Casa Cuiabana estreia exposição coletiva dedicada à religiosidade e fé

Creuza Maria, Eliana Mux, Rosylene Pinto, Silvana Maris e Meg Marinho compartilham seus trabalhos de estilos e técnicas diversas a partir desta sexta-feira (04)

Protásio de Morais

Divulgação

A Casa Cuiabana é um dos equipamentos da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel). Está localizada na rua General Vale, 181, bairro Bandeirantes

A Casa Cuiabana é um dos equipamentos da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel). Está localizada na rua General Vale, 181, bairro Bandeirantes

No mês em que se comemora o Dia de Nossa Senhora Aparecida, a Padroeira do Brasil, o Centro Cultural Casa Cuiabana abre as portas para a exposição coletiva “Rogai por Nós”, que estreia nesta sexta-feira (04.10), Dia de São Francisco de Assis, a partir das 19h e segue em cartaz até dia 08 de novembro, com entrada franca.

 

Com curadoria, expografia e montagem de Meg Marinho e textos de Ruth Albernaz, a exposição une obras de Creuza Maria, Eliana Mux, Rosylene Pinto, Silvana Maris e Meg Marinho que compartilham seus trabalhos de estilos e técnicas diversas, aproximados pela mesma temática sacra. Pinturas e esculturas de anjos e santos do cristianismo sugerem o tom da exposição.

 

A artista plástica Rosylene Pinto reserva a série “Os santos me escolheram”, um conjunto de esculturas em cerâmica. Já Eliana Mux traz para a Casa Cuiabana, ilustrações em aquarela sobre papel. Acrílico sobre papel e técnicas mistas de Meg Marinho retratam fé e religiosidade. Por fim, obras em óleo sobre tela de Maria Creuza e Silvana Maris completam a exposição coletiva.

 

“Trata-se de uma bela mostra de artes visuais contextualizando o cristianismo, compreendendo que as religiões de matrizes africanas possuem um elo com santos e anjos, frutos de devoção do nosso povo, culminando em um único significado, a fé do brasileiro”, explica Meg Marinho, organizadora da exposição.

Divulgação

Casa Cuiabana estreia exposição coletiva dedicada à religiosidade e fé

Casa Cuiabana estreia exposição coletiva dedicada à religiosidade e fé 

Outubro Rosa

 

Aproveitando que entramos no mês da campanha Outubro Rosa, que conscientiza sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama e colo do útero, a exposição “Rogai por Nós” vai arrecadar fraldas geriátricas e produtos de higiene pessoal, que serão doados para a Casa da Redenção.

 

A artista plástica Rosylene Pinto reserva a série “Os santos me escolheram”, um conjunto de esculturas em cerâmica. Já Eliana Mux traz para a Casa Cuiabana, ilustrações em aquarela sobre papel. Acrílico sobre papel e técnicas mistas de Meg Marinho retratam fé e religiosidade. Por fim, obras em óleo sobre tela de Maria Creuza e Silvana Maris completam a exposição coletiva.

 

“Trata-se de uma bela mostra de artes visuais contextualizando o cristianismo, compreendendo que as religiões de matrizes africanas possuem um elo com santos e anjos, frutos de devoção do nosso povo, culminando em um único significado, a fé do brasileiro”, explica Meg Marinho, organizadora da exposição.  

Divulgação

Casa Cuiabana estreia exposição coletiva dedicada à religiosidade e fé

Casa Cuiabana estreia exposição coletiva dedicada à religiosidade e fé

Outubro Rosa

 

Aproveitando que entramos no mês da campanha Outubro Rosa, que conscientiza sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama e colo do útero, a exposição “Rogai por Nós” vai arrecadar fraldas geriátricas e produtos de higiene pessoal, que serão doados para a Casa da Redenção.

 


Fonte: Portal Mato Grosso

Visite o website: wwww.portalmatogrosso.com.br