economia

Ações Europeias voltam para o azul

Publicados

em

source
Ações Europeias voltam para o azul
Ivonete Dainese

Ações Europeias voltam para o azul

A recuperação foi lenta nos mercados de ações da Europa. Depois da forte liquidação do dia anterior, os investidores saíram buscando pelos melhores papéis com menores preços. O mau humor generalizado foi embalado pelo temor de uma recessão global, com os índices inflacionários forçando os apertos monetários pelos bancos centrais.

Índices Europeus

O índice Stoxx Europe 600 ficou em alta de 0,68% aos 420.29. O FTSE-100, bolsa de Londres, ficou em alta de 0,37% aos 7.243. O FTSE MIB, bolsa de Milão, ficou em alta de 1,04% aos 23.069. O DAX-30, bolsa de Frankfurt, subiu 1,15% aos 13.534. O CAC-40, Paris, em alta de 0,51% aos 6.116. O Ibex 35, bolsa de Madri, ficou estável aos 8.139. O PSI-20, bolsa de Lisboa, ficou em alta de 1,12% aos 5.721.

O pan-europeu voltou para a recuperação, com grande parte das empresas listadas no índice fechando em campo positivo.

Os investidores estavam monitorando as declarações de membros dos bancos centrais (Estados Unidos e China) e já no aguardo do Banco Central Europeu, com a expectativa para o anúncio de Christine Lagarde amanhã.

Enquanto isso, a China permanece no radar global. O país está isolado por conta da nova onda de Covid-19. O porto de Xangai está praticamente paralisado por falta de mão de obra para desembarcar mercadorias dos navios que chegam ao país.

Indicadores

Na Itália, em março de 2022, o índice de produção industrial permanece inalterado em relação ao mês anterior. A variação da média dos últimos três meses em relação aos três meses anteriores foi de -0,9%. Os dados são do Istat.

O Indicador ZEW de Sentimento Econômico para a Alemanha registrou um aumento na atual pesquisa de maio de 2022, subindo 6,7 pontos para uma nova leitura de menos 34,3 pontos. A avaliação da situação econômica na Alemanha piorou novamente na pesquisa atual. O indicador correspondente caiu 5,7 pontos para um novo patamar de menos 36,5 pontos.

Se você gostou deste conteúdo e quer continuar por dentro do mundo dos investimentos, não se esqueça de clicar aqui

Entre no nosso grupo de Trade

O post Ações Europeias voltam para o azul apareceu primeiro em 1 Bilhão Educação Financeira .

Comentários Facebook
Propaganda

economia

Petrobras: Senador quer que STF investigue interferência de Bolsonaro

Publicados

em

source
Bolsonaro é acusado de interferir na Petrobras
Isac Nóbrega/PR

Bolsonaro é acusado de interferir na Petrobras

O líder da oposição no Senado, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), apresentou um pedido ao Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar o presidente Jair Bolsonaro (PL) por suposta interferência na Petrobras. A ação é motivada após o ex-presidente da companhia Roberto Castello Branco afirmar, em um grupo privado, que seu antigo telefone tinha provas que poderiam incriminar o mandatário.

Em um grupo privado de mensagens com economistas, Castello Branco diz que antigo seu celular corporativo tinha mensagens e áudios que provavam que Bolsonaro tinha interferido na Petrobras. O caso foi antecipado pelo site “Metrópoles”.

O aparelho foi devolvido à companhia após Castello Branco ter deixado a presidência da Petrobras, no início do ano passado. Na conversa, o ex-presidente não detalha quais seriam os crimes que Bolsonaro teria cometido.

No pedido ao STF, Randolfe pede, além da abertura do inquérito contra Bolsonaro, por parte da Procuradoria-Geral da República (PGR), que Castello Branco preste depoimento sobre o caso e que o celular citado seja apreendido para ser periciado. O senador pede também que as mensagens que eventualmente forem encontradas sejam divulgadas.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

“Solicitamos a Vossa Excelência que se oficie ao Procurador-Geral da República para analisar a abertura de inquérito investigativo em face do Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, para que esclareçam os fatos e os eventuais crimes cometidos por ele contra o erário público, com a tomada urgente de depoimento do Sr. Roberto Castello Branco, ex-presidente da Petrobras, e de Rubem Novaes, ex-presidente do Banco do Brasil, bem como a tomada das medidas acautelatórias indispensáveis ao esclarecimentos dos fatos, tais como a busca e apreensão do telefone celular indicado, a sua perícia e a imediata publicidade sobre os conteúdos que digam respeito ao caso, que contempla manifesto interesse público subjacente”, disse no documento.

Randolfe pede ainda que a apreensão do celular seja feita o mais rápido possível a fim de evitar que o conteúdo das mensagens sejam apagados.

“Tal medida acautelatória é, por pressuposto, urgente, na medida em que há real risco de iminente apagamento de todos os dados que porventura impliquem o Presidente da República em atos criminosos.”

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

Mais Lidas da Semana