Cuiabá

Abordagem resulta no acolhimento de mais um morador em situação de rua

Publicado


.

Após mais uma ação de abordagem aos moradores em situação de rua, realizada na terça-feira (04), mais uma pessoa foi acolhida para o Albergue Manoel Miraglia. A equipe de abordagem da Assistência Social foi o loco verificar a real necessidade das pessoas que estão acampadas na região do Terminal Rodoviário Eng. Cássio Veiga de Sá. 

De acordo com a coordenadora de Atenção Especial, Maggie Carolina, o local faz parte da rotina de trabalho, dentro da rota de visitas diárias, tanto dos moradores em situação de rua como para a população imigrante. “Válido lembrar que, essa não foi a primeira vez que a equipe realizou a visita nesse local. Já passamos todas as informações, serviços de acolhimento existentes no município e sobre a importância do isolamento social, nesse momento de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus”, comentou a coordenadora.

No local, estão acampados cerca de 16 pessoas, todas do sexo masculino e nenhuma criança. O único idoso foi acolhido na unidade. “Iremos continuar trabalhando, visitando a região. Quanto mais pessoas acolhidas, menor o risco de proliferação da COVID-19 e menos pessoas expostas nas ruas. Ficamos felizes com cada pessoa acolhida em nossa rede de assistência social”, completou.

Além das ações de abordagem, a Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, desde o início da adoção de medidas de enfrentamento à pandemia, está entregando marmitas para as pessoas que não aceitam ir para as unidade de acolhimento ou para o Hotel Albergue.

Os trabalhos são realizados pela equipe de abordagem, de segunda a sábado, sendo entregues 350 refeições por dia. O trabalho teve início no final do mês de março, período em que a Prefeitura adotou várias medidas de enfrentamento a Covid-19.

Vale ressaltar que as ações de acolhimento emergencial da população em situação de rua nesse momento são realizadas diuturnamente pelas equipes dos Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) da Capital. 

Atualmente, a rede de Assistência conta com três unidades dos albergues municipais, sendo o Manoel Miráglia, da Guia e do Porto. Além desses, está em funcionamento o programa Hotel Albergue, por meio de uma parceria realizada com uma Rede de Hotéis, sendo mais um ponto de apoio para abrigar essas pessoas.

“Graças a sensibilização da gestão e todos os esforços da primeira-dama Márcia Pinheiro, estamos alcançando êxito em nossos trabalhos. Estamos muito satisfeitos com os resultados. Aos poucos, estamos conscientizando as pessoas em situação de rua sobre a importância do isolamento social”, pontuou.

A distribuição das vagas é feita de acordo com o perfil de cada atendido. Os albergues municipais são para pessoas em trânsito ou que vieram para Cuiabá e não conseguem voltar de imediato. Já o Hotel Albergue é para aquelas que já estão há algum tempo em lugares de grande concentração desse público, como o Morro da Luz, Praça do Porto, Rodoviária e Beco do Candeeiro.

“Esse trabalho de sensibilização é permanente. É meta do nosso prefeito Emanuel Pinheiro e da nossa primeira-dama Márcia Pinheiro oferecer acolhimento para o maior número possível de pessoas em risco de vulnerabilidade social. Sabemos que muitos ainda são resistentes, mas com esse trabalho contínuo, aos poucos, vamos alcançando os resultados esperados”, finalizou.

Comentários Facebook
publicidade

Cuiabá

Governo abre licitação para recuperar Trincheira Jurumirim

Publicado

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), abriu processo licitatório para a contratação de empresa de engenharia para a restauração do pavimento e recuperação da estrutura de concreto da Trincheira Jurumirim, localizada na Avenida Miguel Sutil, em Cuiabá.

A construção da Trincheira Jurumirim, idealizada para Copa do Mundo de 2014, foi entregue e liberada para o tráfego naquele ano, apesar de a obra não estar totalmente concluída, com 97,8% dos serviços executados. Na época, faltavam serviços complementares de paisagismo, mas o contrato foi encerrado em razão de embaraços jurídicos e administrativos.

No entanto, foram diagnosticadas falhas no pavimento posteriormente à entrega da obra e a Sinfra teve que fazer um levantamento técnico dos problemas existentes ao longo da estrutura, de acordo com o secretário-adjunto de Obras Especiais da Sinfra, Isaac Nascimento Filho.

Com esse diagnóstico de engenharia pronto, a obra está sendo retomada para conclusão e entrega em definitivo ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).   O valor do orçamento estimado para a execução das melhorias em 1,32 quilômetro de extensão da trincheira, entre os bairros Jardim Leblon e Bosque da Saúde, é de R$ 14,2 milhões.

“As correções tratarão não só as patologias no pavimento ao longo de toda a trincheira, mas também as infiltrações e problemas com as juntas de dilatação na parte superior, ou seja, nas pistas marginais também. Assim que fizermos essas correções poderemos entregar a obra 100% para o DNIT”, esclareceu.

O secretário explicou ainda que todos os investimentos com as melhorias na trincheira serão custeados, neste primeiro momento, pelo Estado, para finalizar o quanto antes essa obra. Porém, o Estado vai buscar ressarcimento junto à construtora responsável, em razão de as melhorias serem necessárias devido à má execução do projeto.

Licitação

Conforme o edital de licitação, o processo será na modalidade concorrência pública, do tipo menor preço. A sessão pública de abertura das propostas será realizada no dia 1º de dezembro, às 9h, na sala de reuniões da própria Sinfra. A licitação também é transmitida em tempo real pelo canal do Youtube da Sinfra.

Tanto o projeto executivo, quanto demais documentações complementares, assim como o edital, encontram-se disponíveis no site da Sinfra para consulta. Eventuais esclarecimentos de dúvidas quanto ao edital poderão ser solicitados, preferencialmente, via e-mail [email protected], até cinco dias anteriores à sessão pública.

Outras melhorias

Além da trincheira Jurumirim, o Governo do Estado vai recuperar mais uma obra idealizada para a Copa do Mundo de 2014: a trincheira do Complexo Viário do Tijucal, em Cuiabá. Serão realizados serviços de restauração, com reparos pontuais no pavimento e a substituição de drenos das cortinas que apresentem algum tipo de comprometimento em sua eficiência.

Os serviços serão executados em um prazo de até 30 dias e todo o projeto de restauração será executado como parte do contrato firmado em 2012, na ordem de R$ 32 milhões. Desse modo, o Estado não terá custos adicionais com a execução das melhorias de infraestrutura.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Agronegocio

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana