POLÍCIA

Banda composta por jovens indígenas atua com ações preventivas e busca profissionalização musical

Publicados

em


Assessoria | Polícia Civil-MT

O projeto musical desenvolvido pela Delegacia Regional de Barra do Garças participou no último fim de semana de uma apresentação durante a cerimônia de entrega de Mérito Indigenista, realizada em Brasília , pela Fundação Nacional do Índio (Funai).

A “Banda da PJC” de Barra do Garças é composta por jovens da etnia Xavante do Vale do Araguaia e músicos veteranos e é regida pelos maestros, o escrivão Marcilon Pereira e regente Simeão.

Na ocasião, os integrantes executaram o Hino Nacional Brasileiro e outras músicas ensaiadas pela banda na cerimônia que contou com a participação do presidente da República, do presidente da Funai e demais autoridades homenageadas.

Conforme o delegado regional de Barra do Garças,Wilyney Santana Borges, o projeto, coordenado pelo delegado Adriano Alencar, tem como objetivo incentivar os jovens à profissionalização musical e atuar na prevenção ao álcool e drogas.

“Foram feitas algumas apresentações em Barra do Garças, inclusive no evento onde a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, esteve presente e lhe foram apresentados os projetos”, informou o delegado regional.

Após a apresentação em Barra do Garças, surgiu o convite por meio do coordenador da Funai para a participação do evento em Brasília.

O delegado regional disse ainda que vários convites surgiram para apresentações da banda, que mostra o trabalho social desenvolvido pela Polícia Civil na região de Barra do Garças, com ações repressivas e preventivas baseadas na filosofia de Polícia Comunitária.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍCIA

Polícia Civil cumpre prisão contra autor de roubo de celulares em Nova Mutum

Publicados

em

Um jovem investigado pela prática de roubo a uma loja de aparelhos celulares em Nova Mutum (264 km ao norte de Cuiabá), foi preso pela Polícia Civil, nesta segunda-feira (27.06), em ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf).

O suspeito de 19 anos teve a prisão preventiva expedida pela 3ª Vara Criminal da Comarca local, após ser identificado nas diligências da Derf para apurar o crime, ocorrido em um estabelecimento comercial, no dia 9 de junho.

Diante do mandado em aberto, os policiais civis localizaram o procurado em uma residência no bairro Residencial Santa Terezinha.

Em cumprimento a ordem judicial, ele foi conduzido pelos investigadores para a Derf de Nova Mutum. Após as providências cabíveis, o preso foi colocado à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

Mais Lidas da Semana