MULHER

Atriz conta que foi estuprada por diretor: ‘Me enganou, me drogou e me estuprou’

Publicado


source

Atriz com passagens pela “Malhação” da Globo e pela Record, Juliana Lohmann carregou nos últimos 12 anos um trauma que sofreu quando tinha 18 anos: ela foi estuprada por um diretor famoso em São Paulo.


“Fui convidada para fazer um teste por um famoso que dirigia seu primeiro longa. Ele me ligou e me chamou diretamente. Era em São Paulo e eu sou do Rio de Janeiro. Perguntei se podia levar minha mãe. Não, ele não poderia pagar mais uma passagem. Pediu desculpas. Fui mesmo assim. Era a primeira vez que viajava sozinha, me senti uma desbravadora de novos horizontes pronta para fazer cinema. Passei a madrugada estudando a personagem, cheguei com a cabeça cheia de ideias e perguntas”, começa a contar em entrevista à revista Claudia.

Juliana Lohmann
Instagram

Atriz Juliana Lohmann conta à Claudia que sofreu estupro


Juliana lembra que se instalou no mesmo hotel, onde o tal diretor, que ela não revela o nome, tinha um apart e os dois passaram textos juntos até que ele sugeriu o uso da maconha para era que a cena fosse relida com mais ‘loucura’ e ‘novas nuances’.

“Fiquei reticente, mas acabei aceitando. Dizer não para um diretor não é algo que uma atriz de dezoito anos sabe exatamente fazer. Um trago foi o suficiente pra que eu ficasse completamente chapada. Em determinado momento, percebi que o contato que ele fazia comigo excedia o profissional. Minha inexperiência com a erva não me deixou em condições de avaliar com mais clareza o que de fato tava acontecendo. Ele veio me beijar. Eu me assustei, disse que não queria. Foi uma completa surpresa acreditar que aquele homem, com sua boa imagem midiática de família margarina, se aventurar com outras mulheres. E ainda mais comigo”, relembra em depoimento à revista Claudia.

Ele tirou o roteiro da minha mão e me apertou com força contra o corpo dele. Eu pedi pra parar, mas ele me apertou mais forte. Fiz força para sair e não consegui. Imobilizada, eu disse que ia gritar. Ele respondeu em um tom doce que, se eu gritasse, ninguém iria ouvir. Eu fui tentando respirar e acalmar o pânico do pensamento de que eu estava a centenas de quilômetros de casa. Entendi que não tinha saída. Fiquei quieta. Fiz o que ele queria”, completa.


“Este diretor usou de sua posição de poder, não só por ser um homem branco muito mais velho, mas principalmente por ser o diretor do filme, responsável por decidir se eu trabalharia ali ou não. Eu, uma atriz de dezoito anos recém-feitos e que ainda começava a entender como me posicionar profissionalmente sem minha mãe por perto. Ele me enganou, me drogou e me estuprou, violando sexual e deixando marcas que carregarei pro resto da vida”, finaliza.

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
publicidade

MULHER

Por que demoro tanto para ter um orgasmo? Especialistas explicam

Publicado


source

Esquecer a ideia de que há um tempo ideal para ter um orgasmo é o primeiro passo para entender porque algumas mulheres “demoram” para gozar. “Isso é muito subjetivo. Vai depender de como é a relação sexual e do tempo do orgasmo do parceiro ou da parceira”, explica Andreia Fiamoncini, psicóloga e terapeuta sexual, especialista da plataforma Sexo sem Dúvida.

mulher na cama
FreePik

Se preocupar tanto com o tempo do orgasmo pode ser um dos fatores que impedem as mulheres de gozar

“Se o parceiro goza mais rápido, pode aumentar a sensação de que a mulher demora; se ele demora ou controla mais, a percepção sobre o orgasmo da mulher pode ser diferente, dando a impressão que goza rápido”, completa. 

A terapeuta sexual Gabriela Daltro acrescenta que vontade de ter um orgasmo mais rápido , muitas vezes, está associada à necessidade de acompanhar o outro no ritmo do sexo.

Segundo ela, é preciso entender que cada um tem o seu ritmo. “Tem o tempo para se excitar, o tempo para entrar no clima… O mais importante é diminuir a ansiedade”. Gabriela explica que se a pessoa estiver ansiosa, tensa, pouco excitada e sem entrar no clima, é bem difícil que o orgasmo aconteça. 

“Prestar atenção ao tempo do orgasmo atrapalha. Quanto mais a mulher pensa, se preocupa em gozar, monitora o nível de prazer, mais ela se desconcentra e mais o prazer oscila”, diz Andreia.

“O orgasmo vem de um prazer constante”

Andreia também fala que “o orgasmo vem de um prazer constante e crescente”, por isso, é importante se entregar ao momento e estar à vontade, deixando as preocupações de lado.  

“Para as mulheres que têm dificuldades, recomendo treinarem sozinhas. Procure tirar um tempo para se acariciar,  tocar o próprio corpo e se concentrar. Perceba as sensações. Faça isso várias vezes, vários dias, sem o objetivo do orgasmo, apenas para desenvolver a concentração e estimular o corpo.”

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana