economia

Amazon fica na Carteira BDRs do Inter

Publicados

em


source
Amazon fica na Carteira BDRs do Inter
Ivonete Dainese

Amazon fica na Carteira BDRs do Inter

A equipe de análise do Banco Pan fez alterações na Carteira de BDRs para o mês de abril. Com o conflito entre a Rússia e a Ucrânia, os analistas reduziram a exposição de petroleiras. A Carteira veio bem diversificada.

“Removemos DV1N34 do portfólio, mas mantivemos OXYP34 e USSX34. No varejo, depois de boa performance, nossa parceria com HOME34 chega ao fim para a entrada de AMZO34, junto com WALM34. MSFT34 segue firme e forte representando as companhias de tecnologia, assim como JNJB34 e A1ZN34 são mantidas como representantes das farmacêuticas. No setor financeiro, seguimos com BOAC34, e adicionamos BERK34”, consideraram.

Carteira de BDRs para o mês de abril

AstraZeneca (A1ZN34), peso em 10,5%; preço-alvo a R$ 57,0, preço atual a R$ 52,9; upside: 7,8%;

Amazon (AMZO34), peso em 10,0%; preço-alvo a R$127,0, atual a R$ 99,3; upside: 27,9%;

BHHS (BERK34), peso em 9,0%; preço-alvo a R$ 86,0, atual a R$ 84,24; upside: 2,1%;

Bank of America (BOAC34), peso em 9,5%; preço-alvo a R$ 63,0, atual a R$ 49,2; upside: 28,0%;

Caterpillar (CATP34), peso em 11,0%; preço-alvo a R$81,0, atual a R$66,68; upside: 21,5%;

Leia Também

Entre nos nossos grupos para traders: https://bit.ly/3wPphnD

Johnson& Johnson (JNJB34), peso em 9,0%; preço-alvo a R$ 62,0, atual a R$56,22; e upside: 10,3%;

Leia Também

Microsoft (MSFT34), peso em 10,5%; preço-alvo a R$ 77,0, atual a R$ 61,35; upside: 25,5%;

OXY (OXYP34), peso 10,0%; preço-alvo a R$150,0, atual a R$136,88; upside: 9,6%;

United States Steeel (USSX34), peso 10,5%; preço-alvo a R$180,0, atual a R$ 182; upside: -1,1%; e

Walmart (WALM34), peso em 10,0%; preço-alvo a R$52,0, atual a R$44,06; upside: 18,0%.

Entre os destaques de março:

Na Carteira de março, entre os positivos ficaram: a OXYP34 avançando 38% no mês, seguida por USSX34, que subiu cerca de 32%, ambas beneficiadas pela forte alta do petróleo no período. Por outro lado, a HOND34 teve o pior desempenho da carteira, caindo mais de 15%, reflexo do cenário desafiador de câmbio, juros e bonds japoneses que ganhou força no fim do mês.

Entre nos nossos grupos de WhatsApp e receba notícias do mercado em tempo real.

O post Amazon fica na Carteira BDRs do Inter apareceu primeiro em 1 Bilhão Educação Financeira .

Comentários Facebook
Propaganda

economia

Aneel mantém bandeira tarifária verde para julho

Publicados

em

source
Hoje, há 212 localidades isoladas do SIN, com consumo energético abaixo de 1%
Agência Brasil

Hoje, há 212 localidades isoladas do SIN, com consumo energético abaixo de 1%

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu acionar a bandeira verde no mês de junho para todos os consumidores conectados ao Sistema Interligado Nacional (SIN). De acordo com a agência, dessa forma, não haverá cobrança extra na conta de luz no próximo mês.

É o segundo anúncio de bandeira verde realizado pela Aneel desde o fim da Bandeira Escassez Hídrica , que durou de setembro de 2021 até meados de abril deste ano. Em maio, a agência já havia acionado a bandeira verde . Segundo a Aneel, na ocasião, a bandeira verde foi escolhida devido às condições favoráveis de geração de energia.

Criadas em 2015 pela Aneel, as bandeiras tarifárias refletem os custos variáveis da geração de energia elétrica. Divididas em níveis, as bandeiras indicam quanto está custando para o SIN gerar a energia usada nas casas, em estabelecimentos comerciais e nas indústrias.

Quando a conta de luz é calculada pela bandeira verde, significa que a conta não sofre qualquer acréscimo. Quando são aplicadas as bandeiras vermelha ou amarela, a conta sofre um acréscimos, que variam de R$ 1,874 por 100 quilowatt-hora (kWh) consumido a 9,492 por 100 kWh.

O Sistema Interligado Nacional é dividido em quatro subsistemas: Sudeste/Centro-Oeste, Sul, Nordeste e Norte. Praticamente todo o país é coberto pelo SIN. A exceção são algumas partes de estados da Região Norte e de Mato Grosso, além de todo o estado de Roraima.

Atualmente, há 212 localidades isoladas do SIN, nas quais o consumo é baixo e representa menos de 1% da carga total do país. A demanda por energia nessas regiões é suprida, principalmente, por térmicas a óleo diesel.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

Mais Lidas da Semana