SUA SAÚDE AQUI

12 de setembro – Odontóloga de Cuiabá fala sobre a importância da saúde da boca, no Dia Mundial da Saúde Oral

Publicados

em

Odontóloga Laura Magalhães | Foto: Sérgio Tanigut
Por Edmundo Pacheco | Portal Mato Grosso

 O Dia Mundial da Saúde Oral, foi criado pela World Dental Federation (WDF) visando alertar para a importância de se manter a boa saúde bucal. Para a entidade, isso não significa apenas ter dentes bonitos. “Toda a boca necessita de cuidados específicos para manter a chamada saúde oral, incluindo os dentes, as gengivas, os ossos da face etc”, explica a odontóloga Laura Magalhães, da Orale Vida, de Cuiabá.

Laura lembra que a saúde da boca afeta todo o corpo e cita como exemplo as doenças autoimunes como o Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES) e o eritema multiforme podem começar como aftas que doem e incomodam, para depois apresentar outras lesões. Da mesma forma, doenças como a Sífilis aparece primeiro na boca, como um pequeno tumor. A Leucemia que é um tipo de câncer do sangue também dá seus primeiros sinais na boca, com lesões que não saram, aumento e sangramento da gengiva”, explica.

“Consultas periódicas ao dentista, além de garantir dentes saudáveis, são fundamentais para que se tenha um corpo saudável. O profissional de odontologia, além dos dentes, observa outros sinais, que pode indicar manifestações que vão desde doenças graves como as citadas anteriormente até doenças que podem estar sendo provocadas pela própria boca. Um exemplo é a Pericardite. Trata-se de uma inflamação da capa que envolve o coração, causada por bactérias, vírus ou fungos que começam como uma gengivite ou um canal não tratado. As bactérias da boca podem cair na corrente sanguínea e se alojar em tecidos cardíacos, causando a infecção”, explica Laura Magalhães.

“Quando falamos em saúde da boca, o posicionamento dos dentes também é um assunto a ser abordado, pois dentes tortos ou fora da posição correta, trarão problemas, quanto a função da mastigação e estética, um exemplo é o sucesso que o Sistema Invisalign está fazendo. Esse novo tratamento ortodôntico é feito com um aparelho invisível revolucionário. São alinhadores transparentes que corrigem a posição dos dentes com várias vantagens em relação aos aparelhos convencionais e sem o famoso “dentes de aço”, que tanto incomodavam as pessoas”, informa.

Para Laura Magalhães cuidar dos dentes traz sensação de bem-estar e eleva a autoestima das pessoas. “Sem contar que dentes com problemas podem até comprometer a capacidade da pessoa se alimentar de maneira adequada, sem contar que quase não existe nada pior que uma dor de dentes”.

 SAIBA MAIS

1 – O Dia Mundial da Saúde Oral marca o aniversário do nascimento do odontologista francês, Charles Eduoard Godon, fundador da WDF.

2 – A escovação dos dentes não deve ser tão rápida nem tão longa. O tempo de duração recomendado é de dois minutos. Durante a escovação, deve-se fazer movimentos suaves e curtos, tendo-se o cuidado de escovar bem a região em que os dentes se encontram com a gengiva, os dentes que ficam mais atrás e com restaurações.

3 – Dicas para se ter dentes saudáveis: escove os dentes pelo menos três vezes ao dia, usando um creme dental que contenha flúor. A escovação é obrigatória ao acordar, depois de cada refeição e antes de dormir. O uso do fio dental completa a higienização da boca, alimentos ficam retidos entre os dentes e só a escovação não consegue limpar, por isso o fio dental é extremamente necessário para se ter saúde bucal; e vá ao dentista pelo menos uma ou duas vezes ao ano.

Comentários Facebook
Propaganda

SUA SAÚDE AQUI

17 de setembro – O que matou Steve Jobs e Marcelo Resende?

Publicados

em

Por Edmundo Pacheco | Portal Mato Grosso

Você se lembra do jornalista e apresentador Marcelo Resende? Sabe o que ele e Steve Jobs têm uma coisa em comum? Pois é, ambos morreram por causa de um câncer de pâncreas.

Esse tipo de câncer é considerado pelos oncologistas como o mais mortal, com uma taxa de sobrevida de 5 anos.

Isso significa que a pessoa com câncer de pâncreas vai viver, no máximo esse tempo. Mas é uma taxa otimista, muito otimista. Na verdade este câncer mata 75% dos portadores no primeiro ano após a descoberta e 94% nos primeiros 5 anos. Só 4% vivem muito mais tempo do que 5 anos e 2% são curados.

Para complicar, este tipo de câncer geralmente é descoberto já em estágio avançado, por ser quase assintomático nos estágios iniciais.

E mesmo em estágio avançado, apresenta sintomas que são comumente confundidos com outras doenças como dor na barriga ou nas costas, perda de peso e falta de apetite, problemas digestivos, diabetes urina, coceira na pele, fraqueza, diarréia e tontura, entre outros.

O câncer de pâncreas é raro antes dos 30 anos de idade e as chances aumentam após os 50 anos, com maior incidência principalmente entre os homens, na faixa entre 65 e 80 anos. Segundo a União Internacional Contra o Câncer (UICC), os casos da doença aumentam com o avanço da idade: de 10/100.000 casos entre 40 e 50 anos para 116/100.000 entre 80 e 85 anos. No Brasil, o câncer de pâncreas representa 2% de todos os tipos de câncer, sendo responsável por 4% do total de mortes por câncer. Por ano, nos Estados Unidos, cerca de 26 mil pessoas são diagnosticadas com a doença. A taxa de mortalidade por câncer de pâncreas é alta, pois é uma doença de difícil diagnóstico e extremamente agressiva.

Outro detalhe a ser observado é que o câncer de pâncreas aumenta principalmente devido ao uso de derivados do tabaco. Os fumantes possuem três vezes mais chances de desenvolver a doença do que os não fumantes. Também há risco maior para pessoas que consomem carne em excesso, gordura e bebidas alcoólicas, além de profissionais que ficam expostos por longo tempo a compostos químicos, como solventes e petróleo.

 

SAIBA MAIS

O pâncreas é uma glândula do aparelho digestivo, localizada na parte de cima do abdome e atrás do estômago. É responsável pela produção de enzimas, que atuam na digestão dos alimentos, e pela insulina – hormônio responsável pela diminuição do nível de glicose (açúcar) no sangue. É dividido em três partes: a cabeça (lado direito); o corpo (seção central) e a cauda (lado esquerdo).

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

ENTRETENIMENTO

MATO GROSSO

Política Nacional

CIDADES

Mais Lidas da Semana