GERAL

Brasil leva produtos de alto padrão para feira de móveis nos EUA

Publicados

em

Um dos maiores importadores da produção moveleira do Brasil, os Estados Unidos receberam 65 empresas brasileiras no evento Casa Brasil em Nova York, que terminou hoje (25). A ação foi promovida pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex Brasil), em paralelo à Contemporary Furniture Fair (ICFF) – maior feira da América do Norte de design de móveis contemporâneos.

Com cerca de 23% de participação no mercado de móveis brasileiros e responsável pelo consumo de 40% da produção nacional, os Estados Unidos são os maiores parceiros do Brasil no setor nos últimos 5 anos, informou a gerente de Indústria e Serviços da Apex Brasil, Maria Paula Veloso, durante entrevista ao programa A Voz do Brasil.

“A Apex atua por meio de parcerias com entidades dos principais setores brasileiros. Atualmente, temos 50 projetos em execução com acordos de cooperação técnica e financeira com duração de 24 meses e ações previstas para promoção em diversos mercados. São eventos internacionais, rodadas de negócios, ações de comunicação e etc.”, informou.

Segundo dados apresentados por Maria Paula, o Brasil teve um aumento de 51% nas exportações no período entre 2020 e 2021. Para 2022, seguindo as projeções, o aumento deve seguir a tendência e apresentar alta de 42%, explicou.

“De fato, a indústria brasileira tem como atender esse mercado porque tem uma diversidade muito grande de produtos para diferentes classes sociais norte-americanas: desde móveis mais simples até móveis com alto valor e design diferenciado”, disse Maria Paula.

Assista ao programa:

Edição: Pedro Ivo de Oliveira

Fonte: EBC Geral

Comentários Facebook
Propaganda

GERAL

Sesc-RJ investirá R$ 30 milhões em produções artísticas

Publicados

em

Terminam no dia 8 de julho as inscrições de propostas artísticas de todo o país para o Edital de Cultura Sesc-RJ Pulsar 2022/2023. A iniciativa quer fomentar e apoiar a produção artística e cultural em suas diversas manifestações, estimulando os processos artísticos em desenvolvimento com a formação de público e a inclusão social. Serão distribuídos, no total, R$ 30 milhões para as produções artísticas selecionadas, incluindo o edital principal e seus desdobramentos, que serão lançados ainda este ano, para outros projetos culturais estratégicos.

O presidente do Sesc-RJ e do Sistema Fecomércio-RJ, Antonio Florencio de Queiroz Junior, lembrou que, no ano passado, foi lançada a primeira edição do Edital Sesc-RJ Pulsar. “O sucesso da iniciativa pode ser observado hoje nos nossos equipamentos culturais, que estão recebendo uma enorme variedade de obras artísticas, de elevada qualidade técnica e com conteúdos de grande relevância social”. Queiroz Junior destacou que, este ano, o Sesc-RJ está consolidando o edital como uma ferramenta de democratização da cultura e de fomento a esse setor da economia que foi bastante afetado durante a pandemia, merecendo, por isso, toda a nossa atenção”.

O edital se baseia em três pilares, representados pelos verbos reconectar, movimentar e impulsionar. A intenção é reconectar o artista com o palco, movimentar a relação dele com o público do Sesc-RJ e impulsionar o fazer artístico em todas as suas esferas. O título Pulsar remete à ideia de “estar vivo”, numa alusão à resistência da cultura diante da pandemia da covid-19, informou o presidente do Sesc-RJ.

Pessoas jurídicas

Podem se inscrever no edital projetos de todo o Brasil de exposições de artes visuais; de audiovisual expandido; espetáculos teatrais, circenses e de dança; temporadas de teatro, dança e circo; realizações literárias; apresentações musicais; além de licenciamento de curtas-metragens, destinados aos públicos adulto e infantil. As inscrições são feitas por meio de formulário eletrônico disponível no site do Sesc RJ (www.sescrio.org.br) e estão abertas a pessoas jurídicas estabelecidas no Brasil, com ou sem fins lucrativos, de natureza cultural, legalmente constituídas, além de microempreendedores individuais (MEI).

A seleção ocorrerá em duas etapas, sendo a primeira de caráter eliminatório, quando serão avaliadas a documentação e adequação técnica da proposta. Na segunda etapa, os projetos serão analisados pela Comissão de Seleção e Avaliação do Sesc-RJ. A divulgação dos resultados está prevista para acontecer no dia 28 de outubro.

As obras selecionadas serão apresentadas em diferentes ambientes como espaços expositivos, salas de teatro, auditórios e espaços abertos dentro das unidades do Sesc no território fluminense. Os valores destinados a cada produção dependem do porte e da linguagem artística, informou o Sesc-RJ.

Edição: Kelly Oliveira

Fonte: EBC Geral

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

Mais Lidas da Semana