POLÍCIA

Academia de Polícia da Polícia Civil de Mato Grosso lança 2ª Edição da Revista Tiradentes

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Academia de Polícia Civil de Mato Grosso (Acadepol) lançou nesta quinta-feira (03.12), a 2ª Edição da Revista Tiradentes. Após aproximadamente dois anos sem a publicação do periódico, a Academia de Polícia assumiu o desafio de retomar o seu protagonismo com a reformulação da revista e novos integrantes.

O Conselho Editorial da Revista Tiradentes se apresenta da seguinte forma, de acordo com a Portaria nº 12/2020:

·         Editor(es)-Chefe da Revista Tiradentes: o delegado de polícia e diretor adjunto: Joaquim Leitão Júnior;

·         Conselho Editorial Científico: Dr. Josué Ribeiro da Silva Nunes e Gênison Brito Alves Lima;

·         Revisores Ad Hoc: Dr. Josué Ribeiro da Silva Nunes, Dr. Gênison Brito Alves Lima, Joaquim Leitão Júnior, Bruno Lima Barcellos, Ricardo Rodrigues Barcelar, Zenildo Crisóstomo do Prado, Maria José Batista da Silva e Ademar Torres de Almeida;

·         Secretaria da Revista: Danielly Cristina D’ávila Barros Dias;

·         Designer da Revista: Alex Marcante Alencastro.

 

A Revista Tiradentes apresenta nesta sua 2ª Edição temáticas contemporâneas e debates de alto nível que permeiam a Segurança Pública e todo o Sistema de Justiça Criminal, em variadas óticas. Deste modo, composta por abordagens dentro dos nichos acima, em seu volume 02 serão disponibilizados 15 artigos.

A Revista Científica Multidisciplinar procurou, por meio de um esforço hercúleo e esmero dos autores e autoras uma proposta diferente nesta 2ª Edição, qual seja, trazer reflexões diversas que certamente contribuirão quanto ao avanço do trabalho policial e a melhoria da gestão da segurança pública como ferramenta do avanço da sociedade mato-grossense.

A revista traz ainda um novo espaço de diálogos em Segurança Pública disponíveis à comunidade académica, aos trabalhadores das diferentes forças da Segurança Pública, sempre buscando o avanço da gestão e aprimoramento do trabalho policial.

Por fim, convida-se você caro leitor, para uma enriquecedora e proveitosa leitura acerca dos trabalhos aqui apresentados, na qual a indigitada revista é lançada pela atual gestão dos delegados de polícia, Welber Batista Franco e Joaquim Leitão Júnior, respectivamente, Diretor da Academia e Diretor Adjunto da Academia de Polícia da Polícia Civil de Mato Grosso.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Propaganda

POLÍCIA

Operação Dispersão identifica aglomerações, consumo de droga e foragidos foram capturados

Publicados

em


Policiais militares intensificaram de sexta-feira a domingo (22 a 24.01) a Operação Dispersão em várias cidades do estado e identificaram diversas irregularidades e crimes. As ocorrências foram em Várzea Grande, Cáceres, Tangará da Serra, Barra do Bugres e Campo Verde

Em Várzea Grande, os militares do 4º BPM foram informados que pessoas estariam aglomeradas em um bar, localizado no bairro Ipase.

No estabelecimento comercial, a denúncia foi confirmada, com  pessoas aglomeradas não obedecendo ao distanciamento. O dono do bar no dia anterior já tinha sido informado para se adequar as medidas de biossegurança, porém, não o fez.

O horário extrapolava o permitido pelos critérios da gestão municipal. O homem foi orientado a fechar o estabelecimento e conduzido à delegacia.

Em Campo Verde, os trabalhos contaram com apoio do 11º CR de Primavera do Leste com foco em ocorrência de perturbação do sossego público, como ocorrido no Assentamento Santo Antônio, onde pessoas estavam aglomeradas e consumindo álcool e droga.

Foram detidos cinco homens por tráfico de droga e apreendidas porções de cocaína e maconha, além de dinheiro. Dois foragidos foram capturados, sendo um procurado por homicídio e o outro por roubo.

Foram identificados ainda adolescentes pilotando motocicletas e adultos sem habilitação ou com irregularidade na documentação dos veículos. Foram apreendidas 15 motocicletas.

Em Cáceres, os trabalhos foram em parceria com equipes da Força Tática, Prefeitura e do Corpo de Bombeiros. Nove bares foram multados por algum tipo de irregularidade.

Em Barra do Bugres, os policiais da 12ª Companhia junto com agentes da Polícia Judiciária Civil e Corpo de Bombeiro intensificaram os trabalhos na zona rural e perímetro urbano, por meio do patrulhamento ostensivo.

O objetivo foi inibir a prática de furto e roubo de gado e a travessia de veículos furtados e roubados para Bolívia e combate ao tráfico de droga na região. Aconteceu também a fiscalização de bares e lanchonetes com orientação e a dispersão com base no decreto municipal devido a manutenção das medidas preventivas no combate a Covid-19.

Em Tangará da Serra, os militares do 19º BPM realizaram patrulhamento ostensivo e preventivo com abordagens e checagens, pontos de estacionamentos e as rondas intensificadas nos bairros e área central.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana