BRASIL E MUNDO

Atenção ao consumo e à economia de energia

Publicados

em


Pequenas atitudes no dia-a-dia podem ajudar o brasileiro a economizar água e energia. E para ajudar as pessoas a tornarem ações simples um hábito diário, o Governo Federal possui a campanha Consumo Consciente. Especialmente neste período mais seco que atinge os reservatórios de água no país, é preciso ficar de olho no consumo e na economia de energia.

O secretário de Energia Elétrica, do Ministério de Minas e Energia, Rodrigo Limp, explicou que, pela grande predominância das hidrelétricas na nossa matriz, a produção de energia é impactada pelo regime de chuvas, e consequentemente pelo nível dos reservatórios. “Em períodos de melhor afluência, aumentamos nossa produção de energia elétrica, e, em períodos de seca, precisamos aumentar a nossa produção nas usinas termoelétricas para garantir a segurança no fornecimento para todos os brasileiros.”

“Nos últimos meses, especialmente desde outubro de 2020, quando deveria ter iniciado de forma mais forte o período chuvoso no país, nós enfrentamos a pior seca de todo histórico de registro, ou seja, a pior seca para esse período dos últimos noventa anos. Principalmente nas regiões Sudeste e Centro-Oeste, que é onde se localizam a maior parte dos nossos reservatórios”, afirmou o secretário de Energia Elétrica.

Com os reservatórios em baixa, o Governo recorre mais ao uso de termoelétricas, mas isso pode tornar o serviço mais caro. “Mesmo com a segurança no fornecimento garantida, é necessário ter uma maior produção de energia das termoelétricas, que são mais onerosas para os consumidores de energia”, comentou. 

Desse modo, o secretário reforçou a importância do consumo consciente de energia por parte dos consumidores. “Evitando o desperdício, nós reduzimos nossas contas de luz e também contribuímos para preservar águas nos reservatórios e reduzir a geração termoelétrica, reduzindo assim o custo total da produção de energia e contribuindo para preservação do meio ambiente.”

ONS

De acordo com o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), o boletim do Programa Mensal de Operação (PMO), referente à semana de 17 a 23 de abril, estima que os volumes dos reservatórios atinjam até o fim do mês 82,6% no Norte; 65,7% no Nordeste; 58,2% no Sul; e 34,7% no Sudeste/Centro Oeste. O documento indica ainda a ocorrência de chuvas abaixo da média em todas as regiões do país.

Consumo Consciente

Confira algumas dicas para evitar desperdício e economizar luz e água:

– Coloque lâmpadas de LED em casa. Elas são mais econômicas que as normais;

– Desligue o chuveiro quando estiver se ensaboando. Chuveiro consome muita energia e água ao mesmo tempo;

– Tome banhos curtos. O ideal é ter banhos de até 10 minutos, de preferência na posição ‘verão’;

– Abra as janelas para a luz do sol entrar e apague as lâmpadas. Durante o período da manhã, não é preciso acender as luzes.;

– Desligue os equipamentos antes de sair de casa. Aparelhos em stand-by também consomem energia e o melhor é tirar da tomada;

– Pense no que vai pegar antes de abrir a geladeira. Toda vez que a porta se abre, o ar frio escapa e o motor tem que trabalhar de novo;

– Coloque a geladeira longe do fogão e não deixe exposta ao sol. Fontes de calor fazem o equipamento trabalhar mais;

– Verifique se as borrachas de vedação da geladeira estão boas. Prenda uma folha na porta. Se ela sair com facilidade, as borrachas precisam ser trocadas;

– Não guarde alimentos quentes na geladeira. O calor força o utensílio doméstico a trabalhar e isso consome mais energia;

– Desligue a chave geral quando ficar fora. Esvazie a geladeira e desligue tudo para não ter nenhum consumo de energia;

– Deixe a torneira fechada enquanto escova os dentes. Se você deixa aberta, muita água vai para o ralo à toa;

– Tire o videogame da tomada quando não estiver jogando. Tanto console quanto a televisão podem ser desligados após o jogo; e

– Jogue fora extensões e benjamins. Ligar muitos aparelhos na mesma tomada é perigoso e desperdiça energia.

Saiba mais sobre a Campanha Consumo Consciente

Saiba mais sobre como economizar energia 

 

 

 

Fonte: Brasil.gov

Comentários Facebook
Propaganda

BRASIL E MUNDO

Juíza aceita denúncia e torna Jairinho e Monique réus pela morte de Henry

Publicados

em


source
Jairinho e Monique foram denunciados pela morte no menino Henry Borel
Reprodução

Jairinho e Monique foram denunciados pela morte no menino Henry Borel

O vereador Jairinho e sua namorada, Monique Medeiros , se tornaram réus nesta sexta-feira (7) pela morte do menino Henry Borel , de 4 anos, e tiveram suas prisões temporárias convertidas em preventivas. A decisão foi tomada após a juíza Elizabeth Machado Louro, da 2ª Vara Criminal da Capital, aceitar denúncia contra o casal. A informação é do jornal Folha de S.Paulo .

A mãe e padrasto de Henry cumpriam prisão temporária desde 8 de abril, quando foram presos em endereço distinto de onde moravam. Agora na condição de réus, os dois têm prazo de dez dias para se manifestar.

No entendimento da magistrada, os dois estarem em endereços diferentes no momento da detenção pesou para a conversão da prisão deles de temporária para preventiva. A juíza também levou em consideração a ameaça de coação de testemunhas, já que a babá de Henry e a empegada doméstica tiveram que prestar um segundo depoimento à polícia.

“Para além da revolta generalizada que os apontados agentes atraíram contra si antes mesmo de serem denunciados pelo órgão com atribuição para tal, releva assinalar que o modus operandi das condutas incriminadas reforça o risco a que estará exposta a ordem pública, bem como a paz social, se soltos estiverem os ora acusados”, escreveu Elizabeth.

Você viu?

“As circunstâncias do fato, pois, estão a reclamar a pronta resposta do Estado com a adoção da medida extrema provisória, até como forma de aplacar a nefasta sensação de impunidade”, completou a magistrada.

Ainda segundo a juíza, o caso exige “a adoção da medida extrema de cautela” e “qualquer das medidas substitutivas, mais brandas” não “suficientes”.

A decisão foi tomada um dia depois de o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro denunciar Dr. Jairinho e Monique Medeiros pelo homicídio triplamente qualificado de Henry, no dia 8 de março. Ambos também foram denunciados pelos crimes de tortura, fraude processual e coação de testemunhas.

Monique ainda responderá por crime de falsidade ideológica pelo fato de, em 13 de fevereiro, ter prestado declaração falsa no Hospital Real D’Or, em Bangu, sobre as causas de um ferimento do filho.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana