BRASIL E MUNDO

Adolescente ajuda padrasto a matar a própria mãe por estar apaixonada por ele

Publicados

em


source
Mulher foi morta pelo marido
Reprodução

Mulher foi morta pelo marido

Uma adolescente de 16 anos que foi presa suspeita de participar do assassinato da mãe e da irmã de 9 anos, em Pompeia, no interior de São Paulo. Ela teria combinado o crime com o padrasto por estar apaixonada por ele.

“Ela (a adolescente) tinha problemas com a mãe. Ela não gostava da mãe, conforme relatou. Aí ficou apaixonada pelo cara (padrasto) e combinaram de matar a mãe”, diz o delegado Cláudio Anunciato Filho, em entrevista ao portal G1.

“Primeiro ele (o padrasto) matou a mulher porque a filha não gostava da mãe, e já tinha rixa com ela. Eles estavam apaixonados. E aí depois mataram a menina, não porque ninguém gostava da menina, mas para ocultar o crime. A morte da menina foi para não vir à tona o primeiro homicídio”, esclarece o delegado.

Entenda 

Cristiane Pedroso dos Santos Arena, de 34 anos, e a filha Karoline Vitória dos Santos Guimarães, de apenas 9 anos, estavam desaparecidas desde o fim do ano passado. Os corpos das duas foram encontrados enterrados no quintal da casa onde moravam, no dia 2 de fevereiro deste ano. Para ocultar o crime, foi colocado um piso de concreto em cima das vítimas.

Você viu?

No dia em que os corpos foram localizados, a filha de 16 anos da vítima foi presa por ser suspeita.

Já o padrasto Fabrício Buim Arena Belinato, de 36 anos, foi capturado na última segunda-feira (8), em Campo Grande, após ter fugido após os crimes.

Depoimento do padrasto

Fabrício detalhou que matou a esposa durante uma briga com um golpe de faca. Segundo ele, a ação foi legítima defesa. Após um mês de matar a esposa, ele disse que matou a criança asfixiada porque ela estaria questionando sobre a presença da mãe e poderia contar para alguém sobre o caso.

Investigação

A Polícia Civil trabalha com a linha de que a adolescente presa mantinha um envolvimento amoroso com o padrasto. Por isso, além do duplo homicídio e ocultação de cadáver, Fabrício é investigado por estupro de vulnerável pois teria abusado sexualmente da enteada mais velha há vários anos.

A adolescente negou participação no crime, mas a polícia acredita que ela deu cobertura ao padrasto e ajudou a enterrar os corpos. “Ele (padrasto) confirmou que mantinha um relacionamento com ela (a adolescente) a partir do momento que ela fez 15 anos, em 2019”, disse o delegado.

Comentários Facebook
Propaganda

BRASIL E MUNDO

Crianças são resgatadas no mar Mediterrâneo; grupo tentava migrar para Espanha

Publicados

em


source
Guarda Civil resgatou crianças no mar em operação para devolver imigrantes marroquinos
Guarda Civil/Reprodução

Guarda Civil resgatou crianças no mar em operação para devolver imigrantes marroquinos

Fotografias que mostram o momento em que socorristas resgatam um bebê e outras crianças no mar foram divulgadas pela Guarda Civil da Espanha nesta terça-feira (18). O registro do resgate é de uma operação para enviar de volta ao Marrocos milhares de pessoas que tentavam migrar, a nado, ao enclave espanhol de Ceuta. As informações são do  G1. 

Segundo com a Guarda Civil, socorristas da Cruz Vermelha participaram da operação que resgatou crianças das águas no estreito de Gibraltar , que liga o Oceano Atlântico ao Mar Mediterrâneo e separa a África da Europa. Todas foram entregues às suas famílias. 

Cruz Vermelha participou da operação da Guarda Civil espanhola
Guarda Civil/Reprodução

Cruz Vermelha participou da operação da Guarda Civil espanhola

Os últimos dados indicam que cerca de 8 mil imigrantes tentaram passar do Marrocos para o território espanhol de Ceuta. Em torno de 4 mil pessoas foram devolvidas ao território marroquino.

Fernando Grande-Marlaska, ministro do Interior da Espanha, afirmou que embora “seja muito cedo para determinar o número de menores de idade”, recebeu a informação sobre a chegada de 1,5 mil, que “devem passar pelos exames correspondentes para determinar” quantos anos tinham.

Por causa da crise migratória, com números de chegadas recordes, o primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez anunciou o cancelamento de uma viagem programada a Paris e anunciou que fará um pronunciamento após a reunião do conselho de ministros de terça-feira.

Criança resgatada no mar pela Guarda Civil da Espanha
Guarda Civil/Reprodução

Criança resgatada no mar pela Guarda Civil da Espanha

“Minha prioridade neste momento é devolver a normalidade a Ceuta. Seus cidadãos e cidadãs devem saber que contam com o apoio absoluto do governo da Espanha”, escreveu o chefe de governo em uma rede social.

Em um momento de tensão entre Rabat e Madri , outros 300 migrantes tentaram saltar durante a madrugada de terça-feira a cerca na fronteira que protege o outro território espanhol no norte de Marrocos, a cidade de Melilla , informaram as autoridades locais.

Fonte: IG Mundo

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana