

Os Laboratórios Especializados em Eletroeletrônica, Calibração e Ensaios (Labelo) da PUCRS vão gerenciar o fundo arrecadado, construir laboratório e comprar equipamentos.

Já o organismo de certificação de produtos PCN vai fazer a ponte com potenciais investidores, dar suporte para normalização e desenvolver esquema de certificação com base em fluxos já adotados em todo o mundo.

Funcionamento

A previsão é de que o laboratório para ensaios de baterias comece a funcionar em 2023. A ideia é que o laboratório possa ajudar a impulsionar a indústria de carros elétricos e híbridos nacionais. Com a iniciativa, o Brasil também poderá exportar tecnologia e conhecimento aos países vizinhos. “O Inmetro vai trabalhar a infraestrutura para que se possa adicionar qualidade ao produto”, concluiu o presidente do Instituto.

Fonte: Brasil.gov

Comentários Facebook
Propaganda

BRASIL E MUNDO

Brasil registra 318 novas mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas

Publicados

em


source
Veja o andamento da pandemia de Covid-19
Bianca Muniz, Bruno Fonseca, Mariama Correia

Veja o andamento da pandemia de Covid-19

Com 318 novos óbitos nas últimas 24 horas, o Brasil chega a 605.457 mortes causadas pela Covid-19 . Também foram registrados 11.716 novos casos da doença, totalizando 21.723.559 desde o começo da pandemia. Os dados são do Conass (Conselho Nacional das Secretarias de Saúde.

Por problemas técnicos, dois estados mantiveram os números da sexta-feira (22) no balanço do Conass: São Paulo e Mato Grosso. Com 151 mil óbitos, o estado de São Paulo lidera o ranking de mortes pela Covid-19. Minas Gerais surge na segunda colocação, com 55 mil registros de óbito, enquanto o Paraná fica em terceiro com 40 mil.

O estado com menos óbitos e casos no Brasil é o Acre. Foram registrados 1.844 óbitos e 88 mil casos do novo coronavírus desde o começo da pandemia.

O Brasil já aplicou mais de 263 milhões de doses das vacinas contra a Covid-19 disponíveis. Mais de 110 milhões de pessoas já estão com esquema vacinal completo. O país que mais aplicou a vacina contra a Covid-19 foi a China, com 2,23 bilhões de doses.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana