POLÍCIA

Autor de roubo a residência é identificado e preso após investigações da Polícia Civil

Publicados

em


Assessoria | Polícia Civil-MT

Um dos autores de um roubo a residência ocorrido em Campo Novo dos Parecis (396 km a noroeste de Cuiabá) foi preso pela Polícia Civil do município na noite de quarta-feira (20.01).

O cumprimento do mandado de prisão temporária decretado pelo juízo da Comarca local contra o suspeito de 21 anos contou com o apoio da Polícia Militar.

O crime ocorreu na noite do dia 25 de novembro do ano passado, em uma residência no bairro Jardim Alvorada. O morador foi rendido por três homens encapuzados e armados, que anunciaram o assalto.

Os criminosos roubaram mais de R$ 1,3 mil em dinheiro, perfumes, três pares de tênis, um aparelho celular, um televisor de 50 polegadas e um veículo modelo VW Bora.

Ainda na ocasião a vítima foi obrigada a entrar junto com os suspeitos no automóvel, e após ser ameaçada de morte por várias vezes, foi liberada pelos indivíduos que fugiram levando o carro e os objetos.

Durante apuração do crime, os investigadores identificaram o suspeito que teve a prisão representada pelo delegado Honório Gonçalves Neto. 

A equipe da Delegacia de Campo Novo dos Parecis, em conjunto com os policiais militares, conseguiu localizar o procurado em uma residência no bairro Jardim das Palmeiras.

O jovem de 21 anos foi conduzido até a unidade policial para as providências cabíveis, sendo posteriormente colocado encaminhado à unidade prisional do município. 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍCIA

Batalhão Ambiental identifica irregularidades e multa madeireira em Várzea Grande

Publicados

em

Uma equipe do Batalhão de Proteção Ambiental da 1ª Companhia identificou durante uma fiscalização de rotina realizada na terça e quarta-feira (23 e 24.02), irregularidades nas licenças de uma madeira localizada em Várzea Grande.

Durante a inspeção, os militares encontraram duas situações que geraram a ação policial. Na primeira, a divergência estava em 105,2797 metros cúbicos de madeira serrada a mais que no saldo do Sistema de Comercialização e Transporte de Produtos Florestais (Sisflora), mas não encontrada no pátio da empresa. Logo, a madeira foi vendida e não declarada no sistema.

Na segunda, foram encontrado no depósito da empresa 5,8528 metros cúbicos de madeira serrada que não constavam no Sisflora. Nessa situação, a madeira foi apreendida e o proprietário ficou como fiel depositário.

Devido à irregularidade, o dono da empresa foi multado em R$ 33.339,75 mil. Foram emitidos auto de inspeção e infração, além dos termos de apreensão e depósito e a notificação. A madeira apreendida foi encaminhada a Delegacia Estadual de Meio Ambiente.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 08000.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana