economia

Ação está em boa fase e pode ser ótima oportunidade para investidor

Publicados

em


source
Ação está em boa fase e pode ser ótima oportunidade para investidor
Rafael Lage

Ação está em boa fase e pode ser ótima oportunidade para investidor

Forjas Taurus (TASA4), apresentou bons resultados no quarto trimestre de 2021; apesar das despesas não recorrentes presionarem a margem EBITDA da empresa nesse último trimestre e os lucros da companhia no quarto trimestre de 2021.

A Margem EBITDA é a abreviação de Earnings Before Interest, Taxes, Depreciation and Amortization, ou seja, Lucro Antes de Juros, Impostos, Depreciação e Amortização (LAJIDA). Esse indicador mostra o folêgo da companhia, para cobrir as despesas operacionais caso ocorra uma queda no lucro.

Falando em lucro, este aliás também foi afetado por conta da incidência de um imposto diferido e deve continuas afetar o resultado da Forjas Taurus nos próximos exercícios. Fora este ponto negativo, os crescimento no lucro, foi superior ao crescimento da receita em 2021 e ou grau de alavancagem financeira da companhia vem sendo reduzido ano a ano/trimestre a trimestre; e atingiu 0,4x no último trimestre frente os 1,7x do mesmo período do mesmo período em 2020,

Corroborando com estes fatores, os executivos da companhia acreditam que o mercado de armas deve continuar aquecido em 2022 e 2023.

Leia Também

Graficamente, as ações da empresas seguem fazendo fundos ascendentes, médias móveis estão alinhadas na compra e ontem tivemos o aparecimento de uma figura de candlestick positiva (engulfing de alta). O que mostra que graficamente as ações pode continuar a subir principalmente caso o fechamento das cotações fique acima dos R$ 24,50.

Do lado contrário, não podemos perder os R$ 22,40 aonde se localiza o fundo anterior; já que desta forma desconfigura a sequência de fundos ascendentes que se formou no gráfico diário de TASA4.

Leia Também

Finalizando, vale salientar que temos um suporte fortíssimo em R$ 20,80 e podem segurar uma eventual queda das ações e para cima dos R$ 24,50 poderemos ter buscar em R$ 25,80 e depois a região entre R$ 28,00 e R$ 29,70.

O post Ação está em boa fase e pode ser ótima oportunidade para investidor apareceu primeiro em 1 Bilhão Educação Financeira .

Comentários Facebook
Propaganda

economia

Empresa que gerencia BK no Brasil recomenda recusa em oferta de venda

Publicados

em

Fundo árabe ofereceu R$ 900 milhões para controlar restaurantes do Buger King no Brasil
Ana Carol Soares

Fundo árabe ofereceu R$ 900 milhões para controlar restaurantes do Buger King no Brasil

O Conselho Administrativo da Zamp, empresa que gerencia o Burger King no Brasil, recomendou a recusa da oferta do fundo árabe Mubadala Capital para venda das operações do restaurante no país. Segundo a Zamp, a oferta foi abaixo do que apurado por sua consultoria financeira.

A Mubadala Capital ofereceu cerca de R$ 938 milhões para comprar 45,1% das ações da rede de restaurantes. O valor é correspondente a R$ 7,55 por ação.

Após a proposta, a Zamp contratou o banco BTG Pactual para analisar o valor proposto pela Mubadala. Segundo a consultoria, a ação da empresa varia entre R$ 9,96 a R$ 13,47.

“Os acionistas devem avaliar, em sua tomada de decisão, as credenciais do potencial novo acionista controlador, sua estratégia de atuação e a oportunidade de liquidez”, afirma o documento entregue a empresa.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

“Haverá uma redução relevante na liquidez das ações de emissão. Não sendo possível precisar o impacto dessa redução de liquidez”, completa o documento.

Os acionistas da Zamp devem se reunir no dia 15 de setembro na B3, em São Paulo, para decidir se aceitarão ou não a proposta do fundo árabe. A expectativa é que o quadro acionário siga a recomendação do Conselho de Administração.

Atualmente, a Mubadala Capital conta com 4,9% do controle da Zamp. Se o acordo for concretizado, o fundo assumirá 50% do controle da rede de restaurantes.

“Os interesses do potencial novo atual acionista controlador podem ser conflitantes com os interesses dos demais acionistas”, ressaltou o conselho.


Fonte: IG ECONOMIA

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

TECNOLOGIA

MATO GROSSO

Política Nacional

Mais Lidas da Semana