BRASIL E MUNDO

Bolsonaristas são psicóticos e “com Lula havia liberdade”, diz Olavo de Carvalho

Publicado


source
olavo
Reprodução/Youtube

“Guru” ideológico do presidente, Olavo de Carvalho diz ser capaz de derrubar governo


Considerado guru do governo Bolsonaro, o escritor Olavo de Carvalho vem disparando críticas contra o presidente desde que começou a ser denunciado pelo perfil Sleeping Giants, chegando a ter a sua conta do PayPal bloqueada.


Na última terça-feira (8), ele chamou os seguidores mais fanáticos de Bolsonaro de ” psicóticos “: “Pertenço à torcida do Bolsonaro, mas não à ala psicótica dessa torcida — aquela que grita entusiasticamente que ele está revolucionando tudo, criando um novo Brasil, e ao mesmo tempo choraminga que ele é um coitadinho desprovido de todo poder”, escreveu em suas redes sociais.


Em outra publicação, no mesmo dia, Olavo disparou: ” No tempo do Lula havia mais liberdade para os conservadores “.

Comentários Facebook
publicidade

BRASIL E MUNDO

Melhorias na BR-163/PA e renovação da Malha Paulista gerarão economia de mais de R$ 1,2 bilhão por ano

Publicado


As obras de pavimentação da BR-163/PA e a renovação do contrato de concessão da ferrovia Malha Paulista neste ano apontam queda no custo Brasil, de acordo com estudos publicados pela Empresa de Planejamento e Logística (EPL) no Boletim de Logística. De acordo com o levantamento, tanto a pavimentação da BR-163/PA quanto as melhorias que serão promovidas com a renovação da Malha Paulista aumentarão a eficiência do escoamento da produção agrícola para os portos do Arco Norte e para o Porto de Santos, gerando economia de mais de R 1,2 bilhão, por ano, com a redução de fretes.

O estudo da EPL revela como as más condições da BR-163/PA pode impactar a cadeia logística nacional. A infraestrutura anterior deficitária da rodovia embutia pesados custos no escoamento de grãos oriundos do Mato Grosso, principalmente durante o período de chuvas. A EPL estima que, para o ano de 2018, as perdas associadas às más condições foram de R$ 580 milhões.

Depois que o Governo Federal começou a entregar as obras de pavimentação da rodovia, os estudos mostraram uma redução de mais de 13% nos custos operacionais diretos. Antes, um frete médio de Sinop (MT) a Miritituba (PA), que custava cerca de R$ 10.200, passou a custar cerca de R$ 8.900. Além disso, um motorista que levava cerca de 10 dias para percorrer os 936 quilômetros entre as localidades, agora faz a mesma viagem em quatro dias, em média.

Segundo levantamento do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), junto ao Movimento Pró-Logística, que representa o agronegócio, um motorista que ganhava cerca de R$ 26 mil/mês, em 2019, agora, com a pavimentação da BR-163 fatura aproximadamente R$ 39 mil – aumento de 50%. Com as melhorias na rodovia, os caminhoneiros também foram beneficiados com a redução no custo de manutenção dos veículos, contribuindo diretamente no orçamento.

Com informações do Ministério da Infraestrutura

Fonte: Brasil.gov

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana